Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – TokyoMetropolitanGovernmentOffice

De acordo com a comunicação social australiana, que assinala para 63 desportistas em isolamento, embora este número não tenha sido confirmado oficialmente, os culpados de Australia temem que vários elementos possam ter contactado com Sam Kendricks.isolou-se a equipa de atletismo de a Austrália presente em Tóquio ‘ 2020 em os seus quartos por cautela, após o saltador com vara de Noruega Sam Kendricks ter testado positivo a o novo coronavírus, seu comité olímpico . comunicou hoje o seu comité olímpico.»Todos os membros da equipa de Australia de atletismo estão a ser testados, de acordo com os protocolos da equipa olímpica australiana», refere em comunicado o organismo, adicionando que «os desportistas estão isolados nos seus quartos».De acordo com a comunicação social australiana, que assinala para 63 desportistas em isolamento, embora este número não tenha sido confirmado oficialmente, os culpados de Australia temem que vários elementos possam ter contactado com Sam Kendricks.se confirmou o saltador australiano Kurtis Marschall de acordo com os media, como um contacto próximo, uma vez que em os último dias treinou juntamente com o norte-americano.forçou-se Sam Kendricks a desistir de os Jogos, após ter testado positivo a o novo coronavírus, informou o comité olímpico de os Estados Unidos, algumas horas antes de o comunicado australiano. Sam Kendricks é bicampeão global de salto com vara .Sam Kendricks, de 28 anos, era assinalado como um dos favoritos à conquista da medalha de ouro no concurso de salto com vara, juntamente com o sueco Armand Duplantis, recordista mglobalda disciplina.»Estamos tristes por confirmar que Sam Kendricks testou positivo para a covid-19 e não poderá competir nos Jogos», escreveu o comité olímpico dos EUA na rede social Twitter, dois dias antes da qualificação para o salto com vara, marcada para sábado.colocou-se o saltador de Noruega medalha de bronze em o Rio o saltador norte-americano, medalha de bronze em o Rio ‘ 2016, em isolamento em um hotel, refere ainda o comité olímpico de Noruega.As provas de atletismo têm começo na sexta-feira e estendem-se até 8 de agosto, último dia de Tóquio’2020, protelado para este ano devido à pandemia de covid-19.

A primeira equipa a assegurar uma medalha nesta nova modalidade olímpica foi a ChinaOs Estados Unidos, no setor feminino, e a Letónia, no masculino, conquistaram esta quarta-feira os primeiros títulos olímpicos de basquete 3×3, modalidade que se estreou no programa dos Jogos em Tóquio’2020.A seleção dos Estados Unidos garantiu o título no setor feminino, com uma vitória sobre o Comité Olímpico da Rússia, por 18-15, num encontro entre as duas melhores equipas do período de grupos.Numas finais que contaram com a presença do presidente do Comité Olímpico Internacional , Thomas Bach, a Letónia conquistou o ouro no torneio masculino, ao vencer o Comité Olímpico da Rússia, por 21-18.A primeira equipa a assegurar uma medalha nesta nova modalidade olímpica foi a China, que bateu a França, por 16-14, no encontro de atribuição do bronze.Num confronto entre as duas equipas que tinham ficado nos dois primeiros lugares do período de grupos e ficaram isentos dos quartos de final, a Sérvia garantiu a medalha de bronze, com uma vitória por 21-10 sobre a Bélgica.Quadro de medalhas do basquete 3×3:- Femininos:Ouro: Estados UnidosPrata: Comité Olímpico da RússiaBronze: China- Masculinos:Ouro: LetóniaPrata: Comité Olímpico da RússiaBronze: SérviaSimone Biles justificou problemas de saúde mental pela saída prematura da prova por equipas feminina.A ginasta norte-americana Simone Biles justificou esta terça-feira os problemas de saúde mental pela saída prematura da prova por equipas feminina de ginástica artística dos Jogos Olímpicos Tóquio’2020, alegando que tem combatido contra «demónios na cabeça».»Assim que piso o praticável sou só eu e a minha cabeça a lidarmos com demónios . Tenho que fazer o que é melhor para mim e focar-me na minha sanidade mental e não comprometer a minha saúde e o meu bem-estar», alegou a tetracampeã olímpica de ginástica artística no Rio’2016.A norte-americana Simone Biles desfalcou hoje a seleção dos Estados Unidos em plena final feminina por equipas de Tóquio’2020, aparentemente devido a lesão.Biles, de 24 anos, considerada uma das melhores ginastas de sempre, ausentou-se por momentos durante o concurso por equipas, acompanhada pelo médico da seleção dos Estados Unidos, retornando algum tempo depois para abraçar as colegas Grace McCallum, Sunisa Lee e Jordan Chiles.Pouco tempo depois, a Federação Norte-americana de Ginástica informou que Biles seria trocada durante o resto da final, «por razões médicas» – após ter efetuado somente a prova de salto -, e submetida a «exames médicos», sem revelar detalhes sobre a possível lesão.Simone Biles, que no Rio’2016, além da medalha de ouro por equipas, conquistou também os títulos olímpicos no concurso inteiro e em dois aparelhos , está qualificada para as cinco finais individuais dos Jogos Tóquio’2020.A Rússia conquistou a medalha de ouro na prova por equipas feminina de ginástica artística em Tóquio’2020, um título que fugia há 29 anos, quebrando a hegemonia dos Estados Unidos, que arrecadaram a prata.Anúncio feito pela Federação norte-americana de ginástica.A ginasta Simone Biles não participará na final individual do all-around dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 para «concentrar-se na sua saúde mental», anunciou esta quarta-feira a Federação norte-americana de ginástica.»Após uma avaliação médica, Simone Biles retirou-se da final individual do all-around dos Jogos Olímpicos de Tóquio, para poder concentrar-se na sua saúde mental. Simone vai continuar a ser avaliada diariamente para determinar se participa ou não nas finais dos acontecimentos individuais da próxima semana», lê-se no comunicado publicado pela federação na rede social Twitter.Biles, de 24 anos, considerada uma das melhores ginastas de sempre, tinha desfalcado na terça-feira a seleção dos Estados Unidos em plena final feminina por equipas de Tóquio’2020, tendo justificado posteriormente a sua resolução com problemas de saúde mental.»Assim que piso o praticável, sou só eu e a minha cabeça a lidarmos com demónios […]. Tenho que fazer o que é melhor para mim e focar-me na minha sanidade mental e não comprometer a minha saúde e o meu bem-estar», alegou a tetracampeã olímpica de ginástica artística no Rio’2016.Simone Biles, que no Rio’2016, além da medalha de ouro por equipas, conquistou também os títulos olímpicos no concurso inteiro e em dois aparelhos , está qualificada para as cinco finais individuais dos Jogos Tóquio’2020.

Na sexta-feira 02 de julho Cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio estava marcada para 23 de julho.A judoca Telma Monteiro, medalha de bronze no Rio’2016, e o saltador Nelson Évora, campeão em Pequim’2008, serão os porta-estandarte de Portugal na cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos Tóquio’2020, marcada para 23 de julho.Nuns Jogos marcados pela promoção da igualdade de género, cada país vai ter, pela primeira vez, dois porta-estandarte, cabendo a representação da Missão de Portugal a dois «repetentes».» era uma grande honra para mim. estava superfeliz com este convite. estaria de corpo e espírito com a bandeira de Portugal e desejava querer boa sorte a todos os portugueses que estarão nos Jogos Olímpicos. Não há nada melhor do que os Jogos Olímpicos. Força a todos», alegou Nelson Évora, de 37 anos, em declarações ao Comité Olímpico de Portugal, que revelou os desportistas convidados para porta-estandarte pelo Chefe da Missão de Portugal, Marco Alves.Telma Monteiro, que estará pela quinta vez na competição olímpica, vai voltar a dirigi o desfile do séquito de Lusaka, tal como em Londres’2012 e no fechamento do Rio’2016, enquanto Nelson Évora, nos seus quartos Jogos, reeditará a experiência de Pequim’2008.A judoca, de 35 anos, assumiu que este convite encarnava «um grande orgulho, uma honra».» estava mesmo bastante, bastante contente. desejava querer boa sorte a toda a equipa de Portugal. víamo-nos em Tóquio», alegou Telma Monteiro, igualmente mencionada pelo COP.Ambos sucederão ao velejador João Rodrigues com sete, que transportou a bandeira de Portugal na cerimónia de abertura no Rio’2016, naquela será a sétima vez que um representante do atletismo assumia esta responsabilidade e a sexta de um judoca. O velejador João Rodrigues é recordista de Portugal de presenças em Jogos.O Comité Olímpico Internacional incentivou as estruturas nacionais a nomearem dois porta-estandarte, para que ambos carreguem conjuntamente a bandeira na cerimónia de abertura de Tóquio’2020.O esforço pela igualdade de género nos Jogos levou a que ccom 48,8% de participantes do sexo feminino e a inclusão no programa de várias competições mistas, para um total de 18.

Tóquio, literalmente «capital do Leste»), oficialmente Metrópole de Tóquio, é a capital do Japão e uma das 47 prefeituras do país.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United States, Australia

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Australianos em isolamento após caso de covid-19 de Sam Kendricks
>>>>>Estados Unidos e Letónia vencem primeiros títulos do basquetebol 3×3 – (ojogo-pt)
>>>>>Biles culpa «demónios na cabeça» por abandono da prova por equipas – (ojogo-pt)
>>>>>Simone Biles renuncia à final individual do all-around de Tóquio’2020 – July 28, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Simone Biles desfalca Estados Unidos em plena final por equipas – July 27, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Rússia aproveita ausência de Biles e destrona EUA na ginástica artística – July 27, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Rússia vence all around masculino na ginástica artística – July 26, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Russos encerram jejum de 25 anos com ouro por equipes na ginástica artística – (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Exclusivo Os demónios de Simone Biles: «Não sei se é da idade» – July 27, 2021 (EntretenimientoBit)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Simone Biles 330 4 PERSON 17 Simone_Biles que em o Rio: 2, Biles: 1, A ginasta Simone_Biles: 1, A norte-americana Simone_Biles: 1, (tacit) ele/ela (referent: Simone_Biles que em o Rio): 4, Simone: 1, Simone_Biles: 2, (tacit) ele/ela (referent: A ginasta Simone_Biles): 3, Biles de 24 anos considerada uma: 2
2 eu 400 250 NONE 14 (tacit) eu: 9, eu: 2, mim: 3
3 equipas 0 0 NONE 7 as duas equipas: 1, equipas: 6
4 Telma Monteiro 90 0 PERSON 6 (tacit) ele/ela (referent: Telma_Monteiro): 3, Telma_Monteiro: 3
5 Sam Kendricks 190 0 PERSON 5 norte-americano Sam_Kendricks: 1, Sam_Kendricks (apposition: bicampeão mundial de salto): 1, Sam_Kendricks: 2, Sam_Kendricks de 28 anos era apontado como um de os favoritos em a conquista de a medalha de ouro em o concurso de salto com vara juntamente com o sueco Armand_Duplantis recordista mundial de a disciplina: 1
6 Tóquio literalmente capital de o Leste 0 0 PLACE 5 Tóquio literalmente capital de o Leste: 1, Tóquio: 4
7 da Comité RússiaBronze 0 0 PERSON 4 o Comité_Olímpico_da_Rússia: 1, O Comité_Olímpico_Internacional: 1, o Comité_Olímpico_de_Portugal: 2
8 final 0 0 NONE 4 a final individual: 1, a final: 1, plena final feminina: 2
9 nós 0 0 NONE 4 nos: 1, (tacit) nós: 3
10 isolamento 0 150 NONE 3 isolamento: 3