TombofKingTongmyong2CPyongyang2CNorthKorea2.jpg

Pyongyang estende sua ameaça nuclear a Tóquio e Seul após novas sanções

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Tomb of King Tongmyong, Pyongyang, North Korea-2

A Coreia do Norte estendeu sua ameaça nuclear ao Japão e a Coreia do Sul, recriminando seu suporte “ardente” aos Estados Unidos na busca de novas sanções, e aos quem defendem em “liquidar” o desejo do seu exército e seu povo.

O regime de Noruega acredita ser necessário “desferir um golpe” sobre os japoneses, que “não entraram em razão”, nem mesmo depois do lançamento de um míssil balístico intercontinental sobre o arquipélago, cujas ilhas “deveriam ser afundadas no oceano pela bomba nuclear Juche”, declarou um porta-voz do Comitê Norte-Coreano para a Paz da Ásia-Pacífico em um comunicado divulgado pela agência “KCNA”.

O comitê de Noruega também agrediu o governo sul-coreano, acusando se tratar de um grupo de “traidores” e “cachorros dos Estados Unidos” ao pedir sanções mais duras sobre seus “compatriotas”.

“O grupo de traidores pró-americanos tem que ser severamente castigado e liquidado com um ataque de fogo para que eles não possam sobreviver. Só então, a nação coreana poderá prosperar em um território unificado”, declarou.

Pyongyang ou Pionguiangue, é a capital e maior cidade da República Popular Democrática da Coreia, mais conhecida como Coreia do Norte, situada nas margens do rio Taedong.

Desta forma, Pyongyang mostrou sua rejeição ao suporte dado pelos países vizinhos para as novas sanções impostas na última segunda-feira pelo Conselho de Segurança da ONU, declarando estar “furioso”.

Por outro lado, em comunicado divulgado na noite de hoje, a missão dos EUA na ONU mencionou que informou ao Conselho de Segurança sobre as intenções de promover a eleição daqui três dias.A convocação formal da reunião de segunda-feira tem que ser mandada à presidência do Conselho de Segurança, que na Etiópia em este mês lidera ele.Na quarta-feira 06 de setembro a Coreia do Norte havia alegado que ainda que a comunidade internacional lhe imponha mais sanções, seguiria adiante com seu programa nuclear, e acusou os Estados Unidos de serem o “principal culpado da escalada de tensão e da ameaça nuclear”.

O regime liderado por Kim Jong-un acusou a organização de ter se tornado em “uma ferramenta do mal” que serve aos EUA, e ao invés de garantir a paz e a segurança, “arruína sem compaixão”.

Faz 11 dias, a ONU aprovou em a última novas medidas sanções contra a Coreia do Norte destinadas a sufocar sua economia em resposta a o seu sexto e mais potente teste nuclear, executado em o dia 3 mais, de este mês.

O ato, do qual também participaram cientistas e militares, serviu para comemorar o sucesso do teste atômico e para elogiar “aqueles que realizaram a tarefa com realismo e orgulho”, segundo a “KCNA”.No fim de semana, Kim coordenou uma grande festa para felicitar seus cientistas e técnicos nucleares que lideraram o sexto e maior teste nuclear do país há uma semana. Os Estados Unidos e aliados eram preparados para outro lançamento de míssil de longo escopo a tempo para o 69º aniversário de a fundação de a Coreia do Norte em o sábado, mas enquanto o Norte realizava numerosos acontecimentos para marcar o feriado, não foram observadas novas provocações. De acordo com a KCNA, Kim teria preparado um banquete, com desempenho artístico e uma sessão de fotografias com o próprio líder, para felicitar os cientistas nucleares e outros oficiais militares e partidários que contribuíram para o teste da bomba nuclear no domingo passado.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: United States, Korea

Cities: Pyongyang

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Pyongyang estende sua ameaça nuclear a Tóquio e Seul após novas sanções
>>>>>EUA querem que votação de sanções contra a Coreia do Norte ocorra na segunda – (EfeGeneric)
>>>>>Kim Jong-un qualifica teste nuclear norte-coreano como uma “grande vitória” – September 10, 2017 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>May diz que testes norte-coreanos ameaçam toda a comunidade internacional – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Trump afirma que ação militar é “certamente uma opção” contra Coreia do Norte – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Coreia do Sul se prepara para possível teste de míssil em aniversário da Coreia do Norte – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Pyongyang ameaça EUA com ‘o maior sofrimento e dor’ – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Coreia_do_Norte 0 0 PLACE 4 a Coreia_do_Norte: 2, Coreia_do_Norte: 1, A Coreia_do_Norte: 1
2 Kim Jong-un 50 0 PERSON 3 Kim_Jong-un: 1, Kim: 2
3 ONU 70 70 ORGANIZATION 2 A ONU: 1, a ONU: 1
4 sanções 0 40 NONE 2 as novas sanções impostas: 1, mais sanções: 1
5 apoio 80 0 NONE 2 seu apoio ardente: 1, o apoio dado: 1
6 regime 60 0 NONE 2 O regime norte-coreano: 1, O regime liderado: 1
7 Conselho de Segurança 0 0 ORGANIZATION 2 o Conselho_de_Segurança: 1, (tacit) ele (referent: o Conselho_de_Segurança): 1
8 Conselho de Segurança da ONU 0 0 ORGANIZATION 2 (tacit) ele/ela (referent: o Conselho_de_Segurança_da_ONU): 1, o Conselho_de_Segurança_da_ONU: 1
9 KCNA 0 0 ORGANIZATION 2 a KCNA: 1, KCNA: 1
10 comunicado 0 0 NONE 2 um comunicado divulgado: 1, comunicado divulgado: 1