Mónaco: balde de água gelada mesmo a acabar

Foto: Wikipedia – View on Monacoville

Mónaco, que desperdiçou a chance de se isolar temporariamente na liga francesa de futebol, ao empatar a um golo em Dijon, em jogo da 15, desperdiçou a chance de se isolar temporariamente na liga francesa de futebol. ª jornada. A equipa orientada pelo treinador português Leonardo Jardim esteve em benefício desde o minuto 17, altura em que o progredido argentino Guido Carrillo abriu o marcador, e parecia ter o jogo controlado, mas permitiu o empate a três minutos do fim do tempo regulamentar, pelo médio do Dijon, Frederic Sammaritano.Com este empate, o Mónaco uniu-se ao Nice na liderança, com 33 pontos, mas a equipa do sul de França desloca-se na quarta-feira ao terreno do Guingamp e, reassume o primeiro lugar isolado, caso vença.Por outro lado, o Mónaco pode ainda ser alcançado ou ultrapassado na tabela classificativa pelo Paris Saint-Germain, que adiciona 32 pontos e recebe na quarta-feira o Angers.Pela formação monegasca alinharam durante os 90 minutos os internacionais portugueses João Moutinho e Bernardo Silva.Noutro jogo hoje disputado da 15.ª jornada, o Lille venceu na receção ao Caen por 4-2, tendo o golo que abriu o percurso àovtriunfosido marcado aos 13 minutos pelo internacional português Éder, que se lesionou pouco depois e fNicolas De Preville strocouele , a os 20.elo Lille alinhou também durante os 90 minutos o internacional sub-21 português Ronny Lopes aos 65 Sub-21 português Ronny Lopes é autor do quarto golo., e de uma assistência para o segundo, aos 24, marcado pelo avançado tunisino Naim Sliti.Esta vitória permitiu ao Lille deixar, temporariamente, o penúltimo lugar e subir ao 15.º, com 14 pontos, os mesmos do Caen, seu oponente de hoje, que é 16.º.Ainda a contar para a 15.ª jornada, o Lorient, lanterna-vermelha da liga francesa, recebeu e venceu hoje o Rennes, quarto classificado, por 2-1, o que não foi suficiente para retirar a equipa do último lugar, no qual se encontra com 11 pontos.Com esta derrota algo admirável, o Rennes, que adiciona 24 pontos, arrisca-se a perder o quarto lugar para os mais diretos perseguidores, o Guingamp e o Bordéus, que têm menos um, e para o Lyon, com 22, e o Saint-Étienne, com 21.

O treinador Leonardo Jardim inclui os nomes de João Moutinho e Bernardo Silva nos convidados para o jogo da Ligue 1, amanhã na casa do Dijon.O Mónaco pode passar amanhã temporariamente para a liderança da Ligue 1 francesa se vencer na casa do Dijon. O jogo é um dos três que abrem a 15.ª jornada do campeonato francês e em caso de triunfo, a equipa orientada por Leonardo Jardim ultrapassa o líder Nice, que só visita o Guingamp na quarta-feira.Para o embate de amanhã, Jardim conta com os dois compatriotas portugueses que alinham no plantel: João Moutinho e Bernardo Silva. Enquanto Bernardo Silva foi titular, o primeiro participou nos últimos 28 minutos na vitória por 4-0 sobre o Marselha , fez a assistência para o 2-0 da autoria de Germain.Na lista dos 21 convidados, Leonardo Jardim não incluiu Jemerson e Mendy: o central brasileiro satisfaz um jogo de castigo devido à acumulação de cartões amarelos, enquanto o lateral-esquerdo francês realiza um programa de recuperação devido a fcansaçomuscular.

Leer Más

Monaco pega Dijon para continuar perseguição ao Nice

Foto: Wikipedia – Monaco-Ville-ruelle

A 15ª rodada do Campeonato Francês, que será disputada neste meio de semana, promete aquecer ainda mais a disputa pela liderança, atualmente nas mãos do Nice, com 33 pontos, um a mais do que Monaco e o Paris Saint-Germain, que dividem a segunda colocação. Nesta terça-feira, o Monaco, que adota um discurso otimista em relação ao jogo, vai ao Estádio Gaston Gérard enfrentar o Dijon, às 18h . Afinal, o oponente tem 14 pontos e flerta perigosamente com a zona de rebaixamento, ocupando a 14ª colocação na tabela. Além disso, o time do Principado vem de uma golada convincente por 4 a 0 sobre o Olympique de Marselha.

O Marselha vive um momento de instabilidade na temporada, e espera aproveitar o embalo com o triunfo por 1 a 0 sobre o Caen na última rodada para assombrar os adversários do Principado.“O triunfo sobre o Caen permitiu que trabalhássemos tranquilamente. Desejamo conquistar os pontos em Monaco. Sabemos que se o vai complicar , para mim é a melhor equipe do campeonato no momento. Eles são melhores que nós, estão num nível mais aumentado, mas numa partida tudo é possível. Vai ser um bom teste para nós”, declarou o técnico Rudi Garcia.

Leer Más

Mónaco com Moutinho e Bernardo para Dijon

Foto: Wikipedia – View on Monacoville

O treinador Leonardo Jardim inclui os nomes de João Moutinho e Bernardo Silva nos convocados para o jogo da Ligue 1, amanhã na casa do Dijon.O Mónaco pode passar amanhã temporariamente para a liderança da Ligue 1 francesa se vencer na casa do Dijon. O jogo é um dos três que abrem a 15. ª jornada do campeonato francês e em caso de triunfo, a equipa orientada por Leonardo Jardim, que conta com os dois compatriotas portugueses que alinham no plantel: João Moutinho e Bernardo Silva, ultrapassa o líder Nice, que só visita o Guingamp na quarta-feira. Enquanto Bernardo Silva foi titular, o primeiro participou nos últimos 28 minutos na vitória por 4-0 sobre o Marselha , fez a assistência para o 2-0 da autoria de Germain.Na lista dos 21 convidados, Leonardo Jardim não incluiu Jemerson e Mendy: o central brasileiro satisfaz um jogo de castigo devido à acumulação de cartões amarelos, enquanto o lateral-esquerdo francês realiza um programa de recuperação devido a fcansaçomuscular.

O Mónaco não deu suposições na receção ao Marselha.O Mónaco goleou o Marselha por quatro bolas a zero, em desafio da 14ª jornada da Ligue 1. Numa partida em que Bernardo Silva foi titular na formação monegasca e Rolando alinhou de começo no Marselha, o conjunto orientado por Leonardo Jardim chegou aa pausa a vencer por três bolas a zero, com golos de Boschilia e Germain .Já nos descontos, e com João Moutinho em campo – entrou para o lugar de Boschilia aos 62 minutos -, Guido Carrilo estabeleceu o 4-0 final. O triunfo diante do Marselha permite ao Mónaco alcançar temporariamente o Nice na liderança do campeonato francês, mas a equipa onde atua o português Ricardo Pereira tem menos um jogo.O Mónaco, do treinador português Leonardo Jardim, com Bernardo Silva a titular e João Moutinho no banco, goleou por 4-0 o Marselha, de Rolando, e lidera, à condição, a Ligue 1.O Bordéus recuperou de duas desvantagens e venceu o Dijon, por 3-2, para a 14.ª jornada da Ligue 1, liderada, temporariamente, pelo Mónaco, do português Leonardo Jardim, que goleou o Marselha, por 4-0.O Dijon esteve a vencer por duas vezes, dado os golos do argelino Mehdi Abeid , aos 44 minutos, e do cabo-verdiano Júlio Tavares , aos 62, já depois de uruguaio Diego Rolan ter empatado a 1-1 para os girondinos, aos 48 minutos.O Bordéus equiparou a 2-2 pelo guineense François Kamano, aos 88 minutos, e o mesmo jogador deu a volta ao marcador com um golo já no terceiro minuto da fase de descontos .Com os três pontos conquistados, o Bordéus ascendeu temporariamente do sétimo ao sexto lugar, com 23 pontos, os mesmos do Guingamp , que empatou 1-1 no terreno do Caen, e mais um do que o Lyon, que defronta no domingo o Paris Saint-Germain.O Mónaco, do treinador português Leonardo Jardim, com Bernardo Silva a titular e João Moutinho no banco, goleou por 4-0 o Marselha, de Rolando, e lidera, à condição, a Ligue 1.A formação monegasca, que na terça-feira assegurou a presença nos oitavos de final da Liga dos Campeões em primeiro do grupo E, adiciona os mesmos 32 pontos do Nice, que domingo recebe o Bastia, 17.º classificado da Liga gaulesa, com 12.Os golos do Mónaco foram marcados pelo brasileiro Gabriel Boschilia, aos 23 minutos, por Valère Germain, aos 29 — assistido por Bernardo Silva — e aos 39, a passe do colombiano Radamel Falcao, e pelo argentino Guido Carrillo, aos 90+1.Os encontros entre o Montpellier e o Nancy e o Nantes e o Lille, que exibiu os portugueses Éder e Rony Lopes na equipa inicial, concluíram empatados a zero e sem que nenhuma das equipas conseguisse ganhar benefício na escapada aos lugares de despromoção.O lanterna-vermelha Lorient esteve a vencer por 3-1 em casa do Metz, mas acabou por ceder uma igualdade a 3-3, com dois golos de rajada aos 75 e 78 minutos por Thibaut Vion, jogador que passou pela formação do FC Porto e que entrara no jogo aos 74.Simon Falette colocou o Metz em benefício, aos 11 minutos, mas o ganes Abdul Waris, aos 16, e o camaronês Moukandjo, aos 56 e 61, na conversão de uma grande penalidade, deram a volta ao jogo e colocaram o Lorient perto da conquista de três pontos.O balde de água fria para o Lorient surgiu do banco do Metz, sob a maneira de Thibaut Vion, que marcou dois golos seguidos e impediu o lanterna-vermelha de adicionar três pontos.se considerou Leonardo Jardim graças a o 4-0 sobre o Marselha, o melhor para o ” L’Équipe ” que ainda coloca quatro jogadores de o Mónaco em a equipa de a semana,, entre eles Bernardo Silva.Leonardo Jardim está a ver reconhecido o bom trabalho à frente do Mónaco. Na terceira época à frente do clube do Principado, o técnico português vê a equipa a asomenteum ponto do líder Nice e, mais importante, com o melhor ataque das principais ligas europeias. Com o 4-0 ao Marselha no sábado, o Mónaco chegou aos 43 golos na Ligue 1 francesa em 14 jornadas e, também por isso, mereceu honras para o “L’Équipe”.Este jornal esportivo francês elegeu Leonardo Jardim foi como o treinador da jornada, naquela que foi a quarta designação em 14 possíveis. Além disso, o técnico português viu quatro jogadores monegascos incluídos na equipa da semana. O lateral-direito Sidibé , o lateral-esquerdo Raggi , o extremo-direito Bernardo Silva e o avançado Germain, que por ter bisado contra o Marselha entrou pela primeira vez na equipa da jornada do “L’Équipe”. Por tudo isto, o jornal elegeu o Mónaco como a melhor equipa da 14.ª jornada da Ligue 1 francesa.Realce ainda para a presença de Cafú na equipa da semana. O médio, de 23 anos, que se transferiu do V. Guimarães viu premiadas as duas assistência que fez para golos do Lorient no 3-3 em Metz.

Leer Más

Ex-jogador do FC Porto bisa em três minutos e evita derrota do Metz

Foto: Wikipedia – Lorient

O Mónaco, do treinador português Leonardo Jardim, com Bernardo Silva a titular e João Moutinho no banco, goleou por 4-0 o Marselha, de Rolando, e lidera, à condição, a Ligue 1. O Bordéus recuperou de duas desvantagens e venceu o Dijon, que esteve a vencer por duas vezes, dado os golos do argelino Mehdi Abeid , aos 44 minutos, por 3-2, para a 14. ª jornada da Ligue 1, liderada, temporariamente, pelo Mónaco, do português Leonardo Jardim, que goleou o Marselha, por 4-0., e do cabo-verdiano Júlio Tavares , aos 62, já depois de uruguaio Diego Rolan ter empatado a 1-1 para os girondinos, aos 48 minutos.O Bordéus equiparou a 2-2 pelo guineense François Kamano, aos 88 minutos, e o mesmo jogador deu a volta ao marcador com um golo já no terceiro minuto da fase de descontos .Com os três pontos conquistados, o Bordéus ascendeu temporariamente do sétimo ao sexto lugar, com 23 pontos, os mesmos do Guingamp , que empatou 1-1 no terreno do Caen, e mais um do que o Lyon, que defronta no domingo o Paris Saint-Germain.O Mónaco, do treinador português Leonardo Jardim, com Bernardo Silva a titular e João Moutinho no banco, goleou por 4-0 o Marselha, de Rolando, e lidera, à condição, a Ligue 1.A formação monegasca, que na terça-feira assegurou a presença nos oitavos de final da Liga dos Campeões em primeiro do grupo E, adiciona os mesmos 32 pontos do Nice, que domingo recebe o Bastia, 17.º classificado da Liga gaulesa, com 12.Os golos do Mónaco foram marcados pelo brasileiro Gabriel Boschilia, aos 23 minutos, por Valère Germain, aos 29 — assistido por Bernardo Silva — e aos 39, a passe do colombiano Radamel Falcao, e pelo argentino Guido Carrillo, aos 90+1.Os encontros entre o Montpellier e o Nancy e o Nantes e o Lille, que exibiu os portugueses Éder e Rony Lopes na equipa inicial, concluíram empatados a zero e sem que nenhuma das equipas conseguisse ganhar benefício na escapada aos lugares de despromoção.O lanterna-vermelha Lorient esteve a vencer por 3-1 em casa do Metz, mas acabou por ceder uma igualdade a 3-3, com dois golos de rajada aos 75 e 78 minutos por Thibaut Vion, jogador que passou pela formação do FC Porto e que entrara no jogo aos 74.Simon Falette colocou o Metz em benefício, aos 11 minutos, mas o ganes Abdul Waris, aos 16, e o camaronês Moukandjo, aos 56 e 61, na conversão de uma grande penalidade, deram a volta ao jogo e colocaram o Lorient perto da conquista de três pontos.O balde de água fria para o Lorient surgiu do banco do Metz, sob a maneira de Thibaut Vion, que marcou dois golos seguidos e impediu o lanterna-vermelha de adicionar três pontos.

O Mónaco não deu suposições na receção ao Marselha.O Mónaco goleou o Marselha por quatro bolas a zero, em desafio da 14ª jornada da Ligue 1. Numa partida em que Bernardo Silva foi titular na formação monegasca e Rolando alinhou de começo no Marselha, o conjunto orientado por Leonardo Jardim chegou aa pausa a vencer por três bolas a zero, com golos de Boschilia e Germain .Já nos descontos, e com João Moutinho em campo – entrou para o lugar de Boschilia aos 62 minutos -, Guido Carrilo estabeleceu o 4-0 final. O triunfo diante do Marselha permite ao Mónaco alcançar temporariamente o Nice na liderança do campeonato francês, mas a equipa onde atua o português Ricardo Pereira tem menos um jogo.

Leer Más

Nice recomeça liderança e Rolando dá triunfo ao Marselha frente ao Caen

Foto: Wikipedia – Nice france mamac

O Nice segurou este domingo a liderança isolada da Liga francesa de futebol, ao vencer em Saint-Etiénne por 1-0, no fechamento da 13. ª jornada, enquanto o Marselha, que venceu o Caen por 1-0 no Vélodrome, num jogo em que o ‘herói’ foi o defesa central internacional português Rolando aos 81 minutos, após assistência de Bafetimbi Gomis, bateu o Caen graças a um golo do central português Rolando. Central internacional português Rolando é autor do único golo. Um golo do médio Valentin Eysseric, aos 63 minutos, garantiu o valioso vitória, num estádio difícil, e permitiu à equipa do sul de França recuperar a liderança isolada, perdida, à condição, para Mónaco e Paris Saint-Germain.O Nice, que passou a adicionar 32 pontos, contra 29 do conjunto de Leonardo Jardim e dos parisienses, conseguiu ultrapassar esta dificuldade mesmo sem poder contar com o italiano Mario Balotelli, ausente devido a castigo.Quem contribuiu para o triunfo do Nice foi o internacional português sub-21 Ricardo Pereira, que foi alternativa inicial do treinador Lucien Favre e alinhou durante os 90 minutos.Nos outros jogos hoje realizados, o Guingamp caiu para o quinto lugar, com os mesmos 22 pontos do Lyon, quarto, ao ceder um empate em casa a um golo com o Bordéus, sendo que só empatou aos 90 minutos, por Jimmy Briand.

Defesa-central português foi o autor do golo do triunfo diante do Caen.O Marselha retornou àosvtriunfosna Liga francesa este domingo, frente ao Caen, graças a um golo do internacional português Rolando, que garantiu oatvitóriapela margem mínima no Velódrome.Em partida da 13ª ronda da Ligue 1, o defesa-central assinalou de cabeça, aos 81 minutos, o único tento do encontro, que valeu os três pontos à formação orientada por Rudi Garcia.Enquanto o Caen está em 15º, com este resultado, o Marselha subiu ao 11º lugar da tabela, com 17 pontos , com somente um ponto de benefício para o Nancy, primeira equipa abaixo da linha de despromoção.

Leer Más