Por: SentiLecto

Faz 9 meses, protelou se Campeonato da Europa de 2020 devido em a pandemia de covid-19. Governo de Italia demonstrou-se esta terça-feira disponível junto da federação para estudar soluções que permitam a presença de público no Estádio Olímpico de Roma, nos encontros do Euro2020 de futebol, protelado para 2021, devido à pandemia de covid-19.Faz 10 meses, Gabriele Gravina, mencionado em comunicado oficial divulgado por a federação de Italia de futebol declarou : » Agradeço aRoberto Speranza que confiou a o Comité Técnico Científico a tarefa de encontrar as melhores soluções que permitam a presença de público em o Estádio Olímpico de Roma, por nos informado «. Roberto Speranza é o ministro da Saúde.O presidente da federação frisou que neste «momento tão difícil, a vontade italiana em participar neste acontecimento foi claramente confirmada, dando confiança à FIGC».Em 2 meses, o Estádio Olímpico de Roma acolherá próximo, as três partidas de a seleção transalpina de o grupo A, diante da Suíça, Turquia e País de Gales, e ainda um duelo dos quartos de final.A presente edição da Liga de Italia disputou-se sem adeptos, desde outubro do ano passado, como medida de cautela para evitar o risco de contágio pelo novo coronavírus.se permitiu final só entre o começo e o de outubro de 2020 a entrada de um pequeno número de adeptos em os estádios, com um máximo de 1.000 pessoas, mas o agravamento da pandemia de covid-19 levou as autoridades a recuarem, concluindo as bancadas ao público.Faz 9 meses, se protelou O Campeonato da Europa de 2020, para o fase entre 11 de junho e 11 de julho de 2021, devido em a pandemia de covid-19.ortugal, que defende o título, estreia-se no Grupo F frente à Hungria, em Budapeste, em 15 de junho, defrontando, depois, a Alemanha, em Munique, no dia 19, e a França, atual campeã do mundo e vice-campeã da Europa, em 23 de junho.

Grand Slam está atualmente programado entre 17 de maio e 6 de junhoA ministra de Francia do Desporto admitiu que o deferimento de Roland Garros é novamente uma chance, devido à pandemia de covid-19, depois de no ano passado o Grand Slam parisiense de ténis ter sido disputado fora das datas habituais.Roxana Maracineanu na noite de sábado, em entrevista à France Info.R mencionou: «Estamos em diálogo com a Federação Francesa de Ténis para avaliar se temos de modificar a data para que coincida com a possível recomeça da atividade esportiva e dos grandes eventos».oland Garros está atualmente programado entre 17 de maio e 6 de junho, coincidindo com aquelas que são as suas datas habituais no calendário do ténis.Embora o desporto de alto nível tenha, a ministra justificou: «Neste momento sido conservado, tentamos restringi o risco de aglomerados, de propagação do vírus no desporto profissional».se protelou o major de Francia em o ano passado, o ‘ major ‘ francês devido em a pandemia de covid-19, tendo decorrido entre 27 de setembro e 11 de outubro, com um máximo de 1.000 espetadores diários.illes Moretton já reconheceu estar a cogitar diferentes opções, excluindo Gilles Moretton é o presidente francês., todavia, a alternativa de cancelamento da segunda torneio da Grand Slam da temporada.»Quanto à assistência, podemos ir desde a porta fechada até a uma oalternativaque njamaissvai serde 100%. Temos preparadas todas as alternativas», mencionou esta semana.Em França, desde a noite deste sábado e até dia 02 de maio, está em forcita um recolher compulsório nacional entre as 19:00 e as 06:00, os franceses estão impedidos de se deslocarem a mais de 10 quilómetros do seu domicílio, a não ser em situações excecionais, e estão concluídos todos os comércios não imprescindíveis.Faz 11 meses, Emmanuel Macron disse, em a, esperar ter condições para reabrir o país em meados de maio. Emmanuel Macron é o presidente de Francia.França, que regista 96.493 óbitos desde o começo da pandemia de covid-19, enfrenta uma nova vaga do novo coronavírus. Na sexta-feira, o país acumulava um total de 4,74 milhões de casos positivos, 46.677 contabilizados nas 24 horas anteriores.

Na quarta-feira 17 de março admitia reajustar o plano para o Campeonato da Europa de 2020, disputado em 2021, para ter público em todos os estádios.A UEFA desejava público nos jogos do Euro’2020, e caso algumas não autorizem a presença de espetadores, podia adaptar até final de abril o plano de disputar a competição em 12 cidades , declarou fonte do organismo à agência AFP.»Se uma cidade sugeri um cenário de jogos à porta fechada», devido às relimitaçõesmpostas pela pandemia de covid-19, os encontros para aí prcalculadospo poderiam ser transferidosara outras cidades com cahabilidadeara receber os espetadores», referiu a fonte da UEFA, cimencionadaara agência noticiosa.No domingo, Aleksander Ceferin declarou ao jornal de Croacia Sportske Novosti, que as partidas do Euro’2020 «não serão disputadas com as bancadas vazias». Aleksander Ceferin é o presidente da UEFA.Ceferin, admitindo a chance de diminuir o número de países calculados para receber o torneio, no qual Portugal defendia o título conquistado em 2016 declarou: «Todos os organizadores teriam que garantir a presença de público».A UEFA pediu a cada uma das cidades organizadoras, de 12 países, que apresentem até 07 de abril as condições para acolher jogos, sendo esperada uma decisão final sobre o plano em 19 de abril, na véspera do congresso do organismo.protelou-se o campeonato de a Europa de 2020 para entre 11 de junho e 11 de julho de 2021, devido em a pandemia de covid-19.Faz 13 dias, o Euro2020, Portugal estreava se em o Grupo F frente em a Hungria, em Budapeste defrontando, depois, a Alemanha, em Munique, em o dia 19 e a França, atual campeã do mundo e vice-campeã da Europa em 2016, em 23 de junho.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United Kingdom, Brazil, Turkey, Portugal, Italy, Hungary

Cities: Franca

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Governo de Italia estudará soluções para receber público no Euro2020
>>>>>Governo francês admite possibilidade de adiamento do Roland Garros – April 04, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>UCI anuncia adiamento da clássica Paris-Roubaix – April 01, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 pandemia 0 350 NONE 7 a pandemia de covid-19: 7
2 nós 0 0 NONE 6 (tacit) nós: 5, nos: 1
3 o Grand_Slam parisiense de ténis 0 36 OTHER 5 Grand_Slam: 1, (tacit) ele/ela (referent: Grand_Slam): 3, o Grand_Slam parisiense de ténis: 1
4 Portugal 120 0 PLACE 4 Portugal: 4
5 UEFA 0 0 ORGANIZATION 4 A UEFA: 1, (tacit) ele/ela (referent: A UEFA): 3
6 Roma Estádio de 0 0 PERSON 3 O Estádio_Olímpico_de_Roma: 1, o Estádio_Olímpico_de_Roma: 2
7 a presença de público 0 0 NONE 3 a presença de público: 3
8 próximo Campeonato_da_Europa 0 0 OTHER 3 O Campeonato_da_Europa: 1, Campeonato_da_Europa: 1, próximo Campeonato_da_Europa: 1
9 Aleksander Ceferin 0 116 PERSON 2 Ceferin: 1, Aleksander_Ceferin (apposition: o presidente de a UEFA): 1
10 bancadas 0 80 NONE 2 as bancadas vazias: 1, as bancadas: 1