Irã tacha proposta de negociação de Trump de “propaganda”

Por: SentiLecto

Mohamad Yavad Zarif tachou nesta segunda-feira de “espetáculo de propaganda” a proposta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de voltar a negociar com o governo iraniano, na véspera da entrada em forcita das novas sanções estadunidense. Mohamad Yavad Zarif é o ministro das Relações Exteriores do Irã.

Zarif em uma recepção com jornalistas em Teerã perguntou: “Alguém acredita que o senhor Trump é sério para negociar?”.

“Pelo menos provem que negociar com vocês não é uma perda de tempo”, completou.

Faz 3 meses, Trump retirou os EUA de o acordo nuclear que o Irã assinou em 2015 com seis países, mas na semana passada declarou que estaria disposto a se reunir com o presidente iraniano, Hassan Rohani, “sem condições prévias”, pois “não há nada de mau em se reunir”.

O presidente de America alegou também em outra ocasião que espera que as autoridades do Irã entrem em contato com seu governo “bastante em breve”, devido àosdobstáculosque o país enfrenta.

Por conta da proposta de reunião, recusada de maneira oficial por Teerã, surgiram boatinhos sobre um possível encontro entre Trump e Rohani durante a próxima Assembleia Geral da ONU.

Por este motivo, na realidade, Sessions não tem o poder de acabar com o inquérito, mas pode demitir o procurador-geral adjunto e contratar um novo mais disposto que Rosenstein a concluir-la.

Na terça-feira 24 de julho o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohamad Javad Zarif, havia respondido ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que seu país não está impressionado com suas ameaças e lhe propôs que “seja cuidadoso”, em meio à escalada de ataques verbais entre os dois países.

Zarif insistiu que as negociações que seu governo conservou com os EUA e os demais signatários do acordo nuclear – Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha – já foram suficientemente longas para que Trump anule seu resultado.

“Já negociamos. Não um dia ou dois dias, não uma semana, não um mês. Negociamos por dois anos”, declarou o ministro, que adicionou que o Irã jamais saiu da mesa de negociações, apesar das sanções.

Enquanto se os filiaram os outros quatro jamais a nenhum partido, segundo uma pesquisa do jornal “The Washington Post”, 13 dos membros da equipe de Mueller constam nos registros públicos como democratas.

Rif.

N irmou Z: “A outra parte veio à mesa de negociações com o Irã porque chegou à cofinalizaçãoe que a pressão econômica sobre o povo do Irã não pode mudar as políticas da República Islâmica”,.este sentido, e sobre as novas sanções que serão impostas pelos EUA, o ministro iraniano lembrou que “não é o primeiro período delicado” que o Irã atravessa e que em outras ocasiões “todo o mundo estava mobilizado” contra Teerã, inclusive a Europa.

“Estamos em uma etapa sensível, mas nem todo mundo está acompanhando essas políticas “, realçou Zarif, antes de insistir que o Irã não é o país que está isolado, mas sim os EUA, Israel e Arábia Saudita.

Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha se conservam no acordo nuclear e negociam com o Irã para resistir de algum modo às sanções aestadunidense

“O papel chino na implementação do JCPOA, na concretização do JCPOA, e agora na sustentação do JCPOA, vai ser fundamental”, declarou Mohammad Javad Zarif, em referência ao nome técnico do acordo nuclear.O assessor evidenciou que o que o governo de America deseja “são reformas comerciais” e realçou que, por enquanto, “a China não está satisfazendo”.

Zarif deduziu: “Tenho certeza de que vamo superar com dignidade a atual etapa delicada, como nas ocasiões anteriores”.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States, United Kingdom, Israel, Saudi Arabia, Russian Federation, China, Brazil

Cities: Franca

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Irã tacha proposta de negociação de Trump de “propaganda”
>>>>>Trump pede a procurador-geral que encerre investigação da trama russa – (EfeGeneric)
>>>>>Chanceler do Irã diz que China é ‘fundamental’ para salvar acordo nuclear – August 03, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Irã diz que EUA são “viciados” em sanções – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Voltar ao acordo nuclear do Irã pode abrir caminho para conversas com EUA, diz assessor de Rouhani no Twitter – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Rohani reafirma que manutenção do acordo nuclear depende da Europa – (EfeGeneric)
>>>>>Casa Branca adverte China para que “não subestime” Trump – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Donald Trump 25 0 PERSON 8 (tacit) ele/ela (referent: Trump): 2, o senhor Trump: 1, Donald_Trump: 2, Trump: 3
2 Zarif 0 0 PERSON 6 (tacit) ele/ela (referent: Zarif): 1, Zarif: 5
3 Irã 0 0 ORGANIZATION 5 o Irã: 5
4 nós 50 0 NONE 4 (tacit) nós: 4
5 os EUA 60 0 PLACE 3 os EUA: 1, os EUA de o acordo nuclear: 2
6 Mueller 0 0 PLACE 3 Mueller: 1, (tacit) ele/ela (referent: Mueller): 2
7 Rússia China Reino_Unido França e Alemanha 0 0 PLACE 3 (tacit) eles/elas (referent: Rússia China Reino_Unido França e Alemanha): 1, Rússia China Reino_Unido França e Alemanha: 2
8 governo 0 0 NONE 3 o governo americano: 1, seu governo: 2
9 país 0 0 NONE 3 o país: 3
10 dificuldades 0 80 NONE 2 as dificuldades: 2