Batalha por Mossul: Mais uma cidade conquistada e uma vala habitual descobrimento

Há menos uma cidade no Iraque na posse do grupo terrorista autoproclamado Estado Islâmico . Os Peshmerga reconquistaram esta segunda-feira o controlo da cidade de Bashiqa, 13 quilómetros a nordeste de Mossul. Os Peshmerga são os combatentes curdos iraquianos.

Anunciou-se a reconquista de Bashiqa a o final de a tarde de esta segunda-feira e encarna mais um importante passo em a ofensiva por Mossul, começada há três semanas.

Bandeiras de o Iraque Já dentro dos limites de a capital de a província , a chegada de os soldados iraquianos a o distrito de Intisar , em o sudeste de a cidade , receberam em celebração por os residentes e com bandeiras de o Iraque a esvoaçarem em sinal de alívio por o fim de a opressão de os ” jihadistas.”

Faz 1 mês, o combate por Mossul começou a, com várias frentes e envolvendo mais de 30 mil soldados iraquianos, quatro mil combatentes curdos e várias outras forças de suporte, incluindo cerca de cinco mil soldados norte-americanos e raídes aéreos por a aliança liderada por o Pentágono.

Até ao momento, o exército declara controlar somente uma parte de Mossul, onde viviam cerca de dois milhões de pessoas, antes da invasão dos jihadistas do Daesh.Uma vez que a assistência médica não consegue chegar a estas populações, e o cenário agrava-se. Lembre-se que a ofensiva para libertar Mossul arrancou há 3 semanas. O exército iraquiano conta com a assistência da aliança liderada pelos Estados Unidos e com os combatentes curdos peshmerga.Quando a polícia e as forças especiais do Iraque derrubaram uma bandeira do Daesh que estava hasteada no centro da vila, hammam al-Alil foi palco de um ato carregado de simbolismo, no domingo. As forças iraquianas controlam agora a localidade, a 15 quilómetros de Mossul, mas não confirmaram se os radicais foram expulsos completamente.

Na terça-feira 01 de novembro de acordo com uma fonte militar, mencionada pela Reuters, as forças antiterroristas de Bagdade haviam recomeçado o controlo da comissão da TV pública iraquiana, na cidade.

O objetivo é arrasar a presença do grupo terrorista na região e agora contando também com uma operação similar do outro lado da fronteira com a Síria: o combate por Raqqa.

A Organização das Nações Unidas declara que milhares de civis poderiam tentar deixar a região por causa dos guerrazinhas e dos raptos levados a cabo pelo Daesh.

Tal como agora, Bashiqqa, no nordeste, no domingo, a sul de Mossul, também Hamam al-Alil já havia sido proclamada livre da presença dos radicais. Se encontrou uma vala habitual em as operações de verificação de a zona com cerca de uma centena de corpinhos e, em as buscas porta a porta, foi descobrimento entretanto uma prisão que seria usada por o grupo Estado Islâmico para quem não se subjugasse.

Riyad Ahmad Thaer vive em Hamma al-Ali e conta que os extremistas “reuniam os homens que se opunham ao ‘Daesh’ e até outros que nem se demonstravam e os respetivos familiares”. “Batiam-lhes e forçavam-nos a vir para esta prisão. Vi algumas camionetas chegarem carregadas de homens para ali serem mortos”, garante.

A agência curda Rudaw, por fim, deduz o relato deste 22.° dia da ofensiva por Mossul com o anúncio das forças iraquianas da libertação de cinco localidades a leste de Mosul. Na frente de sudoeste, a polícia federal iraquiana e as forças especiais da província de Ninawa libertaram Qabir al-Abid, a norte de Hamam al-Alil, e Marij, prosseguindo ainda com a limpeza dos explosivos “semeados” pelos “jihadistas” antes de escaparem de Hamam al-Alil.

Ao fim da noite, a Rudaw noticiou ainda a morte de um alto comandante do grupo Estado Islâmico cerca de 50 quilómetros a norte de Bagdade. “O apelidado comandante militar de Bagdade e Diyala Vilayet, se matou Abu Maryam, em um ataque com um drone em al-Tarmia”, vai ter informado a salinha de jornalismo do combate no Iraque.

Fonte: Euronews-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Syria, Iraq

Cities: Mosul

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Batalha por Mossul: Mais uma cidade conquistada e uma vala habitual descobrimento
>>>>>Iraque: Exército diz estar mais próximo da conquista de Mossul – November 06, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Iraque: Exército entra em Mossul – (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Mossul: Violentos combates entre exército iraquiano e Daesh – (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Fuga da batalha por Mossul: O reencontro de familiares que não se viam há anos – (Euronews-pt)
>>>>>Iraque: Mais de 100 corpos descobertos em vala comum a sul de Mossul – November 08, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Mossul: Exército dos EUA diz que apelo de al-Baghdadi demonstra “perda de controlo” – November 04, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>Líder do Estado Islâmico conclama seguidores a resistirem em Mossul – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Líder do Estado Islâmico apela a jihadistas para resistirem em Mossul e atacarem cidades não crentes – November 03, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Turquia ameaça intervir no Iraque durante batalha de Mossul – (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Forças iraquianas avançam com ofensiva a nordeste de Mossul – October 31, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Exército iraquiano às portas da periferia leste de Mossul – (Euronews-pt)
>>>>>Bandeira do Daesh derrubada às portas de Mossul – November 07, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>Autoproclamado Estado Islâmico executa meia centena de jovens no leste de Mossul – November 02, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>Iraque: Milícias xiitas entram na batalha de Mossul – October 29, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Mossul: Que futuro depois do Daesh? – (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>EI usa milhares de reféns em Mossul como escudos humanos, diz ONU – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Primeira coluna humanitária internacional chega aos arredores de Mossul – October 26, 2016 (Euronews-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Tropas iraquianas retomam área cristã próxima a Mossul – (FolhaGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>4 imagens de satélite que mostram os avanços contra o Estado Islâmico em Mossul – (BBCBrasil-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Mossul 0 0 PERSON 4 Mossul: 3, (tacit) ele/ela (referent: Mossul): 1
2 prisão 0 120 NONE 3 uma prisão: 3
3 Bashiqa 0 0 PERSON 3 a (referent: Bashiqa): 1, Bashiqa: 1, (tacit) ele (referent: Bashiqa): 1
4 Daesh 0 0 ORGANIZATION 3 o Daesh: 3
5 os extremistas 0 0 NONE 3 (tacit) eles/elas (referent: os extremistas): 3
6 Hamam 0 25 PERSON 2 Hamam al-Alil: 2
7 a polícia federal iraquiana e as forças especiais de a província de Ninawa 177 0 PLACE 2 (tacit) eles/elas (referent: a polícia federal iraquiana e as forças especiais de a província de Ninawa): 1, a polícia federal iraquiana e as forças especiais de a província de Ninawa: 1
8 eu 95 0 NONE 2 (tacit) eu: 2
9 Rudaw 0 0 ORGANIZATION 2 Rudaw: 1, a Rudaw: 1
10 cidade 0 0 NONE 2 a cidade: 1, uma cidade: 1