Chanceler do Irã declara que restabelecimento de limitação de viagens nos EUA é ‘deplorável’

Por: SentiLecto

Javad Zarif declarou nesta terça-feira ser deplorável que a Suprema Corte dos Estados Unidos tenha restabelecido parcialmente a limitação de viagens aos EUA imposta sobre cidadãos de seis países de maioria muçulmana Javad Zarif é o ministro de Relações Exteriores do Irã., e adicionou que a resolução pode animar o extremismo na região.

Leer Más

Planalto recebe em silêncio primeira acusação da PGR contra Temer

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Deputado Michel Temer

– Se a recebeu com silêncio e alguma incredulidade em o Palácio do Planalto, a acusação exibida nesta segunda-feira pela Procuradoria-Geral da República contra o presidente Michel Temer , especialmente pelo fato de o procurador-geral, Rodrigo Janot, ter promovido o fatiamento das acusações contra o presidente. Apesar de o fatiamento ter sido assinalado como maior probabilidade antes mesmo da acusação desta segunda, fontes palacianas confirmaram que ainda havia a expectativa de que a denúncia fosse feita de uma vez só. A resolução de Janot de delatar Temer somente por corrupção passiva, deixando abertas as frentes para outras acusações de participação em organização criminosa e obstrução de Justiça, estende o desgaste do governo por tempo indeterminado. Logo depois da apresentação da acusação pela PGR, Temer reuniu-se com alguns de seus principais assessores –entre eles, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, e a advogada-geral da União, Grace Mendonça, além de líderes do governo. Chegou-se a ensaiar uma manifestação, abortada em seguida. A assessoria do Planalto informou que o governo não iria se demonstrar e somente os advogados do presidente falariam. Procurado pela Reuters, Antonio Claudio Mariz de Oliveira alegou que não iria se demonstrar até ler toda a acusação. Antonio Claudio Mariz de Oliveira é advogado de Temer no caso. A expectativa do governo era tentar concluir depressa o processo na Câmara dos Deputados, a quem cabe autorizar o Supremo Tribunal Federal a processar o presidente, e sepultar a acusação. A avaliação é de que o governo tem suporte suficiente para barrá-la. No entanto, se mais acusações vierem, o processo se vai arrastar por mais tempo do que o governo planejava. Apesar de tentar vender a ideia de que o governo continuará funcionando –mais cedo, em uma cerimônia, Temer chegou a declarar que “nada o arruinará”– fontes palacianas admitem que o processo abala a governabilidade no país.

– Para 83 por cento da população o presidente Michel Temer tem envolvimento direto nos escândalos de corrupção revelados nas delações de executivos da JBS, que instauraram intensa crise política no país, assinalou pesquisa Datafolha divulgada neste domingo pelo jornal Folha de S. Paulo. O levantamento, que escutou 2.771 pessoas entre quarta e sexta-feira , também revelou que 81 por cento dos entrevistados acreditam que os irmãos Joesley e Wesley Batista, da JBS, teriam que ter sido presos pelos crimes confessados. Nesse sentido, 64 por cento desaprovaram o acordo de cooperação premiada que a Procuradoria Geral da República fechou com os proprietários da JBS, que estabeleceu a aplicação de multas, mas afastou a prisão dos empresários. Faz 1 mês, a divulgação em meados de conversa gravada entre Joesley e Temer em o palácio de o Jaburu desencadeou a mais grave crise política de o governo. Com base na delação de Joesley e de outros executivos do grupo, o Supremo Tribunal Federal autorizou a abertura de investigação para investigar Temer por suspeita de corrupção passiva, obstrução da Justiça e organização criminosa. O acordo de delação firmado com o Ministério Público Federal e homologado pelo STF envolveu sete executivos da processadora de carnes e da J&F, controladora da JBS, e o pagamento de uma multa total de 225 milhões de reais.

Leer Más

Projeto de lei do Senado dos EUA faria com que 22 milhões perdessem cobertura de saúde

Por: SentiLecto

Vinte e dois milhões de norte-americanos perderiam suas coberturas de seguros de saúde durante a próxima década por conta de uma proposta de lei divulgada pelos republicanos do Senado dos Estados Unidos na semana passada, informou nesta segunda-feira o não partidário Escritório de Orçamentos do Congresso . Em comparação, o CBO, que informou que o número total de norte-americanos que ficariam sem cobertura até 2026 sob a proposta do Senado seria de 49 milhões, havia estimado anteriormente que legislação similar aprovada pela Câmara dos Deputados iria fazer com que 23 milhões de norte-americanos perdessem coberturas até 2026. Isto é comparado em a estimativa de o escritório de 51 milhões sob o projeto de a Câmara dos Deputados e 28 milhões sob a lei atual.

Leer Más

Chanceler russo e secretário de Estado dos EUA debatem conflito na Síria

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Rex Tillerson official portrait

O ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, e Rex Tillerson debateram por telefone nesta segunda-feira sobre a necessidade de consolidar o armistício na Síria, em particular com base nas negociações de paz governadas em Astana, capital do Cazaquistão. Rex Tillerson é o secretário de Estado dos Estados Unidos.

Lavrov declarou que Moscou ainda está esperando por uma resposta dos EUA a propostas anteriores de melhorar os laços, e que as mais recentes ações washingtonianas na Síria violaram a soberania do país árabe.

Leer Más

Designa-se menina síria que tuitou de Aleppo uma de as pessoas mais influentes de a internet por a Time

Por: SentiLecto

Designou-se uma menina síria de 8 anos com suas que chamou a atenção de o mundo uma menina síria de 8 anos com suas atualizações em o Twitter de a cidade sitiada de Aleppo em esta segunda-feira uma de as pessoas mais influentes de a internet pela revista Time.

Leer Más