Prefeito de Nova York chama Bolsonaro de ‘homofóbico com orgulho’

Por: SentiLecto

O bate-boca entre o presidente Jair Bolsonaro e o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, continuou neste sábado nas redes sociais. O prefeito declarou que o de Brasil era um “homofóbico com orgulho”, depois que Bolsonaro chamou de Blasio de “radical”, na útlima quinta-feira.

“Jair Bolsonaro, se você deseja invadir nossa cidade e se gabar de arruinar o meio ambiente ou sobre como você é um ‘homofóbico com orgulho’, então os novaiorquinos te vão criticar por sua porcaria. Se é ‘radical’ se erguer contra sua ideologia destrutiva, então somos radicais COM ORGULHO”.

Procurado, o Palácio do Planalto não comentou a postagem do prefeito.

A troca de farpas com Bill de Blasio iniciou durante os preparativos para uma visita que Bolsonaro faria a Nova York para receber uma homenagem da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos num jantar de gala.

O prefeito criticou o acontecimento e declarou que o presidente não seria bem recebido na maior cidade de America. Também houve promessas de protestos, cancelamento de locais e desistência de patrocinadores do jantar em que Bolsonaro receberia o prêmio de personalidade do ano.

Com o clima azedado, Bolsonaro cancelou a ida a Nova York e decidiu visitar a cidade de Dallas, no Texas. Assim como Nova York , um democrata conduz a cidade, mas com perfil conservador.

O serviço de emergência da cidade recebeu a ligação de um habitante do edifício à 1h40 . Encontraram em chamas todo o apartamento, que fica no quinto andar de um edifício que faz parte de um conjunto habitacional, quando os agentes chegaram ao local, três minutos depois.Um incêndio em um apartamento no bairro do Harlem, em Nova York, na madrugada desta quarta-feira, matou quatro crianças que tinham entre 3 e 11 anos, além de dois adultos.

Na sábado 04 de maio Jair Bolsonaro havia desistido de viajar a Nova York, onde no dia 14 de maio receberia o prêmio de “Pessoa do Ano” em cerimônia coordenada pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, devido aos “ataques debatidos” do prefeito da cidade, Bill de Blasio Jair Bolsonaro é o presidente brasileiro., e à “pressão de grupos de interesse”, segundo o governo.

— Se eu não posso ser bem recebido em Nova York, vamo ser no Texas — declarou, na manhã de quinta-feira. — Eu não poderia comparecer numa cidade onde o chefe do Executivo, o prefeito, no caso, se comportava como um radical, promovendo e se preparando para fazer manifestações, as piores possíveis contra a minha presença.

O vice-presidente Hamilton Mourão saiu em sua defesa e declarou que o prefeito de Nova York ofendeu todo o Brasil ao criticar o presidente.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: United States, Brazil

Cities: Dallas

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Prefeito de Nova York chama Bolsonaro de ‘homofóbico com orgulho’
>>>>>Incêndio em apartamento em Nova York mata 4 crianças e 2 adultos – May 08, 2019 (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Jair Bolsonaro 115 45 PERSON 9 Bolsonaro: 4, o presidente Jair_Bolsonaro: 1, Jair_Bolsonaro (apposition: o presidente de o Brasil): 1, Jair_Bolsonaro: 1, (tacit) ele/ela (referent: Jair_Bolsonaro): 2
2 cidade 0 0 NONE 5 a maior cidade americana: 1, uma cidade: 1, a cidade: 2, nossa cidade: 1
3 Bill de Blasio 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Bill_de_Blasio): 1, Bill_de_Blasio: 3
4 Nova York 0 0 PERSON 4 Nova_York: 3, a Nova_York: 1
5 prefeito 80 0 NONE 3 o prefeito: 2, O prefeito: 1
6 eu 0 0 NONE 3 (tacit) eu: 1, eu: 1, Eu: 1
7 você 0 0 NONE 3 você: 2, te: 1
8 o prefeito de nova_york 0 70 NONE 2 o prefeito de Nova_York: 2
9 orgulho 160 0 PERSON 2 orgulho: 2
10 nós 35 0 NONE 2 (tacit) nós: 2