Valentino Rossi reclama dos pneus após treino classificatório

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Valentino Rossi’s AGV helmets

Um dos maiores nomes da MotoGP, o de Italia Valentino Rossi não vem bastante bem na disputa da temporada 2017 da categoria. O piloto da Yamaha ficou com somente o sétimo melhor tempo no treino classificatório deste sábado para o GP da Áustria.

Pela 70ª vez, o Mundial de Motovelocidade vai ter Marc Máraquez largando na primeira posição. Nos treinos classificatórios para o Grande Prêmio da Áustria, realizados na manhã deste sábado, o espanhol da Honda teve atuação dominante para superar os oponentes e chegar à marca histórica de pole positions. Recordando que somente 42 foram conquistadas na MotoGP, se alcançou o restante nas demais categorias.

Leer Más

Bottas faz a pole para o GP da Áustria; Massa larga em 17º

Por: SentiLecto

Nem Sebastian Vettel, nem Lewis Hamilton. É o finlandês Valtteri Bottas que largará na frente no GP da Áustria. É a segunda pole position da carreira do finlandês, que faz sua temporada de estreia na Mercedes. Em uma sessão atrapalhada em seus momentos decisivos por uma forte fuga de Max Verstappen, Vettel, que lidera o campeonato, ficou em segundo lugar.

Leer Más

Hamilton lidera primeiro treino livre do GP da Áustria

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – ID 771 Quercus Spielberg

Na perseguição ao alemão Sebastian Vettel, que , que tem um benefício de 14 pontos para Hamilton na liderança do campeonato e foi mais um dos pilotos a rodar, na luta pelo título da temporada 2017 da Fórmula 1, o britânico Lewis Hamilton iniciou bem o fim de semana do GP da Áustria, a nona das 20 etapas do campeonato, ao liderar o primeiro treino livre desta sexta-feira no circuito de Spielberg. Hamilton quebrou o recorde do Red Bull Ring e marcou o melhor tempo usando os pneus macios, os mais lentos entre os disponibilizados para todo o fim de semana, com a marca de 1min05s975. Assim, também foi o único piloto a fazer uma volta em menos de 1min06 no primeiro treino livre para o GP da Áustria, prova que foi vencida pelo britânico no ano passado.

“Naquele momento, pensei que ele tinha freado de maneira intencional, mas, depois, compreendi que não houve má intenção. Estava aborrecido e contra-ataquei. Não foi mais do que isso. Na segunda-feira, pedi desculpas, à FIA, ao público e a ele”, ddeclarouo alemão.Em mesmo tom, e arrependido do que fez, Sebastian Vettel, da Ferrari, que não recebeu nenhuma penalização da Federação Internacional de Automobilismo , veio a público pedir desculpas.Alonso também realçou que a McLaren exibirá algumas atualizações no carro no próximo fim de semana, o que inclui uma nova versão do motor Honda e amplia a sua confiança de que poderá ser mais competitivo na corrida de Australia.

Leer Más