Pedro Sánchez comemora coalizão entre PSOE e UP e promete governo progressista

Por: SentiLecto

O presidente em exercício do governo espanhol, Pedro Sánchez, comemorou nesta terça-feira o acordo do Partido Socialista , do qual é líder, com a aliança de esquerda Unidas Podemos , que pode acabar com o impasse político que já dura quatro anos.

O número 2 do Partido Socialista explicou que a busca dos dirigentes da legenda é formar um governo progressista, por isso, descartou uma “grande aliança” com o conservador Partido Popular , que elegeu 88 deputados.O presidente do governo e líder do PSOE, Pedro Sánchez, e Pablo Iglesias terão que comparecer em breve ao Congresso para explicar o convênio firmado e também explicar o conteúdo do que se o negociou . Pablo Iglesias é o culpado máximo da UP.Sánchez foi o primeiro dos líderes dos maiores partidos de Espanha a exercer o direito ao voto, de manhã, somente meia hora após a abertura das urnas.

Na sábado 02 de novembro Pedro Sánchez, que liderava o Partido Socialista Operário Espanhol havia negado a suposição de formar uma grande aliança com o Partido Popular , principal legendaPedro Sánchez, que liderava o Partido Socialista Operário Espanhol havia negado a suposição de formar uma grande aliança com o Partido Popular , principal legenda de oposição no país. Pedro Sánchez, que liderava o Partido Socialista Operário Espanhol é o presidente interino do governo espanhol. Pedro Sánchez, que liderava o Partido Socialista Operário Espanhol é o presidente interino do governo espanhol.

Sánchez, pouco depois da divulgação do convênio que foi exibido no Congresso dos Deputados e que considerou como “estável” para começar um mandato. alegou: “O país precisa de um governo que comece a andar o quanto antes”.

O líder socialista garantiu que o acordo, firmado somente dois dias após as votações, vai permitir superar o bloqueio político dos últimos três pleitos, em que os mesmos partidos não foram capazes de formar um governo de aliança.

Na Espanha, é preciso maioria no Congresso dos Deputados para a formação de um governo. No total, são 350 cadeiras, e enquanto a UP ficou com o quarto lugar, o PSOE conseguiu 120 , com 35. Assim, ainda faltariam 16, que estão sendo buscadas em outros partidos de esquerda e regionais. A celeridade para que o convênio fosse firmado pode ser explicado pela progressão do partido de extrema direita Vox, que o crescimento da legenda deu novo ímpeto para a aproximação de PSOE e UP, que concluiu na terceira posição nas votações de domingo.

Na sua vez, ábalos admitiu que o maior objetivo do PSOE, cuja domo se reuniu hoje para analisar os resultados da votação, é impedir uma terceira votação em menos de um ano, já que a anterior a de ontem ocorreu em abril.

“Será um governo profundamente progressista. A única coisa que não vai caber vai ser a Animosidade e o confronto entre os espanhóis”, garantiu o presidente em exercício.

“É o tempo de deixar as deixar as diferenças e trabalhar lado a lado. O acordo supera qualquer desencontro que já tivemos”, completou Iglesias.

Até o momento, há uma base de acordo em dez linhas básicas, como melhora do emprego, proteção ao sistema de saúde, educação e pensões, garantia ao direito de moradia, luta contra a mudança climática, igualdade da mulher e aumento dos direitos sociais.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Pedro Sánchez comemora coalizão entre PSOE e UP e promete governo progressista
>>>>>Sánchez iniciará hoje as conversas para formar governo na Espanha – (EfeGeneric)
>>>>>PSOE e Unidas Podemos chegam a acordo para formar governo na Espanha – November 12, 2019 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Sem maioria, PSOE vence eleições na Espanha; Ultradireita vira 3ª maior força – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>PSOE vence na Espanha; ultradireita cresce, e cenário político segue aberto – November 10, 2019 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Presidente do governo espera grande presença nas eleições na Espanha – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>Pesquisa aponta ausência de maioria e ascensão da extrema-direita em eleição espanhola – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Espanha volta às urnas buscando fim de impasse político – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Pedro Sánchez 120 0 PERSON 6 Pedro_Sánchez (apposition: o presidente interino de o governo de a Espanha): 2, Pedro_Sánchez: 1, (tacit) ele/ela (referent: Pedro_Sánchez): 1, Sánchez: 2
2 governo 100 0 NONE 3 um governo: 2, um governo profundamente progressista: 1
3 Partido 0 0 PERSON 3 o conservador Partido_Popular: 2, o Partido_Socialista: 1
4 UP 0 0 ORGANIZATION 3 a UP: 1, UP: 2
5 pacto 0 0 NONE 3 o pacto: 3
6 coisa 0 270 NONE 2 A única coisa: 2
7 o maior objetivo de o psoe 80 100 NONE 2 o maior objetivo de o PSOE: 2
8 acordo 60 0 NONE 2 o acordo: 1, O acordo: 1
9 Congresso 0 0 ORGANIZATION 2 o Congresso: 1, (tacit) ele (referent: o Congresso): 1
10 Pablo Iglesias 0 0 PERSON 2 Iglesias: 1, Pablo_Iglesias (apposition: o responsável máximo de a UP): 1