May declarará a parlamentares que é preciso ‘controlar os nervos’ para o Brexit

Por: SentiLecto

Theresa May declarará aos parlamentares britânicos que eles precisam controlar os nervos em relação ao Brexit para forçar a União Europeia a aceitar mudanças no acordo de separação que encaminhariam uma saída coordenada. Theresa May é a primeira-ministra do Reino Unido.

Nenhum dos dois falou, e quando saíam, um repórter berrou aos dois líderes : “Isto é o inferno, primeira-ministra?”. Na quarta-feira Donald Tusk declarou que os defensores de um Brexit sem acordo merecem um “lugar especial no inferno” – uma demonstração explícita da frustração em Bruxelas que provocou repúdio em muitos britânicos. Donald Tusk é o presidente do Conselho Europeu.

Na terça-feira 29 de janeiro Theresa May havia anunciado na Câmara dos Comuns que voltaria a Bruxelas para pedir aos países da União Europeia uma revisão do acordo negociado entre as partes para o “Brexit”. Theresa May é a primeira-ministra do Reino Unido.

A menos que May consiga persuadi o bloco a modificar o convênio de desfiliação que ela negociou em novembro, o Reino Unido está prestes a sair da UE no dia 29 de março sem um acordo e depois induzir os céticos parlamentares britânicos a aprová-lo.

May tem alegado que pedirá à UE para renegociar a cláusula. No entanto, Jean Claude-Juncker declarou em reiteradas ocasiões que vai revisar-se o acordo não . Jean Claude-Juncker é o presidente da Comissão Europeia.A resolução de oferecer esta nova eleição se deve, segundo o jornalismo local, ao fato de que May deseja tranquilizar os membros do seu governo que ameaçam abdicar diante da chance que o Reino Unido saia do bloco sem um acordo no próximo dia 29 de março.

May à Câmara dos Comuns do Parlamento nesta terça-feira, segundo cobservaçõesffornecidaselo ssuagsalinhade Downing Street. declarará: “As conversas estão em um período crucial”.”Agora todos nós precisamos controlar os nervos para obter as mudanças que esta Câmara requereu e deduzi o Brexit no prazo.”

A maioria dos parlamentares britânicos recusou o acordo da premiê no mês passado, e o grande ponto de discórdia foi o ‘backstop’ irlandês – uma apólice de seguro para evitar a volta de uma fronteira dura entre a província britânica da Irlanda do Norte e a República da Irlanda.

Críticos declaram que a diretriz sujeitaria o Reino Unido às rnormasda UE por anos ou até indefinidamente depois de sair do bloco.

A UE declara que o backstop é vital para evitar a volta de controles de fronteira na Irlanda e se rejeitou a reabrir o acordo de separação, mas May insiste que consegue obter mudanças legalmente vinculantes para trocar as partes mais polarizadoras do backstop.

May declarará: “Conseguindo as mudanças que precisamos no backstop, protegendo e sublinhando os direitos dos trabalhadores e as proteções ambientais e sublinhando o papel do Parlamento no próximo período de negociações, acredito que podemos chegar a um acordo que esta Câmara pode apoiar”.

Na segunda-feira Michel Barnier declarou que o bloco consentiria em adaptar a declaração política sobre os laços pós-Brexit da UE com Londres, que maneira parte do pacote, para refletir um plano para um relacionamento futuro mais estreito que poderia contornar a necessidade do controverso backstop. Michel Barnier é o negociador do Brexit da UE.

Mas os dois encarregaram suas equipes de trabalhar para saber “se pode ser encontrado um percurso que obteria o suporte mais extenso possível no Parlamento do Reino Unido e respeitaria” a posição da UE. Eles consentiram em se reencontrar antes do final do mês.

“Está claro do nosso lado que não vamo reabrir o acordo de saída, mas vamo continuar nossa discussão nos próximos dias”, declarou Barnier.

Ela à rádio BBC diss: “A questão é ter certeza de que o Reino Unido não poderá ser mconservadoem um backstop permanentemente, não se dtem que serpurista para consegui-lo.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Ireland, United Kingdom

Cities: London

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>May declarará a parlamentares que é preciso ‘controlar os nervos’ para o Brexit
>>>>>UE concorda em debater exigências de May para o Brexit – February 07, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>May está decidida a materializar “brexit” sem atrasos – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Em busca de acordo para o Brexit, May visitará Bruxelas – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Irlanda está cada vez mais preparada para Brexit sem acordo, diz premiê – February 06, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>UE acerta compensação do Brexit a agricultores irlandeses, diz jornal – February 03, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>May buscará solução ‘pragmática’ para Brexit em Bruxelas – February 03, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>May diz que voltará a Bruxelas para pedir “acordo revisado” do Brexit à UE – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Parlamento britânico rejeita emendas que pediam extensão do prazo do”Brexit” – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>May está disposta a renegociar acordo do “Brexit” – (EfeGeneric)
>>>>>Irlanda apoia negociação entre UE e R.Unido, mas não abre mão de salvaguarda – February 08, 2019 (EfeGeneric)
>>>>>May tenta ganhar tempo com promessa de outra votação sobre o Brexit – February 11, 2019 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Corbyn acusa May de querer “apressar o tempo” antes do Brexit – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 May 86 0 PERSON 9 May: 6, ela (referent: May): 1, (tacit) ele/ela (referent: May): 2
2 acordo 192 0 NONE 6 acordo: 1, um acordo: 4, o acordo: 1
3 backstop 0 30 NONE 5 um backstop: 1, o backstop: 4
4 nós 0 0 NONE 5 (tacit) nós: 4, nós: 1
5 Michel Barnier 0 0 PERSON 4 Michel_Barnier (apposition: o negociador de o Brexit_da_UE): 1, Barnier: 1, (tacit) ele/ela (referent: Michel_Barnier): 1, ela (referent: Barnier): 1
6 UE 0 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: A UE): 1, a UE: 2, A UE: 1
7 o Reino_Unido 0 15 PLACE 3 o Reino_Unido: 2, O Reino_Unido: 1
8 eu 38 0 NONE 3 (tacit) eu: 3
9 Theresa May 0 0 PERSON 3 Theresa_May (apposition: A primeira-ministra de o Reino_Unido): 1, (tacit) ele/ela (referent: Theresa_May): 1, Theresa_May (apposition: a primeira-ministra de o Reino_Unido): 1
10 britânicos 0 0 NONE 3 os parlamentares britânicos: 2, muitos britânicos: 1