Por: SentiLecto

A China está comprometida com a Fase 1 do acordo comercial com os Estados Unidos e está trabalhando para satisfazer sua promessa de ampliar as compras de produtos norte-americanos, mesmo que o ritmo de aquisição das mercadorias tenha sido limitado pelo surto do coronavírus, alegaram três fontes de China.

Faz 4 meses, segundo a Fase 1 de o acordo Pequim prometeu comprar 200 bilhões de dólares em bens e serviços complementares de os EUA ao longo de dois anos e Washington pelo menos consentiu em reverter em etapas, as tarifas sobre produtos chineses,.

Caso a China não satisfaça seus compromissos de compra, mas o presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou anular o acordo.

Faz 1 mês, as importações de China de produtos norte-americanos recuaram %11,1 em dólares em a comparação com o ano anterior, influídas por a procura doméstica mais fraca em razão de a epidemia, em abril.

Os nervosismos entre EUA-China ampliaram com o surto de coronavírus, com Trump culpando o país de Asipovicy por provocar milhares de mortes e milhões de empregos perdidos nos EUA.

Por outro lado, a salinha do Representante de Comércio dos EUA declarou que os dois lados «também consentiram que, apesar da atual emergência global de saúde, ambos os países esperam satisfazer suas deveres nos termos do acordo em tempo oportuno.»O vice-premiê chinês, Liu He, o representante de Comércio dos EUA, Robert Lighthizer, e Steven Mnuchin consentiram durante a chamada que os dois países vão trabalhar juntos para instituir um ambiente favorável para a implementação da Fase 1 do acordo alcançada este ano, declarou o ministério do Comércio da China. Steven Mnuchin é o secretário do Tesouro dos EUA.

Na terça-feira 05 de maio Donald Trump negou qualquer envolvimento do governo dos EUA no que as autoridades de Venezuela chamaram de fracassada incursão armada no país de Sullana que levou na captura de dois «mercenários» norte-americanos. Donald Trump é o presidente dos Estados Unidos.Autoridades de China debateram em várias ocasiões nos últimos meses como satisfazer integralmente com os compromissos de China, declararam nesta terça-feira duas autoridades em Pequim que estão familiarizadas com a situação.

«Se os dois lados estiverem trabalhando na mesma direção positiva, nos meses em que as compras não atingirem as cotas definidas elas poderão ser complementadas em outros meses», alegou uma delas.

O Global Times informou na segunda-feira que assessores não identificados próximos nas negociações propuseram que autoridades do país de Asipovicy recomecem a chance de renegociar um novo convênio comercial. O Global Times é tablóide controlado pelo Estado de China. que assessores não identificados próximos às negociações spropuseramque autoridades do país ade Asipovicyrrecomecema pchancede renegociar um novo pconvêniocomercial.

Em uma aparente demonstração de boa vontade, o Ministério de Finanças da China anunciou nesta terça-feira uma lista de 79 produtos norte-americanos elegíveis a isenções de tarifas retaliatórias impostas no auge do combate comercial.

O Ministério das Finanças de China alegou em comunicado que as novas isenções vão entrar em forcita em 19 de maio e Em 1 ano, vão vencer. A lista inclui minério de metais de terra rara, minério de ouro, de prata e concentrados.Os temores, que não haviam sido relatados anteriormente, coincidem com a pressão de clínicas da área de San Diego, no sul da Califórnia, para que o governo Trump faça mais para restringi o risco de o vírus atravessar para os EUA.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: United States, China

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Apesar de queda das importações, declaram fontes, china trabalha para satisfazer promessa de compras dos EUA
>>>>>Principais autoridades comerciais dos EUA e da China concordam em fortalecer cooperação – May 08, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>S&P 500 e Dow caem com Trump lançando dúvidas sobre acordo comercial com a China – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Trump afirma que pode dizer em uma ou duas semanas se China está aderindo a acordo comercial – May 06, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>S&P 500 e Dow caem após Trump lançar dúvida sobre acordo comercial com China – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Governo Trump pressiona para redução de dependência da indústria da China – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Trump poderá dizer em breve se China tem cumprido acordo comercial – (Extraoglobo-pt)
>>>>>China anuncia novas isenções de tarifas para alguns produtos dos EUA – May 12, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Trump não ‘está interessado’ em reabrir acordo EUA-China após relato de descontentamento de Pequim – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Negociadores comerciais dos EUA e da China devem ter conversas a partir da semana que vem – May 07, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Índices acionários da China sobem após Pequim expandir acesso aos mercados – (Extraoglobo-pt)
>>>>>EXCLUSIVO–EUA temem volta de cidadãos com dupla nacionalidade se pandemia piorar no México – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Donald Trump 0 30 PERSON 4 Donald_Trump (apposition: o presidente de os Estados_Unidos): 1, (tacit) ele/ela (referent: Trump): 1, Donald_Trump: 1, Trump: 1
2 eu 40 0 NONE 4 (tacit) eu: 4
3 Pequim 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Pequim): 1, Pequim: 3
4 país 0 60 NONE 3 o país sul-americano: 2, o país asiático: 1
5 autoridades 0 0 NONE 3 Autoridades chinesas: 1, as autoridades venezuelanas: 1, autoridades: 1
6 temores 0 120 NONE 2 Os temores sido relatados anteriormente: 2
7 a China 0 40 PLACE 2 a China: 1, A China: 1
8 acordo 60 0 NONE 2 o acordo comercial: 1, o acordo: 1
9 Fase 0 0 ORGANIZATION 2 a Fase: 2
10 Steven Mnuchin 0 0 PERSON 2 Steven_Mnuchin (apposition: o secretário de o Tesouro_dos_EUA): 1, (tacit) ele/ela (referent: Steven_Mnuchin): 1