Por: SentiLecto

– O Ibovespa, que subiu 1,35%, a 105.515,55 pontos, renovando máxima de encerramento desde o início de março, segundo dados preliminares, fechou em alta de mais de 1% e acima dos 105 mil pontos pela primeira vez desde março nesta quarta-feira, com a temporada de balanços de companhias de Brasil ganhando tração e o Federal Reserve reiterando compromisso de utilizar sua «gama completa de ferramentas» para apoiar a economia dos EUA. O volume financeiro no pregão adicionava 26,1 bilhões de reais.

– O Ibovespa fechou em alta de 2% nesta segunda-feira, recomeçando o platô de 104 mil pontos, com papéis de bancos e ações de mineração e siderurgia entre os destaques, iniciando no azul uma semana com agenda carregada de balanços e expectativas de mais estímulos para a economia norte-americana. Índice de referência do mercado acionário de Brasil, o Ibovespa subiu 2,05%, a 104.477,08 pontos. O volume financeiro da sessão adicionou 28,45 bilhões de reais. O analista Régis Chinchila, da Terra Investimentos realçou: «Investidores operam na ponta compradora com a expectativa de um novo pacote de estímulos econômicos contra o coronavírus debatido no Congresso dos Estados Unidos». Nos EUA, senadores republicanos corriam para deduzi os detalhes de um pacote de um trilhão de dólares elaborado com a Casa Branca e esperado para ser divulgado no final desta segunda, com o prazo de muitas vantagens em decorrência à pandemia pcalculadopara expirar nesta semana. Chinchila também realçou apostas de que o Federal Reserve vai reforçar uma postura mais ‘dovish’ na reunião desta semana, que vai ter seu desfecho conhecido na quarta-feira. Em Wall Street, o S&P 500 fechou em alta de 0,74%, tendo no radar balanços de companhias como Apple, Amazon.com, Facebook e Alphabet nos próximos dias, com a ampliação de casos do Covid-19 nos EUA e a nervosismo EUA-China ficando momentaneamente em segundo plano. No Brasil, a temporada de resultados do segundo trimestre de companhias do Ibovespa iniciou bem com Weg e Hypera, e nesta semana segue com nomes como Vale, Petrobras, Bradesco e Ambev. Estrategistas e analistas, contudo uma vez que as projeções estão muito pessimistas, não descartam surpresas positivas. DESTAQUES – ITAÚ UNIBANCO PN subiu 5,02% e BRADESCO PN fechou em alta de 4,59%. Para o Bradesco BBI, os resultados do segundo trimestre têm que mostrar que o fase foi o ponto mais baixo para os bancos privados. BANCO DO BRASIL ON ganhou 2,83%, após pedido de demissão do presidente-executivo Rubem Novaes, na sexta-feira. – USIMINAS PNA progrediu 7,15%, seguida por CSN ON e GERDAU PN, em meio a sinais de recuperação nas vendas internas e exportações de aço, com entidade do setor avaliando que o «fundo do poço» foi em abril. VALE ON valorizou-se 4,73%. Com exceção de Gerdau, as demais reportam seus resultados nesta semana. – HYPERA ON valorizou-se 5,84%, após mostrar crescimento de receita e lucro no segundo trimestre, apesar dos conseqüência da pandemia, que, se os embutiram entre outros fatores, em novas previsões de a empresa para 2020. A farmacêutica também contratou o banco BR Partners para avaliar opções que envolvam a alienação da marca Xantinon. – WEG ON subiu 5,06%, renovando câmbio lembre de encerramento, a 69,95 reais. O JPMorgan aumentou a recomendação dos papéis para ‘overweight’, com alta do preço-alvo de 60 para 76 reais, um ‘upside’ de cerca de 14% em relação ao encerramento de sexta-feira. – CARREFOUR BRASIL ON progrediu 3,54%, antes de balanço do segundo trimestre que tem que sair ainda nesta segunda. Enquanto o Atacadão registra crescimento de quase dois dígitos na receita, analistas do Safra esperam permanência da boa realização na divisão de varejo, impulsionada por hipermercados. – PETROBRAS PN subiu 2,07% e PETROBRAS ON enquanto agentes financeiros aguardam o balanço da petrolífera nesta semana, progrediu 1,89%, auxiliadas pela melhora dos custos do petróleo no exterior. – IRB BRASIL RE caiu 2,04%, em meio a operações de aluguel do papel tendo de pano de fundo a ampliação de capital via subscrição privada anunciado recentemente pela empresa. – VIA VAREJO ON caiu 3,22%, na terceira baixa seguida, após renovar recorde de encerramento na última quarta-feira, a 21,29 reais. No ano, o papel ainda acumula alta de 69%.- O Ibovespa renovou máxima da sessão nesta quarta-feira, após o Federal Reserve reiterar promessa de utilizar sua «gama completa de ferramentas» para sustentar a economia dos Estados Unidos, em sessão também marcada por balanços de companhias de Brasil. Às 15:23, o Ibovespa subia 1,2 %, a 105.361,71 pontos. Na máxima, logo após a divulgação do comunicado do Fed, chegou a 105.433,16 pontos. O volume financeiro era de 19,7 bilhões de reais. Autoridades do banco central norte-americano afirmaram em comunicado ao final de sua reunião de política monetária que a atividade econômica e o emprego aceleraram um pouco nos últimos meses, mas seguem bem abaixo de seus níveis no início de 2020. Todos os membros do comitê de política monetária do Fed votaram por deixar a meta da taxa de juros de curto prazo entre zero e 0,25%, pausa no qual está desde 15 de março, momento em que o novo coronavírus estava começando a atingir o país. Da cena corporativa, CSN ON progredia 6,5%, após lucro líquido de 446 milhões de reais no segundo trimestre, ante perda de 1,3 bilhão um ano antes, bem como sinalização de que aumentará custos entre agosto e setembro. Santander Brasil Unit subia 3,2%, na ponta positiva, mesmo após queda de 41% no lucro do segundo trimestre, principalmente por causa de provisões complementares, com o banco declarando que são suficientes para cruzar a crise. Minerva ON caía 2,8%, entre os destaques negativos apesar do lucro líquido de 253,4 milhões de reais no segundo trimestre, ante perda de 113,3 milhões um ano antes, com performance operacional lembre. Cielo também era destaque de baixa, com declínio de 2,3%, após perda trimestral, afetada pela pandemia, enquanto adapta estrutura de preços e de capital para enfrentar um cenário de forte queda dos resultados.- O Ibovespa futuro com vencimento mais curto subia na manhã desta segunda-feira, que abre semana com uma bateria de resultados corporativos no Brasil, incluindo o das gigantes Petrobras e Vale, além reunião de política monetária nos Estados Unidos. Faz 11 meses, por volta de 09:35, o contrato de o Ibovespa com vencimento tinha elevação de %0,27, a 102.780 pontos. O movimento estava alinhado aos futuros acionários norte-americanos, onde o mini contrato do S&P 500 progredia 0,43%, enquanto, na Europa, o FTSEurofirst 300 cedia 0,38%. Os custos do petróleo progrediam. Além da resolução do Federal Reserve, a Guide Investimentos ainda realçou da pauta dos EUA na semana o PIB do segundo trimestre e balanços de companhias como Apple, Amazon e Alphabet, em meio a expectativa de anúncio de novo pacote de estímulos. No Brasil, a temporada de resultados do segundo trimestre ganha tração, mas também o programa da delegação mista no Congresso tem que calibrar expectativas sobre a melhoria da reforma tributária em 2020.

Na sexta-feira 17 de julho – A bolsa paulista buscava recuperar o viés positivo nesta sexta-feira, alinhada aa conduta de praças acionárias no exterior, conforme voltava a prevalecer a aposta de retomada econômica apoiada em estímulos fiscais e monetárias, mesmo com crescimento de casos de Covid-19 em países como os EUA. Às 10:05, o Ibovespa subia 0,1 %, a 100.658,55 pontos. Em Nova York, os futuros do S&P 500 tinham acréscimo de 0,6%. Uma vez que esperava revisão positiva nas expectativas de lucros de alguns setores com peso pertinente no índice, o Itaú BBA publicou relatório estimando o Ibovespa em 118 mil pontos em 2021 , bem como juros menores globalmente e permanência da migração de recursos de poupança e renda fixa para ações.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United States

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Ibovespa fecha acima dos 105 mil pontos pela 1ª vez desde março com balanços e Fed
>>>>>Ibovespa sobe 2% com aposta em mais estímulos nos EUA e antes de balanços – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Ibovespa renova máxima da sessão após Fed em dia cheio de balanços – July 29, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Ibovespa futuro avança à espera do Fed e com balanços sob holofotes – July 29, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Ibovespa futuro sobe em começo de semana com agenda cheia – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Ibovespa futuro mostra fraqueza com exterior negativo – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Fed enfrenta onda de vírus e riscos crescentes para a economia – July 29, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Ibovespa avança com balanços antes de decisão do Fed – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Wall Street avança com balanços positivos antes de decisão do Fed – July 29, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Wall St sobe com apostas em estímulos e em Fed ‘dovish’ antes de saraivada de balanços – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Wall St avança com investidor monitorando estímulo, pandemia e balanços – July 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St sobe após sessão volátil em meio a balanços mistos e debate sobre estímulos – July 22, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St fecha em alta e Nasdaq bate recorde com resultados promissores de potenciais vacinas – July 20, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>S&P 500 encerra em leve alta com ações cíclicas em meio a esperanças de estímulos – July 21, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>S&P 500 encerra em leve alta com esperanças de estímulos amparando ações cíclicas – July 21, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St recua na abertura com desaceleração da recuperação do mercado de trabalho – July 23, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St sobe com impulso de tecnologia compensando tensões EUA-China – July 22, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St tem forte queda com liquidação em ações de tecnologia – July 23, 2020 (EntretenimientoBit)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 On Csn 155 0 PERSON 17 On: 2, Weg_On: 1, Weg: 1, (tacit) ele/ela (referent: Csn_On): 1, varejo On: 1, Petrobras_On: 1, (tacit) ele/ela (referent: On): 2, (tacit) ele/ela (referent: Petrobras_Pn): 1, Hypera_On: 1, Hypera: 1, Petrobras_Pn: 1, brasil On: 1, (tacit) ele/ela (referent: varejo On): 1, Csn_On: 2
2 Ibovespa 270 0 ORGANIZATION 8 o Ibovespa: 3, O Ibovespa: 5
3 eu 70 0 NONE 7 (tacit) eu: 7
4 pontos 0 0 NONE 6 105_mil pontos: 1, 104.477,08 pontos: 1, 105.433,16 pontos: 1, 118_mil pontos: 1, 102.780 pontos: 1, 105.515,55 pontos: 1
5 esta 0 0 NONE 5 esta: 5
6 alta 0 0 NONE 4 alta de %0,74: 1, alta de %69: 1, alta de %2: 1, alta: 1
7 companhia 0 0 NONE 3 a companhia: 2, empresas: 1
8 fechamento 0 0 NONE 3 fechamento: 2, o fechamento: 1
9 lucro 0 0 NONE 3 lucro líquido de 446_milhões: 1, lucro líquido de 253,4_milhões: 1, lucro: 1
10 meio 0 0 NONE 3 meio: 3