Por: SentiLecto

Declarações do treinador Carlos Carvalhal à Sport TV após a derrota dbragançana por 3-2, com o Midtjyland, na quinta jornada do Grupo F da Liga Europa, disputado na Dinamarca.Sobre o jogo: «Antevíamos um jogo difícil, o Midtjyland entrou bem no jogo, porque conseguiu um golo logo no primeiro minuto. Equilibrámos e dominámos até aa pausa pelo que se justificava o 1-1. Na segunda parte eles diminuíram linhas, tivemos obstáculos. Eles com agressividade positiva, jamais fomos bastante apoquentados, mas a realidade é que padecemo novamente um golo logo no começo.»Arriscar: «Não estávamos cumpridos com o jogo, não estávamos a jogar bem. Modificámo e arriscámos tudo, com dois pontas de lança. Conseguimos o 2-2 e cometemos um erro que nos custou um ponto, quando nada o fazia esperar, o que não estava nas nossas expectativas.»Vantagem da dúvida: «É futebol. Os erros fazem parte do jogo. Foi um grande golo o do Galeno, mas depois tivemos o erro defensivo. Não vi o arremesse, não sei se é penálti, mas dou a vantagem da dúvida ao Juiz e ao VAR. Neste momento o jogo está concluído, podíamos ter feito melhor, mas temos tudo nas mãos para seguir em frente. Vencer o Estrela Vermelha em casa e chegar ao primeiro lugar. Com os nossos adeptos e uma noite à Braga temos todas as hsuposiçõespara chegar à oaperíodoeguinte no primeiro lugar. «Golos, que quem faz dois golos não pode perder, e perder: «Há respeito pelo Braga , mas No mínimo empata, ou então ganha. Sobre o passado não podemos fazer nada, mas no futuro dependemos só de nós para chegar ao primeiro lugar. O que estiver ao nosso escopo, vamos fazê-lo».

Declarações de Tiago Sá à Sport TV após a derrota dbragançana por 3-2, com o Midtjyland, na quinta jornada do Grupo F da Liga Europa, disputado na Dinamarca.O penálti: «No campo, o lance de penálti não me pareceu falta. Estamos dentro de campo e tentamos fazer o melhor. Pode ocorrer a qualquer um. Às vezes as coisas não correm bem.»Sobre o jogo: «Começo de jogo complicado, logo a perder. Conseguimos estabilizar, fomos atrás do resultado. No começo da segunda parte íamos entrar para o triunfo, mas padecemo também um golo de começo. A equipa abanou um bocadinho. Depois estabilizámos e conseguimos o empate. Ocorreu o penálti, quando parecia que coisas estavam fechadas.»Vencer o grupo: «O Braga jogará para vencer, temos característica para ganhar o grupo. Entraremos para vencer, temos característica para isso. Nada mais nos passa pela cabeça».Declarações de Ricardo Horta à Sport TV após a derrota dbragançana por 3-2, com o Midtjyland, na quinta jornada do Grupo F da Liga Europa, disputado na Dinamarca.Sobre o jogo: «Entrámos bastante mal na partida, logo com um golo oponente. Conseguimos responder com o empate. Na segunda parte desejávamo entrar de outra maneira, mas infelizmente voltámos a padecer. Voltamos a procurar o golo e conseguimos. Infelizmente padecemo este penálti que deitou por terra todo o nosso esforço durante o jogo. O empate adaptava-se para o que ocorreu.»O que resta: «Resta pensar no que fizemos mal e trabalhar para ganhar o grupo, que ainda é possível. Claro que acreditamos. É para isso que trabalhamos estes jogos todos. A derrota não abalará a nossa confiança. Vamo estar preparados para ganhar e vencer o grupo», quando chegar esse jogo.Declarações de Paulo Oliveira à Sport TV após a derrota dbragançana por 3-2, com o Midtjyland, na quinta jornada do Grupo F da Liga Europa, disputado na Dinamarca.Sobre o jogo: «Entrámos mal, com o pé esquerdo. Temos sempre presente que a consistência defensiva coletiva é meio percurso para conseguir as triunfos e isso infelizmente não conseguimos de começo. Porém, não os jogos não são perdidos em o primeiro minuto. Fomos reagindo. Não estivemos no nosso melhor nível exibicional, mas conseguimos chegar ao golo.»Mais do mesmo: «Na segunda parte foi um pouco mais do mesmo. Os lances que ocorrem fazem parte do futebol e mais importante é saber que temos a habilidade para na última jornada da Liga Europa ganhar em casa e passar o grupo em primeiro.»Capacidade: «O futebol é uma caminhada longa que vamos aprendendo com tudo o que passa nos jogos. Sabemos que temos habilidade para estarmos a perder por um ou dois golos, mas podemos recuperar, fazer três e ganhar. Temos e analisar assim os jogos e seguir para a frente».

Na quinta-feira 04 de novembro Declarações de Carlos Carvalhal, treinador bragançano, após a vitória sobre o Ludogorets, por 4-2, em jogo da quarta jornada do período de grupos da Liga Europa.Análise: «Fizemos uma entrada bastante forte, ao nível do que temos feito. entrávamo fortíssimos, fizemos uma primeira parte de excelente nível. Pecámos na conclusão, fizemos quatro golos, mas tivemos mais seis ou sete chances claras de golo. 16 remates na primeira parte. Fizemos um jogo bastante bem conseguido. estávamo num contexto bastante complicado, com jogos de três em três dias, a jogar numa linha vermelha, 72 horas. A equipa teve uma conduta espetacular. Fez o resultado e soube dirigi. padecíamo golo num canto, mas não nos perturbámos com isso, estivemos mais perto do quinto do que eles do terceiro.»Benfica: «Neste momento faremos o que sempre fizemos, analisar os jogadores, ver os que estavam em melhores condições. O nosso oponente teve mais dois dias de preparação e recuperação, mas não vamos renunciar do jogo, faremos o que sempre fizemos, encarar o jogo para ganhar. será altamente difícil.»Liga Europa: » interessava-nos olhar para o próximo jogo, procurar vencer para apurar em primeiro lugar, que era o nosso objetivo. O grupo era bastante equilibrado. O Ludogorets não tem conseguido bons resultados, mas tem bons valores individuais, vinha da pré-eliminatória da Champions. Os pontos eram bastante importantes, perdemos no Estrela Vermelha um jogo que não tínhamo que ter perdido, numa altura em que cometíamos alguns erros que foram corrigidos. estava cumprido pela evolução da equipa. Jogámos há 72 horas, o oponente teve mais um dia para recuperar, mas a equipa deu um sinal fantástico, vamos até ao limite das nossas forças.»Houve alguma perda de ligação. Foram riscos calculados? «Sim. Fizemos a administração que compreendíamo que tínhamo que fazer. Olhamos para o jogo, para cada jogador, temos jogadores que recuperam melhor do que outros. Os jogadores que entraram entraram bem. Os jogadores que entravam têm feito um upgrade na equipa. Perdemos um bocadinho a ligação, mas num período terminal do jogo, o resultado estava feito.»

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal, Denmark

Cities: Braga

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Carlos Carvalhal: «Não sei se é penálti, dou a vantagem da dúvida ao Juiz e ao VAR»
>>>>>Tiago Sá: «No campo, o lance de penálti não me pareceu falta» – November 25, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>Ricardo Horta: «Sofremos este penálti que deitou por terra todo o nosso esforço» – (ojogo-pt)
>>>>>Paulo Oliveira: «Os jogos não se perdem no primeiro minuto…» – November 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Liga Europa: Matej Jug vai apitar a visita do Braga ao Midtjylland – November 23, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Atenção, Braga: Midtjylland perde em casa, mas mantém liderança isolada – November 21, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 975 1190 NONE 82 nos: 4, nós: 1, (tacit) nós: 77
2 jogo 100 50 NONE 14 um jogo difícil: 1, esse jogo: 1, o jogo: 9, um jogo: 3
3 eu 70 0 NONE 9 (tacit) eu: 8, me: 1
4 golo 80 0 NONE 7 um grande golo: 1, o golo: 2, um golo: 2, um golo adversário: 1, golo: 1
5 penálti 0 0 ORGANIZATION 6 (tacit) ele/ela (referent: este penálti): 2, este penálti: 2, O penálti: 1, o penálti: 1
6 equipa 90 0 NONE 4 a equipa: 2, A equipa: 2
7 jogadores 0 0 NONE 4 Os jogadores: 4
8 jogos 0 0 NONE 4 jogos de três: 1, os jogos: 2, estes jogos: 1
9 erros 42 270 NONE 3 Os erros: 1, alguns erros: 2
10 erro 0 270 NONE 3 o erro defensivo: 1, um erro: 2