Mortes: Em campo, Ligeirinho corria atrás da notícia

Por: SentiLecto

A celeridade com que conseguia voltar à Redação com a matéria pronta e a agilidade para entrevistar jogadores em campo renderam ao repórter Eduardo Luiz de Almeida o acognomeque carregou por toda a vida: Ligeirinho. A alcunha quem deu foi o narrador Fiori Gigliotti, conta o amigo e colega de trabalho Jota Sampaio, que dividiu com Ligeirinho, que faleceu na segunda , aos 70, após padecer um infarto, os microfones da rádio Tropical, onde o jornalista trabalhou como comentarista no último ano. Antes, cobriu partidas de futebol para as principais emissoras de São Paulo, como a Gazeta, Bandeirantes, Transamérica e Record, conta o amigo. Trabalhou ainda em Copas do Mundo na Europa e nos Estados Unidos.

Leer Más

Mortes: Willian Lee, sultão do suingue do centro de SP

Por: SentiLecto

Julho de 2014, São Paulo tomada pela euforia da Copa no pré-7 a 1. Como tantos artistas que aproveitam a cidade repleta de turistas, um guitarrista vestindo uma camisa da seleção de Brasil toca na rua uma versão cover de “Sultans of Swing”, do Dire Straits.

Leer Más

Mortes: Maestro e pianista, formou cantores pelo país

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Zezé di Camargo e Luciano

Tinha seis anos Joaquim Paulo do Espírito Santo, que teve uma “formação musical sólida”, conta o amigo e, no fim da vida do pianista, tutor, Carlos Mader, quando sentar-se-se à frente de um piano pela primeira vez, o que não o impediu de tocar uma peça inteira, contaria ele depois. Anos mais tarde, se tornaria um importante nome da música clássica brasileira.

Faz 8 anos, se o escalou, Orlando para cobrir a explosão de uma fábrica de fogos de subterfúgio em Santo André que arruinou um quarteirão completo, e deixou dois mortos. O efeito da cena o fez se sentir mal, conta Plaza. Desejou fazer algumas fotografias, mas logo decidiu procurar uma clínica: estava padecendo um infarto.Assim unia duas paixões: a foto e a música. Entre suas bandas preferidas estavam Led Zeppelin e The Who. Orgulhava-se, conta Gabriela de ter ido nas duas primeiras edições do Rock’n’Rio. Gabriela é sua filha.Corintiano, gostava também de cobrir partidas de futebol para o jornal.Desde menino, Valter de Simone já gostava dos palcos. Vestia figurinos que recordavam os ídolos da Jovem Guarda e interpretava artistas como Roberto Carlos e até Elvis Presley no colégio.Quem visse Hermendina Xavier da Cruz abrigar até 20 de pessoas em seu apartamento no Guarujá, litoral de SP, podia estranhar como aquela senhora, já idosa, conseguia ficar cercada de tanta gente.

Leer Más

Mortes: Artista, viveu pela música sem almejar a celebridade

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Teatro nacional brasilia

Desde Valter de Simone que vestia figurinos que recordavam os ídolos da Jovem Guarda e interpretava artistas como Roberto Carlos e até Elvis Presley no colégio, já gostava dos palcValter de Simone que vestia figurinos que recordavam os ídolos da Jovem Guarda e interpretava artistas como Roberto Carlos e até Elvis Presley no colégio, já gostava dos palcos. Valter de Simone é menino. Valter de Simone é menino.

Nascido em Brodowski e mais velho de quatro irmãos, Carlos Rubens Garcia começou a trabalhar cedo na roça, para auxiliar o pai, João. Livre da luz da zona urbana, tinha o céu e as estrelas como empresas diárias. E carregou as amigas a vida toda.

Leer Más