Marcelo Piloto tentou marcar casamento dentro da cadeia para o dia que matou jovem

Por: SentiLecto

Marcelo Pinheiro Veiga desejava se casar neste sábado, no mesmo dia em que acabou matando uma jovem de Argentina com uma faca de mesa. Marcelo Pinheiro Veiga é o Marcelo Piloto. Ele pediu à Justiça do Paraguai para cfestejarsua união com Marisa de Souza Penna, de 24 anos, que também está detida no país vizinho. No entanto, a juíza Lici Sánchez afirmou falta de segurança para não realizar a cerimônia. As informações são do jornal de Paraguay “Última Hora”.

A vítima de Piloto dentro do quartel da Polícia Nacional, onde está preso desde dezembro, foi Lidia Meza Burgos, uma argentina de 18 anos que o visitava pela segunda vez. A jovem, segundo o Ministério Público do paraguai, trabalhava como garota de programa e entrou no presídio de maneira irregular. Ela ficou 40 minutos com Piloto e se a golpeou 16 vezes.

De acordo com as primeiras informações, Lidia Meza Burgos, de 18 anos, visitava Piloto pela segunda vez. Por volta de 13h50, o guarda que fazia ronda escutou gritos vindos da cela de Piloto. Encontrou a mulher caída no chão, ensanguentada, quando aproximou-se. Se a encaminhou para atendimento médico, mas não resistiu. A jovem teria sido atingida com golpes de faca 16 vezes, segundo o promotor Hugo Volpe, que acompanha o caso.Lidia Meza Burgos, de 18 anos, visitava Piloto pela segunda vez, segundo as primeiras informações. Por volta de 13h50, o guarda que fazia ronda escutou gritos vindos da cela de Piloto. Encontrou a mulher caída no chão, ensanguentada, quando aproximou-se. A vítima chegou a ser levada para atendimento médico, mas não resistiu. A jovem teria sido atingida com golpes de faca de mesa 16 vezes, segundo o promotor Hugo Volpe, que acompanha o caso.

Na sábado 27 de outubro a Justiça do Paraguai havia autorizado a extradição de Marcelo Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, para o Brasil. A resolução, assinada pela juíza Alicia Pedrozo, havia sido tomada após seguidas tentativas de escapada do chefão do Comando Vermelho. A vinda brasileira ao Brasil, entretanto, não seria imediata: de acordo com a resolução, o traficante só poderia ser deportado após a finalização de dois processos que existiam contra ele no Paraguai, um por assassinato e outro por adulteração de documentos. Piloto era condenado a 26 anos de prisão no Brasil.

Já Marisa está presa no Paraguai desde outubro acusada de participar de um plano para liberar Piloto da cadeia. Marisa é noiva de Piloto. Ela seria deslocada do presídio onde satisfaz pena para o quartel onde está Marcelo Piloto para realizar o casamento.

— Não é o momento oportuno e não existem condições necessárias de segurança para a transferência — alegou a juíza Sánchez ao “Última Hora”: — Quando não houvesse mais perigo de escapada, a comemoração só poderia ser realizada.

Após o homicídio de Lidia, Mario Abdo Benítez anunicou neste domingo, através de sua conta no Twitter, a troca de comando na Polícia Nacional do Paraguai após reunião com o Conselho de Segurança Interna do país. Mario Abdo Benítez é o presidente do Paraguai. Gregorio Walter Vázquez Alderete vai ser o novo comandante da polícia de Paraguay. Já Eladio Sanabria Morán vai ser o novo subcomandante.

Gregorio Walter Vázquez Alderete, no entanto, se o acusou de cobrar propina para selecionar os policiais que ocupariam posições de chefia segundo o jornal ” ABC Color “,. Faz 4 meses, quando ele ocupava a direção de a Polícia Nacional em San Pedro, o caso ocorreu de esse ano. Quem estava no posto e não aceitou pagar se o retirou de as posições. Walter nega as acusações.

Depois do crime, Jorge Prieto alegou que agora seu cliente vai precisar ser julgado por assassinato Jorge Prieto é o próprio advogado de Piloto., e que isso tem que impedir sua extradição para o Brasil.

A advogada de defesa de Marcelo Piloto, Laura Casuso, foi morta a tiros na noite da última segunda-feira. Investigadores de Paraguay suspeitam que ela tenha sido assassinada a mando de um dos seus próprios clientes, por não ter obtido resultados satisfatórios durante os processos. Além de Piloto, Casuso chegou a defender o narcotraficante Jarvis Chimenes Pavão, deportado para o Brasil no ano passado. Laura também trabalhou para Elton Rumich, conhecido como Galã e assinalado como um dos principais provedores de drogas do Paraguai para as facções brasileiras. Faz 8 meses, ele foi preso de este ano em Ipanema. A polícia acusa Elton de ter em 2016 , participado de a realização de o traficante Jorge Rafaat que chefiava os negócios ilícitos em a fronteira ,.

Através de sua conta no Twitter, a ministra da Mulher do Paraguai, Nilda Romero, disse seu repúdio ao caso e cobrou o inquérito e penalização dos envolvidos.

Faz 2 meses, se concedeu a extradição de Piloto, mas ele recorreu e se a analisa agora em segunda instância. Até então, o Ministério do Interior do Paraguai acreditava que seu regresso ao Brasil pudesse acontecer ainda este mês, já que consideram-se os crimes que cometera por lá de fácil finalização.

Conforme o EXTRA informou na semana passada, autoridades de Paraguay esperam conseguir deportar o narcotraficante ainda este mês. Concedeu-se a extradição já, mas ele só poderá voltar ao Brasil após a finalização dos processos. Para a polícia, Piloto deseja protelar seu regresso ao Brasil por acreditar ter mais possibilidades de escapada da outra lado da fronteira. No entanto, seis planos para resgatá-lo já foram frustrados. Aqui no Brasil, o criminoso terá que ficar detido num presídio de segurança máxima.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: Brazil, Argentina

Cities: San Pedro

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Marcelo Piloto tentou marcar casamento dentro da cadeia para o dia que matou jovem
>>>>>Marcelo Piloto participará de audiência no Paraguai nesta sexta-feira – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Traficante Marcelo Piloto é apontado como assassino de jovem dentro da cela onde está preso no Paraguai – November 17, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Traficante Marcelo Piloto é apontado como assassino de jovem dentro da cela onde está preso no Paraguai, diz promotor – November 17, 2018 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Marcelo Pinheiro Veiga 0 125 PERSON 8 o Marcelo_Piloto: 1, Ele (referent: Marcelo_Pinheiro_Veiga): 1, (tacit) ele/ela (referent: Marcelo_Pinheiro_Veiga): 3, Marcelo_Piloto: 2, Marcelo_Pinheiro_Veiga (apposition: o Marcelo_Piloto): 1
2 Piloto 0 0 PLACE 7 ele (referent: Piloto): 1, Piloto: 6
3 o Brasil 0 0 PLACE 6 o Brasil: 6
4 eu 0 57 NONE 5 (tacit) eu: 5
5 Hugo Volpe 120 0 PERSON 4 o promotor Hugo_Volpe: 4
6 caso 0 0 NONE 4 o caso: 3, O caso: 1
7 guarda 0 0 NONE 4 o guarda: 4
8 paraguai 0 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: o paraguai): 2, o Paraguai: 2
9 Elton Rumich 0 130 PERSON 3 Ele (referent: Elton_Rumich): 1, Elton: 1, Elton_Rumich: 1
10 Laura Casuso 0 70 PERSON 3 Laura: 1, ela (referent: Laura_Casuso): 1, Laura_Casuso: 1