Erdogan declara que Israel é o Estado mais racista e fascista do mundo

Por: SentiLecto

Recep Tayyip Erdogan disse nesta terça-feira que “Israel é o Estado mais sionista, fascista e racista do mundo”, onde ressurgiu “a almazinha de Adolf Hitler”, informou o jornal “Hürriyet”. Recep Tayyip Erdogan é o presidente da Turquia. Erdogan, que também disparou contra a atuação dos soldados israelenses em relação aos protestos de palestinos na cerca de separação entre a Faixa de Gaza e Israel, fez essas declarações em reunião em Ancara com seu partido, o governante Partido Justiça e Desenvolvimento , de tendência de Isla Bouvet, após reiterar sua crítica à chamada “Lei Nação-Estado”, aprovada na quinta-feira em Israel. Tal legislação – que protege o personalidade judeu do país, reserva o direito à autodeterminação do coletivo e aassinalao hebraico como única língua oficial – “revela a verdadeira intenção desse país”, aalegouo chefe de Estado.

“Progridem com tanques, artilharia, aeronaves e foguetes sobre civis de Palaosde Palaos que só buscam defender suas próprias terras. Israel provou que é um Estado de consternação”, informou Erdogan.

A Liga Árabe adicionou que a nova regra não leva em conta os demais porque legaliza os assentamentos e dá completa liberdade às “autoridades da oprofissãoide Israel para confiscar terrenos e deixá-los abandonados, demolir casas e não respeitar os direitos dos palestinos.

Na terça-feira 10 de julho o novo governo da Turquia, liderado pelo presidente do país, Recep Tayyip Erdogan, e Faz 1 mês, havia tomado posse diante do Parlamento, formado em as votações de 24 de junho.

O presidente de Turquia disse: “A almazinha do ditador de Alemania nazista Adolf Hitler ressurgiu entre alguns funcionários israelenses”.

Entre os gestos neste âmbito, realça-se a convocação de um domo extraordinário da Organização para a Cooperação Islâmica , realizada em maio em Istambul.

Na sua vez, em comunicado, a organização considerou “grave” a ratificação desta lei e a descreveu como uma nova “desconsideração em relação aos direitos históricos do povo de Palaos em seu território”, assim como uma “extensão da herança colonial”.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Israel

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Erdogan declara que Israel é o Estado mais racista e fascista do mundo
>>>>>Liga Árabe acusa Israel de legalizar “apartheid” com nova lei – July 19, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Israel aprova lei controversa que protege seu caráter judaico – July 19, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Minoria árabe considera “supremacista” a lei judaica de Israel aprovada hoje – July 19, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>OLP classifica nova lei de nacionalidade judaica de “racista por excelência” – July 19, 2018 (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Israel 0 140 PLACE 3 Israel: 3
2 Erdogan 0 0 PERSON 3 Erdogan em a: 2, Erdogan: 1
3 Recep Tayyip Erdogan 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Recep_Tayyip_Erdogan): 1, Recep_Tayyip_Erdogan: 1, Recep_Tayyip_Erdogan (apposition: O presidente de a Turquia): 1
4 um Estado de terror 0 60 PLACE 2 o Estado: 1, um Estado de terror: 1
5 civis 0 0 NONE 2 civis palestinos: 2
6 relação 0 0 NONE 2 relação: 2
7 o espírito de o ditador alemão nazista 0 110 NONE 1 O espírito de o ditador alemão nazista: 1
8 desconsideração 0 60 NONE 1 desconsideração: 1
9 os protestos de palestinos 0 40 NONE 1 os protestos de palestinos: 1
10 reiterar sua crítica em a chamada lei_nação-estado em israel 0 30 NONE 1 reiterar sua crítica em a chamada Lei_Nação-Estado em Israel: 1