Por: SentiLecto

— Os trabalhadores informais que têm conta na Caixa Econômica Federal e no Banco do Brasil vão começar a receber a ajudinha emergencial de R$ 600, a partir desta terça-feira, informou Onyx Lorenzoni em entrevista na rádio Gaúcha. Onyx Lorenzoni é o ministro da Cidadania.Ele explicou que o pagamento iniciará com os trabalhadores inscritos no Cadastro Único , do Ministério da Cidadania. Para isso, a Dataprev está extraindo do cadastro quem sãa Dataprev está extraindo do cadastro quem são os trabalhadores que podem receber a ajudinha. A Dataprev é estatal culpado pelo processamento de dados do INSS. A Dataprev é estatal culpado pelo processamento de dados do INSS. Vai repassar-se esse mapeamento em a Caixa para começar os pagamentos.— Quem tem conta na Caixa deve começar a receber a partir de amanhã , quem tem conta no Banco do Brasil a mesma coisa, o crédito cai direto na conta e aí, entre terça-feira e quarta, a gente já distribui para o resto da rede bancária – declarou o ministro, adicionando que essa primeira rodada deve admirar um universo que oscila entre dez milhões e 18 milhões de trabalhadores. De acordo com o ministro, o governo também pretende agilizar os pagamentos para os informais que estão fora do Cadastro. Neste caso, a Caixa precisa disponibilizar um aplicativo de celular e uma página na internet para que os trabalhadores possam se cadastrar e respondeu um questionário rápido, como número do CPF, idade e já recebe alguma espécie de vantagem da governo. A expectativa, segundo o ministro, é rodar os dados dentro de 24 horas e também iniciar os pagamentos na quarta-feira. Na semana passada, Onyx, que realçou que o aplicativo está em período final de validação e deve começar a funcionar nessa terça-feira pela manhã, havia declarado que seriam necessários em torno de 48 horas para o pagamento. Os beneficiários do Bolsa Família, que já têm renda, começam a receber a partir do dia 16 de abril, de acordo com o calendário regular de pagamento. Mande acusações, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra

– O pagamento da ajudinha emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais durante a crise do coronavírus será feito exclusivamente pela Caixa Econômica Federal. O Banco do Brasil também estava interessado em participar da distribuição da vantagem, de olhos nas classes mais pobres, mas o governo optou pela Caixa. Para evitar corrida e aglomeração de pessoas nas agências e na rede de lotéricas, a instituição divulgará ainda nesta semana um programa de pagamento para todos os trabalhadores beneficiados. O banco aguarda somente a publicação do decreto, já assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, com os detalhes sobre a implementação da medida, como por exemplo, quem operará, prazos e dispositivos de pagamento. Viu isso? Coronavírus: Caixa recebeu 800 mil pedidos para protelar pagamento da prestação da casa própria A previsão é que esse decreto seja publicado em edição extra do Diário Oficial da União, nesta quinta-feira. Para agilizar o pagamento e evitar filas, a Caixa vai arremessar um aplicativo que poderá ser diminuído em qualquer espécie de aparelho celular e acessado sem preço para os trabalhadores. O plano calcula a abertura de uma conta virtual, vai creditar-se o dinheiro onde, e poderá ser agitado para pagar despesas em supermercados, farmácias e padarias, por exemplo. Mas para sacar os recursos, vai ser preciso obedecer o programa. Isso porque, conforme já anunciado pelo governo, o calendário de pagamento da Caixa vai iniciar com os beneficiários do Bolsa Família. Em seguida, os microempreededores individuais e os trabalhadores inscritos no Cadastro Único , do Ministério da Cidadania, e por último os informais que não aparecem nesse cadastro e que deverão fazer uma autodeclaração de renda, própria e dos membros de toda família. Segundo técnicos, o aplicativo é bastante simples, pode ser diminuído em qualquer espécie de aparelho. A Caixa já desenvolveu o dispositivo e testará no pagamento da ajudinha. A avaliação é que não vai haver obstáculos para pagar os beneficiários do Bolsa Família por se tratar de um público já conhecido, que tem cartão ou conta em banco. Leia mais: Senado aprova que governo pague até R$ 3,1 mil por trabalhador para evitar demissão Já os informais que estão fora do cadastro serão obrigados a aguardar porque a Dataprev com a assistência da Receita Federal, vai fazer uma encruzilhada das informações prestadas a fim de evitar fraudes. A Dataprev é estatal culpado pelo processamento de dados do INSS. Além de ter que se enquadrar no critério de renda, de até meio salário mínimo ou familiar de até três salários, e na faixa de isenção da declaração do imposto de renda, o trabalhador não pode ter emprego formal ou receber vantagem previdenciário e assistencial. Mande acusações, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra — Mulheres e trabalhadores mais idosos vão ter prioridade para receber o pagamento da ajudinha emergencial de R$ 600 nas famílias com renda até três salários minimos , segundo minuta do decreto presidencial que trata do assunto. A lei permite que duas pessoas por família possam receber a vantagem. Na sequencia de prioridades, vêm os membros com menor renda individual e , por fim, considerando a ordem alfabética no primeiro nome, se necessário, para fins de desempate. O decreto faz parte do processo para vai permitir a distribuição dos recursos para trabalhadores autonomos e informais, provavelmente a partir da próxima semana. O texto determina que a autodeclaração dos trabalhadores informais que não aparecem nos cadastros do governo não vai garantir a esses trabalhadores direito automático ao recebimento da ajudinha emergencial. Eles serão obrigados a aguardar a análise dos dados prestados para pôr a mão no dinheiro. A pré-requisito consta da minuta do decreto que traz os detalhes da implementação da medida. Por isso, eles serão os últimos a serem contemplados O decreto define trabalhador informal como qualquer pessoa inscrita no Cadastro de Pessoa Física – CPF com idade superior a 18 anos, seja empregado, autônomo ou desempregado, de qualquer natureza, inclusive intermitente inativo e que tenha feito inscrito no CadÚnico ou que for fazer a autodeclaração. Neste caso, serão admirados, trabalhador por conta própria; empregado sem carteira de trabalho assinada; trabalhador doméstico sem carteira de trabalho assinada; ou desempregado que não tenha direito ao programa do seguro-desemprego. No caso da mulher fornecedora da família — que tem direito a duas cotas da ajudinha — o decreto elucida o grupo familiar não pode ter cônjuge ou companheiro, com pelo menos uma criança ou adolescente, independentemente dos demais componentes da família, se houver. O pagamento da ajudinha será feito exclusivamente pela Caixa Econômica Federal. A Caixa deverá oferecer um aplicativo, como plataforma digital, para que os interessados possam se exibi. Vai caber ao banco informar se essas pessoas podem receber a ajudinha e disponibilizar o telefone para orientar as pessoas a ajudar a utilização do aplicativo. O Ministério da Cidadania será comandar o pagamento e a Dataprev, fazer a encruzilhada de dados das beneficiários. Mande acusações, informações, vídeos e imagens pOnyx Lorenzoni confirmou nesta sexta-feira que os beneficiários do Bolsa Família irão receber seu pagamento a partir do dia 16 de abril, seguindo o calendário do programa. Onyx Lorenzoni é o ministro da Cidadania. Onyx Lorenzoni é o ministro da Cidadania. Se o vai anunciar já o programa de o pagamento de a ajudinha emergencial de R $ 600 para informais em a próxima semana. Quem já recebe o Bolsa Família vai poder optar pela vantagem mais positivo, mas não acumular. Os informais que não façam parte do Cadastro Único e desejem receber a ajudinha do governo vão poder se cadastrar em um a
plicativo que será arremessado na próxima terça-feira. O cadastro também poderá ser feito em um site e por telefone. — A partir de terça-feira de manhã as pessoas irão poder diminuir esse aplicativo para que possam então fazer o seu cadastramento — anunciou Onyx Lorenzoni, durante coletiva no Palácio do Planalto. Após a inclusão dos dados dos trabalhadores no aplicativo, haverá um prazo de 48h para as informações serem avaliadas. Ao incluir o CPF, vai ser possível identificar se a pessoa está registrada no Cadastro Único, o que vai facilitar o pagamento. Mande acusações, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra

Na terça-feira 24 de março a Caixa Econômica Federal mudou o horário de atendimento de suas agências, que vão passar a funcionar das 10h às 14h, já a partir d. Esse atendimento será restrito aos casos que não podem ser resolvidos por telefone, site ou aplicativos do banco. A limitação se enquadrava nas ações para conter a progressão do novo coronavírus.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Brazil

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Informais inscritos no cadastro do governo começam a receber a ajudinha emergencial nesta terça-feira
>>>>>Caixa libera ainda nesta semana cronograma de pagamento de ajuda de R$ 600 a informais – April 02, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Guedes quer utilizar cadastro de informais dos municípios para distribuir auxílio de R$ 600 – March 30, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Câmara aprova ‘coronavoucher’ de R$ 600 para informais. Veja quem pode receber – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo confirma repasse de R$ 3 bilhões para Bolsa Família – March 25, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo oficializa medidas para flexibilizar home office, antecipar férias e abono salarial – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo editará texto complementar ao da suspensão dos contratos de trabalho – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo vai complementar salário em caso de suspensão de contrato ou jornada, prevê nova MP – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Câmara aprova projeto que concede R$ 600 a trabalhadores informais durante a crise – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo e Congresso negociam valor de pagamento emergencial a trabalhadores informais – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo avalia aumentar para R$ 300 valor a ser pago a trabalhadores informais – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro recua e diz que irá revogar artigo da MP 927 que permitia suspensão de contrato e salário – March 23, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Mulheres chefes de família receberão auxílio emergencial de R$ 1.200 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>INSS fará levantamento de trabalhadores informais que vão receber voucher durante a crise – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Com agências fechadas, INSS divulga vídeo para ensinar segurados a acessar os serviços online – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Banco do Brasil restringe atendimento nas agências por causa do coronavírus – March 23, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>INSS está suspenso em todo o país até 30 de abril – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>INSS: atendimento está suspenso em todo o país até 30 de abril – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>INSS fará levantamento de trabalhadores informais que vão receber voucher de R$ 600 – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Coronavírus: trabalhadores informais terão de aguardar mais tempo para receber R$ 600 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Bolsonaro sanciona auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores informais – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Mulheres e idosos de uma mesma família terão prioridade para receber pagamento de auxílio de R$ 600 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Governo vai lançar aplicativo para cadastrar informais para auxílio de R$ 600; beneficiário do Bolsa Família recebe no dia 16 – April 03, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Senado deve votar nesta quarta-feira proposta para renda mínima de até R$ 1.500 por família; entenda – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 trabalhadores 680 100 NONE 11 os trabalhadores: 4, todos os trabalhadores beneficiados: 1, trabalhadores autonomos e informais: 1, os trabalhadores inscritos: 1, os trabalhadores informais: 1, Os trabalhadores informais: 2, esses trabalhadores direito: 1
2 Caixa 0 0 ORGANIZATION 10 a Caixa: 5, (tacit) ele/ela (referent: a Caixa): 2, (tacit) ele/ela (referent: A Caixa): 1, A Caixa: 2
3 informais 0 200 NONE 6 os informais: 4, Os informais e: 2
4 pagamento 50 0 NONE 6 o pagamento: 4, O pagamento: 1, seu pagamento: 1
5 aplicativo 0 0 NONE 6 um aplicativo: 4, o aplicativo: 2
6 Ministério da Cidadania 80 0 ORGANIZATION 5 o Ministério_da_Cidadania: 1, (tacit) ele (referent: O Ministério_da_Cidadania): 1, O Ministério_da_Cidadania: 1, (tacit) ele/ela (referent: O Ministério_da_Cidadania): 2
7 conta 25 0 NONE 5 conta própria: 1, conta: 3, a conta: 1
8 Onyx Lorenzoni 0 0 PERSON 4 Onyx_Lorenzoni (apposition: O ministro de a Cidadania): 1, Onyx_Lorenzoni (apposition: o ministro de a Cidadania): 1, Onyx_Lorenzoni: 1, Ele (referent: Onyx_Lorenzoni): 1
9 auxílio 0 0 NONE 4 o auxílio: 3, o auxílio emergencial: 1
10 cadastro 0 0 NONE 4 o cadastro: 2, esse cadastro: 1, O cadastro: 1