Por: SentiLecto

– As ações europeias concluíram perto da estabilidade nesta quinta-feira, após um salto nas reivindicações semanais de auxílio-desemprego nos Estados Unidos e a queda da confiança dos consumidores na zona do euro diminuírem as esperanças de uma recuperação econômica, apagando os ganhos anteriores obtidos após fortes balanços regionais. Enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,06%, o índice FTSEurofirst 300 subiu 0,05%, a 1.455 pontos , a 374 pontos. O índice de referência devolveu ganhos de até 0,8% depois que dados mostraram que os pedidos de auxílio-desemprego nos EUA subiram pela primeira vez em quase quatro meses, propondo que o mercado de trabalho está parado em meio a uma ampliação nos casos de Covid-19. Em a Europa, a confiança de o consumidor foi degenerada em julho, apesar das expectativas de melhora. «A grande questão é: quanta demanda reprimida vai ser vista nos próximos meses? Os números de vendas têm sido encorajadores até agora, mas os números de confiança de julho arremessam algumas dúvidas sobre as perspectivas de gastos», declarou Bert Colijn, economista sênior para a zona do euro no ING. Em LONDRES, o índice Financial Times progrediu 0,07%, a 6.211 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,01%, a 13.103 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,07%, a 5.033 pontos. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,70%, a 20.454 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,07%, a 7.384 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,64%, a 4.538 pontos.

– O Ibovespa futuro com vencimento mais curto tinha variações tímidas nos primeiros negócios desta quarta-feira, tendo de pano de fundo o início da temporada de balanços no país, enquanto, no exterior, EUA e China ocupavam os holofotes. Faz 11 meses, por volta de 09:20, o contrato de o Ibovespa com vencimento tinha acréscimo de %0,23, a 104.645 pontos. Mais cedo a WEG abriu a colheita de resultados das empresas listadas no Ibovespa nesta manhã, com lucro líquido de 514,4 milhões de reais no segundo trimestre, alta de 32% ante o mesmo fase do ano anterior. No exterior, os Estados Unidos declararam à China para fechar seu consulado em Houston, aprofundando a ddanificaçãonas relações bilaterais, e uma fonte alegou que Pequim considerava fechar o consulado norte-americano em Wuhan. O estrategista Dan Kawa, da TAG Investimentos observou: «Estamos amanhecendo com uma leve execução de lucros nos ativos de risco». Enquanto o do Nasdaq trabalhava em território positivo, em Wall Street, os mini contratos futuros do S&P 500 e do Dow Jones tinham pequenas variações negativas. Na Europa, o FTSEurofist 300 recuava 0,9%. Os custos do petróleo também passavam por correção negativa, após forte valorização na véspera.

Na quarta-feira 15 de julho – O mercado acionário europeu fechou em uma máxima de mais de cinco semanas nesta quarta-feira, com as ações de viagem aproveitando a onda de otimismo após notícias de progressão no desenvolvimento de uma vacina para a Covid-19. Enquanto a operadora de cruzeiros Carnival Plc saltou 11,4%, as ações de companhias do setor aéreo como IAG, Ryanair e Lufthansa subiram entre 9,7% e 10,7%. O índice de viagens e lazer subiu 6,1% e liderou os ganhos entre setores, mas ainda tem a pior performance na Europa este ano com queda de 33% já que a pandemia de coronavírus paraliou as viagens. Faz 4 meses, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou %1,76, o índice FTSEurofirst 300 subiu %1,65, a 1.456 pontos, a 374 pontos, fechando pouco abaixo de níveis vistos por a última vez em o começo. As blue-chips da zona do euro subiram 1,7%, atingindo o nível mais alto desde 5 de março. Investidores foram encorajados por um estudo em estágio inicial de uma vacina experimental pelava norte-americana Moderna Inc, que provocou respostas imunológicas. Já a AstraZeneca saltou 5,2% depois de informações de que notícias positivas sobre a potencial vacina da Universidade de Oxford que foi licensiada para a farmacêutica podia ser anunciada já na quinta-feira. Mark Haefele a clientes. declarou: «Nosso cenário central era de que uma vacina estaria amplamente disponível a partir do segundo trimestre do próximo ano, ou quarto trimestre deste ano no nosso melhor cenário». Mark Haefele é diretor de investimento do UBS Global Wealth Management. Em LONDRES, o índice Financial Times progrediu 1,83%, a 6.292 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,84%, a 12.930 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 2,03%, a 5.108 pontos. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 2,02%, a 20.281 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,84%, a 7.487 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,68%, a 4.419 pontos.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United States, United Kingdom, Portugal, Germany, France

Cities: Paris, London, Lisbon, Frankfurt

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Ações europeias fecham estáveis após dados angustiantes compensarem balanços positivos
>>>>>Ibovespa futuro oscila pouco com início da temporada de balanço e tensão EUA-China no radar – July 22, 2020 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 pontos 0 0 NONE 17 20.454 pontos: 1, 104.645 pontos: 1, 6.292 pontos: 1, 20.281 pontos: 1, 7.487 pontos: 1, 5.033 pontos: 1, 7.384 pontos: 1, 12.930 pontos: 1, 1.455 pontos: 1, 1.456 pontos: 1, 13.103 pontos: 1, 374 pontos: 2, 4.419 pontos: 1, 4.538 pontos: 1, 5.108 pontos: 1, 6.211 pontos: 1
2 índice 0 40 NONE 8 o índice pan-europeu: 2, o índice: 6
3 eu 0 100 NONE 3 (tacit) eu: 3
4 a Europa 0 0 PLACE 3 a Europa: 3
5 ganhos 0 0 NONE 3 ganhos: 1, os ganhos anteriores obtidos: 1, os ganhos: 1
6 variações 0 120 NONE 2 pequenas variações negativas: 1, variações tímidas: 1
7 o índice Ftse-Mib 80 50 OTHER 2 o índice Ftse-Mib: 2
8 valorização 240 0 NONE 2 forte valorização: 1, valorização de %2,02: 1
9 cenário 200 0 NONE 2 Nosso cenário central: 1, nosso melhor cenário: 1
10 Financial Times 50 0 PERSON 2 o índice Financial_Times: 2