Chavistas invalidam votação de governador que rejeitou Constituinte

Por: SentiLecto

Um governador de oposição teve sua votação invalidada e seu posição dito vago nesta quinta-feira após se rejeitar a fazer juramento ante à Assembleia Constituinte na Venezuela.

Faz 11 dias, Juan Pablo Guanipa foi eleito governador de Zulia, mas a Assembleia Legislativa local, que tem maioria chavista, decidiu aular o resultado do pleito. Se a convidou uma nova votação para a região.

O Estado na fronteira com a Colômbia é um polo petrolífero.

Os oposicionistas não reconhecem a legitimidade da Constituinte, que foi instituída por resolução do ditador Nicolás Maduro e à revelia da Assembleia Nacional

Segundo a porta-voz de Guanipa, a assembleia local fez uma “sessão secreta” para decidir sobre a anulação.

Ele, que classificou a manobra de “golpe” declarou: “Isso é um assalto da vontade do povo”.

“Na segunda-feira, eles declararam-nos que os presidentes de câmara teriam de, mesmo que ganhássemos as votações municipais se ajoelhar diante da ANC. O Vontade Popular não vai participar nisso. O país deseja votar, mas não deseja ser uma ferramenta útil à ditadura”, aalegouFreddy Guevara, líder de partido enquanto Leopoldo Lopez se mconservaem prisão domiciliária.

Ele foi o único dos cinco governadores eleitos da oposição que se rejeitou a fazer o juramento. Ao justificar a recusa declarou: “Não me vou ajoelhar frente a uma ditadura”.

A aliança inimiga MUD chegou a declarar que nenhum de seus membros iria fazer o juramento, mas quatro governadores aceitaram a medida e fizeram a cerimônia na segunda .

O líder interino da VP, a outra força política da MUD, garantiu que não irá participar nas votações municipais calculadas até final deste ano, mas ainda sem data estabelecida.

Os 18 governadores chavistas eleitos também já fizeram o juramento.

Os quatro cederam após as Câmaras legislativas de seus Estados, dominadas pelos chavistas, negarem a posse porque não haviam se exibido à Casa chavista —pela legislação vigente caberia a elas empossar os governadores.

A MUD também considera que o regime fraudou a votação e declara ter provas das anormalidades, mas não as exibiram até o momento. Pesquisas antes da eleição davam triunfo à caliançaem mais da metade dos Estados, mas o chavismo venceu em 18 dos 23.

A oposição acabou sendo derrotada na maioria dos Estados na votação regional, erguendo a suspeita de que teria acontecido fraudes, o que o governo nega, apesar de liderar as pesquisas.

ELEIÇÃO

Nesta quinta, a Constituinte aprovou a convocação de uma nova votação em Zulia para a escolha do novo governador.

A Delcy Rodriguez declarou que a população do Estado foi “iludida e traída” pela atitude de Guanipa. Delcy Rodriguez é presidente do órgão.

Faz 10 meses, a Constituinte também autorizou a convocação de uma votação para prefeitos.

REVOLTA

Guanipa pertence ao Primeiro Justiça , principal sigla da MUD e um das mais ativas nos protestos contra Maduro. São seus correligionários o presidente do Legislativo, Julio Borges, e o ex-presidenciável Henrique Capriles.

A resolução dos governadores de fazer o juramento provocou o motim da ala mais antichavista. Orges eclarou: “Nosso agradecimento a meu companheiro de luta, Juan Pablo Guanipa, por sua posição de não se humilhar à fraude constituinte”,.O comandante da campanha oposicionista, Gerardo Blyde alegou: “Em momentos como este mais contemplo aqueles que nunca se ajoelham nem traem seus princípios e quando mais detesto os traidores de seus eleitores, é”.

Afastada da aliança por não consenti com a participação nas votações, María Corina Machado , do Venha Venezuela , declarou ter sentido nojo. “Garanto que o país que vamo construir vai ser diferente. Vai ser decente.”

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: Colombia

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Chavistas invalidam votação de governador que rejeitou Constituinte
>>>>>Oposição a desmoronar-se na Venezuela – October 25, 2017 (Euronews-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 0 0 NONE 7 me: 1, (tacit) eu: 6
2 MUD 0 80 ORGANIZATION 4 MUD: 1, A MUD: 1, (tacit) ele/ela (referent: A MUD): 2
3 Constituinte 0 70 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: A Constituinte): 1, a Constituinte: 2, A Constituinte: 1
4 Juan Pablo Guanipa 30 0 PERSON 3 Guanipa: 1, Juan_Pablo_Guanipa: 2
5 Assembleia Legislativa 0 0 ORGANIZATION 3 (tacit) ela (referent: a Assembleia_Legislativa local): 1, a Assembleia_Legislativa local: 2
6 Freddy Guevara 0 0 PERSON 3 Ele (referent: Freddy_Guevara): 1, (tacit) ele/ela (referent: Freddy_Guevara): 1, Freddy_Guevara: 1
7 coalizão 0 0 NONE 3 A coalizão opositora: 1, a coalizão: 2
8 eleição 0 0 NONE 3 a eleição regional: 1, Uma nova eleição: 1, a eleição: 1
9 nós 0 0 NONE 3 (tacit) nós: 2, nos: 1
10 país 0 0 NONE 3 o país: 2, O país: 1