CruzexIV2008NatalBrasil.jpg

Polícia Militar volta a fazer operação na Rocinha nesta segunda-feira

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Cruzex IV 2008 Natal – Brasil

Equipes do Batalhão de Polícia de Choque , da Polícia Militar, voltaram à Favela da Rocinha, em São Conrado, na Zona Sul do Rio, na manhã desta segunda-feira. A corporação postou um aviso sobre a operação em seu perfil oficial no Twitter. Além dos PMs, permanecem na comunidade equipes das Forças Armadas, que desde a última sexta-feira atuam na região.

As forças armadas de uma nação constituem o conjunto das suas organizações e forças de guerrazinha e de defesa.

Há uma operção em andamento, também, no Morro do Turano, no Rio Comprido, na Zona Norte. Lá, quem atua são equipes do Batalhão de Operações Especiais . A polícia tem informações de que ladrinhas que escaparam da Rocinha se refugiaram no Turano.

O Portal dos Procurados divulgou, nesta sexta-feira, um cartaz oferecendo recompensa de R$ 1 mil em troca de informações que levem às prisões de Emanuel Bezerra de Araujo, de 18 anos, Ramom Aleluia, o Manga, de 37 anos, Henrique Marques de Oliveira, de 25, Jurandir Silva Santos, o Parazinho, de 24, Marcelo Xavier da Costa, de 34 anos, Thiago de Oliveira Pereira, o Popó, Ricardo Souza de Lima, o John Rambo, de 32, Rayane Alves de Oliveira, a Balotelli, de 22.Mata fechada da Floresta da Tijuca, na parte alta da favela da Rocinha. Caçado por comparsas de Antonio Francisco Bonfim Lopes, o Nem , e também pela polícia, Rogério Avelino da Silva abrigou-se em meio ao matagal. Rogério Avelino da Silva é o Rogério 157. O traficante está isolado. No mês passado, rompeu com a facção Amigo dos Amigos , mas tinha planos: aproximar-se do Terceiro Comando Puro . Não encontrou portas abertas. A facção negou-se a abrigá-lo.

Na segunda-feira 18 de setembro equipes das polícias Militar e Civil faziam uma operação na Rocinha, em São Conrado, na Zona Sul do Rio, nesta segunda-feira. A ação acontecia um dia após a comunidade viver um dia de combate. No começo da manhã deste domingo, cerca de 60 ladrinhas haviam invadido a favela e haviam dado começo a um confronto que havia deixado um suspeito morto e três pessoas feridas.

No começo da manhã desta segunda, o clima na Rocinha era de aparente tranquilidade. Se registraram tiroteios durante o fase de a madrugada, não em a comunidade. Habitantes saíram de casa para trabalhar sem ter que se inquietar com confrontos. Muitos se concentraram em pontos de ônibus, para seguir em direção a seus empregos.

Faz 8 dias, a invasão de a Rocinha, em a manhã de o último dia 17, ocorreu. Há um mês, Nem, mandou, do presídio federal de Rondônia, a ordem para que Rogério 157, que lhe sucedeu no posto de chefe do tráfico, deixasse a favela. Rogério não saiu do morro. Faz 1 mês, três homens de confiança de Nem foram encontrados mortos em um carro, em a Estrada da Gávea, em 13 de agosto. Na semana passada, outros aliados do antigo chefe foram expulsos do morro. O domo da ADA decidiu, então, expulsar Rogério da favela.

Na sua vez, o Rogério 157 alvo dos traficantes que invadiram a Rocinha no último domingo, começou a se desmantelar. O Rogério 157 é o bando de Rogério Avelino da Silva. Algumas ladrinhas já saíram da parte alta da favela e buscaram refúgio em outras localidades dominadas pela facção Amigos dos Amigos , como o Morro de São Carlos, na Região Central do Rio.Segundo agentes da Polícia Civil que investigam a Rocinha, Rogério 157 segue na área de mata atrás da favela. Ladrinhas que seguem leais ao chefão passaram a revistar habitantes em busca de mensagens de celular que possam revelar quem denuncia o tráfico.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Polícia Militar volta a fazer operação na Rocinha nesta segunda-feira
>>>>>PM realiza operação na Rocinha pelo quarto dia consecutivo – September 21, 2017 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Disque-denúncia paga R$ 1 mil por pistas sobre envolvidos na invasão da Rocinha – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Invasão da Rocinha escancara pacto entre facções rivais – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 bandidos 24 480 NONE 6 60 bandidos: 1, Bandidos: 2, bandidos: 2, Alguns bandidos: 1
2 Rocinha 0 57 ORGANIZATION 5 a Rocinha: 5
3 Rogério da Avelino Silva 0 0 PERSON 5 (tacit) ele/ela (referent: Rogério): 1, Rogério_Avelino_da_Silva (apposition: o Rogério): 1, Rogério: 3
4 esta 0 0 NONE 3 esta: 3
5 favela 0 0 NONE 3 favela: 1, a favela: 2
6 início 0 0 NONE 3 dado início: 1, o início: 2
7 o traficante 0 0 NONE 3 (tacit) ele/ela (referent: O traficante): 3
8 alvo de os traficantes 0 160 NONE 2 alvo de os traficantes: 2
9 confronto 0 70 NONE 2 um confronto: 2
10 São_Conrado 0 0 PLACE 2 São_Conrado: 2