Japoneses pedem a renúncia de primeiro-ministro envolvido em escândalo

Por: SentiLecto

Mais de mil pessoas se reuniram na noite de segunda-feira, diante da residência oficial do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, para pedir sua renúncia e a do ministro das Finanças, Taro Aso, pelo suposto encobrimento de um escândalo de favores.

– O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e seu aliado mais próximo, Taro Aso se tornaram alvos de uma pressão crescente nesta segunda-feira devido ao suposto acobertamento de um escândalo de nepotismo que vem atormentando o premiê há mais de um ano. Taro Aso é o ministro das Finanças. Cópias de documentos vistos pela Reuters mostram que referências a Abe, à sretirou-se sua esposa e a Aso de registros de o Ministério das Finanças que tratam de a venda de terras de o governo com desconto a um agerenteescolar ligado em a esposa de Abe, Akie.be, atualmente em seu sexto ano na posição, negou que ele e a esposa tenham prestado favores ao gerente escolar Moritomo Gakuen e caso se encontrem provas de que o fizeram, declarou que abdicará. As referências editadas vistas pela Reuters não parecem mencionar que Abe ou sua esposa intervieram diretamente no negócio. A suspeita de acobertamento pode afetar o índice de aprovação de Abe e acabar com sua esperança de satisfazer um terceiro mandato como líder de seu Partido Liberal Democrata . O triunfo em uma eleição que vai renovar a liderança do PLD em setembro pode encaminhá-lo para se tornar o premiê mais longevo do Japão. As dúvidas também estão instituindo pressão para sua renúncia. “Isso poderia abalar a confiança na gestão como um todo. Sinto-me fortemente responsável como chefe da gestão”, depois que o Ministério das Finanças relatou os documentos modificados, declarou Abe aos repórteres. “Peço desculpas a todo o povo”. Abe declarou desejar que Aso se empenhe em elucidar todos os fatos e faça com que tais coisas não se repitam. Em uma coletiva de jornalismo separado, Aso declarou que vários funcionários da divisão de seu ministério a cargo da venda se envolveram na falsificação dos documentos para fazê-los se conformarem aosdepoimentoss dados pelo então chefe da divisão ao Parlamento. “Ficou claro que houve umYuichiro Tamaki aos repórteres, opinando que Aso deveria abdicar e que o Parlamento teria que realizar audiências sobre o caso. Yuichiro Tamaki é o líder do inimigo Partido Democrático. Yuichiro Tamaki é o líder do inimigo Partido Democrático. Aso, de 77 anos, que também é vice-premiê e cujo suporte é vital para Abe, pediu desculpas pelas ações de sua pasta, mas declarou não ter intenção de abdicar.

Depois que Aso admitiu, as ruas próximas do chamado Kantei se encheram de vocábulos de ordem como “Mentiras jamais mais” ou “Todos os membros do Gabinete devem se demitir” para pedir a renúncia dos dirigentes que seu ministério manipulou documentos ligados a um caso de suposta assistência financeira e administrativa para uma instituição privada.

Em resposta aos pedidos de renúncia que aconteceram desde a revelação, Aso, quem também detém a posição de vice-primeiro-ministro, reiterou hoje sua intenção de seguir liderando o inquérito e não abdicar, em declarações aos veículos de jornalismo, após uma reunião do Gabinete.

Moritomo Gakuen protagoniza o escândalo por um custo aproximadamente dez vezes mais barato do que seu valor de mercado Moritomo Gakuen é uma polêmica instituição educacional que promovia idéias ultranacionalistas que em 2016 comprou um terreno de propriedade estatal em Osaka ,., e que tem vínculos com Abe e sua esposa, Akie.

Depois que se descobriu o caso em fevereiro de 2017, de acordo com um inquérito interno, mais de uma dezena de documentos relacionados com a venda foram reescritos desde a Finanças e exibidos no Parlamento como prova para desvincular à Administração do caso,uummmanejoque lergueususpeitas de encobrimento.

“A salinha do primeiro-ministro está culpando o Ministério das Finanças. Poremos fim aos atos que sujeitam a política a interesses privados”, declarou, durante Mizuho Fukushima em declarações divulgadas pela agência de notícias “Kyodo”. Mizuho Fukushima é o protesto.

Novas manifestações foram convidadas para hoje e pelo menos até a próxima sexta-feira para pedir a renúncia do chefe do governo japonês.

Entre os dados que foram suprimiram, constavam o nome de Akie Abe e seu suporte ao projeto, assim como referências a Abe e Aso e seu suporte de ambos para uma organização ultraconservadora, em que o chefe da instituição também ocupava uma posição aumentada.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Japoneses pedem a renúncia de primeiro-ministro envolvido em escândalo
>>>>>Premiê e ministro das Finanças do Japão sofrem pressão devido a suposto escândalo de nepotismo – March 12, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Dossiê aponta falsificação de documentos em caso que envolve premiê do Japão – March 12, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Japão atribui mudança na postura da Coreia do Norte a sanções – March 09, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Coreia do Sul enviará delegação à Coreia do Norte, enquanto Trump sugere vontade de negociar – March 04, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Enviado dos EUA para Coreia do Norte irá se aposentar após Trump rejeitar conversas incondicionais – February 28, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Coreia do Sul confirma que enviará representante do governo a Pyongyang – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Coreia do Norte nega cooperação com Síria em armas químicas – March 01, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Em jantar cheio de piadas, Trump sugere que EUA se reunirão com Coreia do Norte – March 04, 2018 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Otimismo e cautela imperam após oferta de diálogo da Coreia do Norte – March 07, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Enviado de Seul a Pyongyang diz que busca abrir diálogo com Washington – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Kim Jong-un recebe delegação sul-coreana em Pyongyang – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Abe Akie 0 30 PERSON 14 Shinzo_Abe: 2, Akie: 2, (tacit) ele/ela (referent: Abe): 4, o (referent: Abe): 1, Abe: 5
2 Parlamento 0 0 ORGANIZATION 8 o Parlamento: 3, (tacit) ele/ela (referent: o Parlamento): 5
3 Aso 0 86 PERSON 7 Aso: 7
4 eu 145 0 NONE 7 me: 1, (tacit) eu: 6
5 Ministério das Finanças 0 60 ORGANIZATION 4 o Ministério_das_Finanças: 4
6 Mentiras 0 0 PERSON 3 Mentiras: 1, (tacit) ele/ela (referent: Mentiras): 2
7 documentos 0 0 NONE 3 documentos relacionados: 1, os documentos alterados: 1, documentos ligados: 1
8 referências 0 0 NONE 3 referências: 2, As referências editadas: 1
9 a vitória em uma votação 270 0 NONE 2 A vitória em uma votação: 2
10 organização 80 0 NONE 2 uma organização ultraconservadora: 2