Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Bola-de-fut-campo

Fernando Gomes e a FPF endereçaram nota de condolênciasFernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol , lamentou o falecimento de Vítor Oliveira este sábado, aos 67 anos.»Foi com grande terror que tomei conhecimento da morte completamente imprevista de Vítor Oliveira, uma das personalidades mais carismáticas do futebol nacional e uma pessoa com quem sempre tive uma relação de enorme respeito, fascínio e amabilidade. Numa carreira longa e repleta de triunfos, foi sempre, pelo sua enorme personalidade, cultura esportiva e pré-requisito, uma referência de topo do futebol português», indica o líder da FPF, em mensagem publicada no site do organismo.»A sua ligação aos jogadores, colegas treinadores, staff, dirigentes e clubes por onde passou – mais de quatro décadas ao serviço de quase vinte símbolos – falam mais alto do que quaisquer vocábulos que aqui possa deixar. Enfatizo somente que Vítor Oliveira vai fazer muita falta ao futebol nacional que, por sua vez, dele vai guardar sempre a imagem de um imenso ganhador. À família enlutada, nesta hora tão difícil, envio as minhas mais sentidas condolências», adiciona Fernando Gomes.

Fernando Gomes Fernando Gomes lamentou a morte de Reinaldo Teles, deixando vocábulos de suporte na família e ao FC Porto «pela perda de alguém tão importante na estrutura». Fernando Gomes é o presidente da Federação Portuguesa de Futebol. Fernando Gomes é o presidente da Federação Portuguesa de Futebol.uma nota divulgada na página oficial da FPF, Fernando Gomes diz «as mais sentidas condolências aos familiares, amigos e colegas de Reinaldo Teles, histórico dirigente do FC Porto ao longo das últimas décadas».»Nesta hora de enorme amargura, não poderia deixar de oferecer igualmente a toda a família de Portugal, em particular à Direção do clube, uumpvocábulode conforto pela perda de alguém tão importante na estrutura. Sabemos que Reinaldo Teles vai perdurar na almazinha e no coração dos que com ele privaram por muito e muitos anos e que essa é a maior honra que alguém pode conquistar», refere a nota.Reinaldo Teles, histórico dirigente do FC Porto e gerente não-executivo da SAD do campeão português de futebol, faleceu hoje, aos 70 anos, vítima de covid-19, após cerca um mês de internamento na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de São João, no Porto.Natural de Paços de Ferreira, Reinaldo Teles era também conhecido como o ‘eterno braço direito’ do presidente Pinto da Costa, nas quase quatro décadas em que lidera o clube.Vítor Oliveira morreu este sábado, aos 67 anos, depois de enquanto dava uma caminhada, se sentir mal. Vítor Oliveira é histórico treinador do futebol de Portugal.Treinador de 67 anos morreu este sábado, aos 67 anos.O futebol de Portugal está de luto com a notícia do falecimento de Vítor Oliveira, um treinador histórico do desporto rei em solo de Lusaka, que ficou conhecido como «rei das subidas», fruto do trabalho realizado em clubes do segundo escalão, que redundou num total de onze promoções à I Liga.Mas, antes do brilhante caminho no banco, Oliveira foi jogador: entre 1972 e 1985, encarnou seis clubes: Leixões, Paredes, Famalicão, Espinho, Braga e Portimonense. E foi ainda enquanto futebolista que começou a mostrar veia de técnico. Na época 1978/79, assumiu, ainda que por pouco tempo, o leme do Famalicão na característica de jogador-treinador.Faz 35 anos, foi já, pela porta de o Portimonense que surgiu a primeira experiência, » a sério » como técnico. Seguiu-se um amplo currículo: Maia, Paços de Ferreira, Gil Vicente, V. Guimarães, Académica, Braga, Leiria, Belenenses, Rio Ave, Moreirense, Leixões, Trofense, Aves, Arouca, União da Madeira, Chaves e Paços de Ferreira foram os clubes que orientou, alguns dos quais em mais do que uma ocasião.No total, garantiu nada menos do que onze subidas ao principal campeonato do futebol nacional , um registo sem igual da «velha raposa» dos bancos de Portugal, conhecida pelo perfil discreto e em simultâneo, pela frontalidade com que sempre pautou o seu discurso.No final de 2019/20, depois de assegurar a continuidade do Gil Vicente na I Liga, anunciou um intervalo na carreira de treinador. Atualmente, desempenhava as funções de comentador televisivo.Vítor Oliveira morreu este sábado aos 67 anos, depois de enquanto dava uma caminhada na zona de Matosinhos, se sentir mal.

Na segunda-feira 09 de novembro » vai auxiliar a FPF a assumir ainda mais as suas responsabilidades na construção de uma sociedade mais inclusiva e justa», assinalou Fernando Gomes.A Federação Portuguesa de Futebol informou que se renovou o contrato de patrocínio de a Seleção Nacional com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.se formalizou a extensão de a parceria entre as duas instituições em uma cerimónia realizada em a Cidade do Futebol que contou com as presenças de o presidente de a FPF, e Fernando Gomes, e do fornecedor da Santa Casa da Misericórdia, Edmundo Martinho.Os Jogos Santa Casa continuariam, deste modo, a ser patrocinadores da principal seleção portuguesa, mas também da sub-21. Começada em 2012, a parceira estendia-se agora até 2024.»À margem da renovação deste acordo, a Santa Casa, nomeadamente através da marca Jogos Santa Casa patrocina ainda a Seleção Nacional de Futsal e com a marca Placard a Taça de Portugal, Supertaça Cândido de Oliveira e todas as competições de futsal sénior masculinos», menciona a FPF no site oficial.» era com toda a naturalidade e entusiasmo que a Santa Casa estendia a sua parceria com a FPF por mais quatro anos, consolidando, assim, uma relação institucional que tem permitido contribuir para a concretização de vários feitos esportivos ao nível da Seleção Nacional A e que tanto orgulho e deleites tem dado aos portugueses. Esta parceria reforçava ainda o protagonismo de se apostar num esforço ininterrupto e transversal em termos de seleções de escalões mais jovens e, por isso, este patrocínio também se estendia à Seleção Nacional sub-21. destacávamo igualmente o trabalho que tem sido desenvolvido entre a Santa Casa e a FPF em termos de responsabilidade social e que, estava certo, iremos aprofundar nos próximos anos, envolvendo cada vez mais pessoas e entidades na sensibilização para os desafios da nossa sociedade», alegou Edmundo Martinho, Provedor da Santa Casa.Faz 59 anos, já Fernando Gomes enalteceu que, » bastante mais do que parceiros comerciais, a FPF e a Santa Casa eram duas instituições amigas que faziam de a fidelidade, solidariedade e respeito a trave mestra de uma relação que se começou com a introdução de o Totobola em Portugal, por as mãos de o Provedor José Guilherme de Melo e Castro «.»Este acordo permitirá-nos continuar o trabalho de excelência ao nível das Seleções Nacionais e, através da parceria na área da responsabilidade social, vai auxiliar a FPF a assumir ainda mais as suas responsabilidades na construção de uma sociedade mais inclusiva e justa. teríamos um parceiro de exceção e procuraríamos continuar a provar, nas nossas diferentes esferas de ação, almazinha de equipa, resiliência, solidariedade e vontade de vencer todos os desafios habituais. agradecia à Santa Casa toda a confiança que em nós d depositavae g garantiaque tudo f faríamospara estar à altura dessa aposta», rematou Fernando Gomes.

Na sua carreira como treinador, com mais de 30 anos, ele conseguiu onze promoções na Primeira Liga, seis como campeão.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>»Vítor Oliveira era uma das personalidades mais carismáticas do futebol nacional»
>>>>>A «palavra de conforto» da FPF à família de Reinaldo Teles e ao FC Porto – (ojogo-pt)
>>>>>As reações do mundo do futebol à morte de Vítor Oliveira – November 28, 2020 (ojogo-pt)
>>>>>Vítor Oliveira: a «velha raposa» que ganhou o título de «rei das subidas» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Fernando Gomes 120 40 PERSON 11 (tacit) ele/ela (referent: Fernando_Gomes): 3, Fernando_Gomes: 6, Fernando_Gomes (apposition: O presidente de a Federação_Portuguesa_de_Futebol): 1, ele (referent: Fernando_Gomes): 1
2 eu 160 180 NONE 8 (tacit) eu: 8
3 nós 0 0 NONE 7 nos: 1, nós: 1, (tacit) nós: 5
4 Vítor Oliveira 80 190 PERSON 6 Vítor_Oliveira (apposition: histórico treinador de o futebol português): 1, Oliveira: 1, (tacit) ele/ela (referent: Vítor_Oliveira): 2, Vítor_Oliveira: 2
5 FPF 0 0 ORGANIZATION 4 a FPF: 4
6 parceria 0 0 NONE 4 Esta parceria: 1, parceria: 1, sua parceria: 1, a parceria: 1
7 futebol 0 110 NONE 3 O futebol português: 1, o futebol nacional: 2
8 Reinaldo Teles 0 70 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Reinaldo_Teles): 1, Reinaldo_Teles: 1, ele (referent: Reinaldo_Teles): 1
9 instituições 480 0 NONE 3 duas instituições amigas: 2, as duas instituições: 1
10 a Santa_Casa 0 0 PLACE 3 a Santa_Casa: 3