Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – João Roma

O senador Flávio Bolsonaro declarou que o governo federal planeja ampliar a base dos beneficiados Bolsa Família, cujo valor tem que ficar em torno dos R$ 270. O filho do presidente Jair Bolsonaro falou sobre isso em uma coletiva após uma reunião que teve com o mandatário, o governador do Rio, Claudio Castro , e empresários do estado fluminense.

Flávio Nantes Bolsonaro GOMN • Gorb, é um empresário, advogado e político brasileiro filiado ao Patriota.

Segundo Flávio, o valor do novo Bolsa Família será debatido com o ministro da Cidadania, João Roma . A nova versão da ajudinha deverá ser chamada de Alimenta Brasil.

— A equipe econômica deve sugeri ao presidente Jair Bolsonaro cortar despesas em ministérios, inclusive nas Forças Armadas, e remanejar recursos de programas mal avaliados e considerados pouco eficientes para bancar o novo Bolsa Família. Estão na mira iniciativas como o seguro-defeso, pago a pescadores artesanais, e isenções tributárias para alguns setores. O presidente Jair Bolsonaro alegou nesta terça-feira, em entrevista à «SIC TV», de Rondônia, que está «praticamente acertado» um reajuste que levaria oabvantagemmmédiado Bolsa Família, que é de R$ 190 por mês, para R$ 300. A medida seria adotada a partir de dezembro. A revisão do abono salarial, que chegou a ser ponderada ano passado para bancar a ampliação do valor do Bolsa Família e padeceu forte resistência, não faz parte das opções em estudo agora, segundo técnicos a par das debates. O Ministério da Cidadania trabalha para que Bolsonaro anuncie o substituto do Bolsa Família ainda na primeira quinzena de julho. A expectativa é aprovar o projeto que cria o novo programa até outubro para que entre em operação em janeiro de 2022. Nessa pausa, a população mais carente vai continuar tendo o amparo da ajudinha emergencial — que deveria ser prorrogado em mais três parcelas a partir de agosto. Segundo fontes envolvidas nos debates, a resolução final vai ser do presidente, que tem uma votação pela frente. Caso não seja possível assinalar a fonte de recursos, o governo pode mandar ao Congresso somente as linhas gerais do novo programa até que se encontre a maneira de financiamento. No entanto, João Roma trabalha junto na equipe econômica para que se mencione o orçamento na proposta orçamentária de 2022, que será mandada ao Congresso em agosto. João Roma é o ministro da Cidadania.O plano do governo conta com a aceleração do programa de vacinação contra a Covid-19 de modo a permitir a reabertura de setores prejudicados, como comércio e serviços, a partir de outubro. O programa que está sendo formatado calcula também o pagamento de ajudinha para crianças e adolescentes até 18 anos que ficaram órfãos após terem perdido os pais para a enfermidade. Segundo técnicos do governo, a tendência é que o Bolsa Família seja transferido para as famílias que assumirem as crianças, sem preço complementar para o governo. A ideia é beneficiar crianças da baixa renda e inscritas no Cadastro Único do Cidadania. Detalhes como valor da ajudinha e quantidade de crianças beneficiadas ainda não foram fechados. Além do benefício em si para as famílias, que está na faixa de R$ 190 em média e será reajustado para R$ 250, o novo programa prevê medidas de apoio da primeira infância à inserção no mercado de trabalho. Entre elas, o pagamento de vouchers para cuidadores e para mães matricularem os filhos em creches privadas. O governo pretende reajustar todos os parâmetros do programa, mas a ampliação não vai ser linear, devendo beneficiar quem ganha menos, segundo fontes a par das debates. Em alguns casos, a alta vai ser superior a 50%. Além do critério de renda, o programa considera a composição familiar. A linha de extrema pobreza subirá de R$ 89 para R$ 95 e a linha de pobreza, de R$ 178 para R$ 190. Faz 1 dia, o Ministério da Cidadania divulgou o calendário de a terceira parcela de a ajudinha emergencial, ontem. Em 13 dias, o depósito em as contas digitais será feito de 18 a 30 de junho. Já os saques e as transferências bancárias serão liberados de 1º a 19 de julho. O valor da terceira parcela da ajudinha emergencial 2021 permanece R$ 150 , R$ 250 e R$ 375 .

Na sexta-feira 04 de junho – O presidente Jair Bolsonaro alegou nesta quinta-feira, em sua live semanal nas redes sociais, que pretende ampliar o Bolsa Família em ‘pelo menos 50%’. Segundo ele, Paulo Guedes tem estudado o tema ‘com responsabilidade’. Paulo Guedes é o ministro da Economia. Pressionado pela CPI da Covid e queda de popularidade, o presidente indicou uma das principais pautas dos protestos realizados contra ele no último sábado: a ampliação da ajudinha emergencial: — tem gente que falava que o ajudava emergencial, que estava em R$ 250, era um absurdo, bastante pouco. consentia. Mas vocês jamais falaram que o Bolsa Familia estava hoje, em média, R$ 192. Resolveram falar que era pouco por conta da pandemia. O pobre podia continuar vivendo com R$ 192, que era pouco, quando não tinha pandemia. O presidente então adicionou: — estávamo trabalhando para ampliar esse valor . pretendíamo chegar aí… dar pelo menos 50% . estava lá o Paulo Guedes debatendo esse tema. Com responsabilidade. Na transmissão, Bolsonaro falou que esta foi uma «semana de glória» para a economia e que a previsão era de o Produto Interno Bruto aumentar no mínimo 4% neste ano de 2021. Ele também criticou o preço dos combustíveis, que, na visão dele, seriam inflados por conta do ICMS, imposto estadual: — Cada estado cobra o que bem entende . E cobrava em cima do custo médio que você paga na bomba. tinha que ser o custo da refinaria ou um valor fixo. Que seja um valor fixo. Conversei com o Arthur Lira . botará um projeto em eleição que tratava desse tema — declarou Bolsonaro, em mais um aceno para os caminhoneiros, categoria de sua base política que reivindicava diminuição no custo do diesel.

João Inácio Ribeiro Roma Neto é um político brasileiro, filiado ao Republicanos e atual ministro da Cidadania.

— Voltando agora para Brasília a gente vai sentar-se com o ministro João Roma, que é quem tá cuidando desse tema. O comando do presidente ao ministro foi de aumentar a base do Bolsa Família, ou seja, atingir mais pessoas. Ampliar também o valor. Hoje se debate algo em torno dos R$ 270, aproximadamente — declarou.

Ainda que o governo pretende instituir estímulos com educação e capacitação para os beneficiados do programa social, o senador alegou.

— O diferencial será instituir estímulos para que as pessoas deixem de depender dessa ajudinha do governo — alegou.

Por outro lado, nos últimos dias, governadores e prefeitos têm antecipado os seus calendários de vacinação. De acordo com o consórcio de veículos de jornalismo, mais de 54,6 milhões de pessoas tomaram a primeira dose de vacinas contra a Covid no Brasil, o que corresponde a 25,79% da população.Os recursos podem ser agitados pelo aplicativo Caixa Tem, por quem recebe pela conta poupança social digital.

— Ele [Bolsonaro] reconheceu o grande sacrifício que mercadistas já fazem. Se possível [vamos] reduzir um pouco ainda mais a margem de lucro — disse.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Brazil

Cities: Brasilia

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>No Rio, Flávio Bolsonaro declara que governo pretende aumentar novo Bolsa Família e que valor vai ser de R$ 270
>>>>>Equipe econômica vai propor cortes para bancar novo Bolsa Família e ajuda a órfãos da Covid – June 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Auxílio emergencial deve ser prorrogado por três meses, diz Guedes – June 14, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Caixa vai antecipar o calendário de pagamento da 3ª cota do auxílio emergencial – June 14, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Sem Bolsa Família e sem auxílio emergencial, avaliações estão suspensas até 28 de setembro – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 r 0 0 NONE 13 R: 13
2 Jair Bolsonaro 70 0 PERSON 11 Flávio: 1, ele (referent: O presidente Jair_Bolsonaro): 1, (tacit) ele/ela (referent: Bolsonaro): 1, Bolsonaro: 4, O senador Flávio_Bolsonaro: 1, o presidente Jair_Bolsonaro: 1, O presidente Jair_Bolsonaro: 2
3 eu 25 0 NONE 8 (tacit) eu: 8
4 João Inácio Roma Ribeiro 0 70 PERSON 7 o ministro João_Roma: 2, João_Roma (apposition: o ministro de a Cidadania): 1, João_Inácio_Ribeiro_Roma_Neto: 1, (tacit) ele/ela (referent: João_Roma): 2, João_Roma: 1
5 governo 40 0 NONE 5 o governo: 3, o governo federal: 1, O governo: 1
6 assunto 0 0 NONE 4 o assunto: 1, esse assunto: 3
7 presidente 0 0 NONE 4 o presidente: 3, O presidente: 1
8 programa 0 0 NONE 4 o novo programa: 1, O programa: 2, o programa: 1
9 discussões 0 0 NONE 3 discussões: 2, as discussões: 1
10 eleição 0 0 NONE 3 uma eleição: 1, votação: 2