EUA mandarão navio clínica à Colômbia para aaliviarimigração de venezuelanos

Por: SentiLecto

Os Estados Unidos acertaram nesta sexta-feira o envio de um um navio clínica à Colômbia para aauxiliaras autoridades do país a aaliviara crise provocada pelo grande número de venezuelanos que catravessarama fronteira. Acertou-se o envio durante a visita de o secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, que alegou que o governo colombiano ficou ” entusiasmado ” com a proposta, a Bogotá, onde o novo presidente recebeu ele de a Colômbia, Iván Duque. “É uma missão absolutamente humanitária. Não vamos mandar soldados, vamos mandar médicos”, alegou Mattis, já na aeronave oficial do governo de America para voltar para Washington.

O chefe do Pentágono garantiu a execução da missão, apesar de vários detalhes sobre o acordo ainda não estarem definidos. Além de consentirem com o envio, eles teriam contribuído com ideias sobre como levar os venezuelanos ao navio estadunidense.

Segundo fontes diplomáticas de America, mais de 1 milhão de venezuelanos já atravessaram a fronteira do país com a Colômbia, mas nem todos contam com status de refugiados.

“Conversamos com as autoridades de Colombia. É inimaginável receber 1 milhão de pessoas e não afetar o resto, declarou Mattis.

Na sua vez, “Desejamo ser o parceiro pela escolha de vocês”, sustentou Mattis, em clara referência à crescente influência dchinana região.

Na sexta-feira 10 de agosto James Mattis começava no sua primeira viagem na América do Sul, passando por Brasil, Argentina, Chile e Colômbia. James Mattis é o secretário de Defesa dos Estados Unidos.O secretário de Defesa também alegou que a medida encarna um esforço para tentar diminuir o “preço humano” cobrado pelo presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, para permanecer no poder.

Por outro lado, o secretário mencionou como exemplos do compromisso de America o suporte prestado pelo Pentágono nas tarefas de busca ao submarino argentino ARA San Juan, que sumiu no final do ano passado com uma tripulação de 44 pessoas, e na crise de refugiados que escapam desde a Venezuela para países vizinhos.

Questionado sobre uma possível reação de Maduro, Mattis realçou que o navio de America vai navegar por águas venezuelanas.

Na reunião, Temer e Pence debateram a situação na Venezuela e a possível utilização por parte dos estadunidense da base de lançamentos espaciais que o Brasil tem em Alcântara, no Maranhão.”Vir ao Brasil, visitar quatro países na América do Sul em busca de interesses estadunidense ergue muita suspeita. Declarou, se os Estados Unidos são um país desenvolvido, industrializado, por que não vêm com políticas de colaboração e investimento incondicional?”.

As declarações de Mattis aconteceram horas depois de ele ter sido recebido por Duque na sede do governo de Colombia.

“Produtiva reunião com o secretário de Defesa dos EUA. Dialogamos sobre assuntos relacionados com a segurança do hemisfério e sobre o fortalecimento das nossas relações bilaterais”, escreveu o presidente de Colombia no Twitter.

A visita encarnou o ponto final da primeira viagem de Mattis à América do Sul. Antes da Colômbia, o secretário de Defesa passou por Brasil, Argentina e Chile.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States, Chile, Colombia, Brazil, Argentina

Cities: Washington

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>EUA mandarão navio clínica à Colômbia para aaliviarimigração de venezuelanos
>>>>>Mattis reafirma compromisso a longo prazo dos EUA com América do Sul – (EfeGeneric)
>>>>>Mattis é recebido em Brasília por Aloysio Nunes e general Silva e Luna – August 13, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>Morales critica visita do secretário de Defesa dos EUA à América Latina – August 14, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Secretário de Defesa dos EUA vem ao Brasil e outros países da região – August 10, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Irã testou míssil antinavio durante exercícios na semana passada, diz fonte dos EUA – August 11, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>EUA vão impor novas sanções que terão grande impacto na economia do Irã – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Sanções dos Estados Unidos contra o Irã entram em vigor – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Trump afirma que nova imposição de sanções ao Irã busca a “paz mundial” – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Líder supremo do Irã diz que “não haverá guerra e negociações” com os EUA – August 13, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Líder supremo do Irã proíbe realização de negociações diretas com os EUA, segundo TV – August 13, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Líder supremo do Irã pede ação para enfrentamento de ‘guerra econômica’, diz TV estatal – August 11, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Detenções na fronteira dos EUA com México caem em julho; número de crianças desacompanhadas recua – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Lavrov diz ser absurda acusação dos EUA contra Rússia no “caso Skripal” – August 12, 2018 (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 James Mattis 0 35 PERSON 7 Mattis: 4, James_Mattis: 2, James_Mattis (apposition: o secretário de Defesa_dos_Estados_Unidos): 1
2 nós 0 0 NONE 5 (tacit) nós: 5
3 Os Estados_Unidos 70 0 PLACE 4 (tacit) eles/elas (referent: Os Estados_Unidos): 1, os Estados_Unidos: 1, (tacit) eles/elas (referent: os Estados_Unidos): 1, Os Estados_Unidos: 1
4 Colômbia 0 0 PLACE 3 a Colômbia: 3
5 o Brasil 0 0 PLACE 3 o Brasil: 1, Brasil: 2
6 o submarino argentino ARA_San_Juan 0 60 OTHER 2 o submarino argentino ARA_San_Juan: 2
7 reunião 120 0 NONE 2 Produtiva reunião: 1, a reunião: 1
8 Venezuela 0 0 ORGANIZATION 2 a Venezuela: 2
9 a América_do_Sul 0 0 PLACE 2 a América_do_Sul: 2
10 envio 0 0 NONE 2 O envio: 1, o envio: 1