Por: SentiLecto

Demitiu-se no começo deste mês de outubro.A Liga aprovou, esta quinta-feira, um voto de louvor a Sónia Carneiro em «agradecimento pelo inexcedível trabalho desenvolvido desde 2016 em prol do futebol profissional». Sónia Carneiro é ex-diretora executiva, que concluiu este mês a ligação ao organismo.Sónia Carneiro entrou para a Liga em 2015, para as funções de assessora jurídica, assumiu pouco depois a posição de diretora executiva com a mesma tutela e subiu na hierarquia, para coordenadora da Direção executiva, em 2018.Graças ao seu papel agregador em áreas pertinentes, em que a diplomacia mais musculada obrigava a compromisso entre os símbolos mais poderosos, libertou o presidente de conflitualidades constantes, próprias do futebol profissional.Ao mesmo tempo, tinha nas mãos as áreas e dossiês mais «quentes» da Liga, nomeadamente a organização e estratégia do Executivo para as assembleias gerais e mudanças regulamentares. Foi, também, quem dinamizou áreas de desenvolvimento, como as pós-graduações em Gestão e Comunicação no futebol. Nas últimas duas temporadas, conduziu todas as operações da Final Four da Taça da Liga.Foi a segunda saída do Executivo presidido por Pedro Proença em cerca de três meses, contando com a demissão de outra diretora executiva, Susana Rodas, culpado pela área do Marketing e valorização de marca.

Dirigente considerou o momento «histórico» e de «enorme protagonismo e amplitude» na defesa dos «valores inegociáveis» – integridade das competições, boa governança e luta anticorrupção.Pedro Proença, presidente da Liga Portugal, anunciou, esta quinta-feira, que o órgão que tutela o futebol profissional português foi certificado pela regra ‘ISO 37001 – sistema de administração anticorrupção’.O dirigente considerou o momento «histórico» e de «enorme protagonismo e amplitude» na defesa dos «valores inegociáveis», no que toca à integridade das competições, boa governança e à luta anticorrupção.»A Liga Portugal é hoje a primeira entidade esportiva em Portugal a ser certificada com a regra [ISO 37001 – Sistema de Gestão Anticorrupção]», alegou Proença, considerando que a entidade «trilha o percurso do rigor e da clareza».Aquando do anúncio, Pedro Proença assinou com a SIGA, que tem como diretor executivo Emanuel Medeiros , um memorando de entendimento com o intuito formar uma parceria para fomentar e implementar os valores de integridade, rigor financeiro e clareza defendidos pela organização.»Desejamo contribuir para a que a Liga Portugal, que é sexta [classificada] no «ranking» da UEFA, possa também estar no topo no que toca à boa governança e à integridade. Sem integridade não há futebol», alegou Emanuel Medeiros.Na cerimónia esteve ainda o secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, que enalteceu o compromisso da Liga em áreas fundamentais para o desporto, como a clareza, a integridade e a boa governança, «que são problemas que não são só de hoje».»Sem clareza não há integridade, sem integridade não há verdade esportiva e sem verdade esportiva, particularmente no desporto de alta competição, não há interesse da parte dos adeptos e de quem segue intensamente este fenómeno», referiu João Paulo Rebelo.Também hoje, a Liga aprovou um voto de louvor a Sónia Carneiro que concluiu este mês a ligação ao organismo, em «agradecimento pelo inexcedível trabalho desenvolvido desde 2016 em prol do futebol profissional». Sónia Carneiro é ex-diretora executiva coordenadora da Liga.

Na sábado 02 de outubro diretora executiva coordenadora demitiu-se por compreender que não estavam reunidas condições para continuar o seu trabalhoSónia Carneiro demitiu-se da posição de diretora executiva coordenadora da Liga Portugal. Um bater com a porta que deixava o Executivo da Liga, para já, diminuído a dois elementos mais o presidente.O JOGO apurou junto de várias fontes que Sónia Carneiro, «número dois» da estrutura desde 2018, compreendeu não estarem reunidas condições para continuar a liderar grande parte dos projetos do organismo que gere o futebol profissional, nomeadamente os mais estruturais.Sónia Carneiro entrou para a Liga em 2015, para as funções de assessora jurídica, assumiu pouco depois a posição de diretora executiva com a mesma tutela e subiu na hierarquia, para coordenadora da Direção executiva, em 2018. Graças ao seu papel agregador em áreas pertinentes, em que a diplomacia mais musculada obrigava a compromisso entre os símbolos mais poderosos, libertou o presidente de conflitualidades constantes, próprias do futebol profissional.Ao mesmo tempo, tinha nas mãos as áreas e dossiês mais «quentes» da Liga, nomeadamente a organização e estratégia do Executivo para as assembleias gerais e mudanças regulamentares. Foi, também, quem dinamizou áreas de desenvolvimento, como as pós-graduações em Gestão e Comunicação no futebol. Nas últimas duas temporadas, conduziu todas as operações da Final Four da Taça da Liga. era a segunda saída do Executivo presidido por Pedro Proença em cerca de três meses, contando com a demissão de outra diretora executiva, Susana Rodas, culpado pela área do Marketing e valorização de marca. Duas saídas que coincidiam com o momento em que o organismo desenvolvia esforços para antecipar o processo de centralização dos direitos televisivos das duas ligas profissionais. Com estas saídas, conservavam-se na equipa executiva de Pedro Proença os diretores Helena Pires e Tiago Madureira.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Liga aprova voto de louvor a Sónia Carneiro, ex-diretora executiva
>>>>>Liga Portugal torna-se uma entidade com certificado anticorrupção – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 210 0 NONE 7 (tacit) eu: 7
2 Liga 0 0 ORGANIZATION 6 A Liga: 1, a Liga: 3, (tacit) ele/ela (referent: A Liga): 2
3 Pedro Proença 0 0 PERSON 6 Pedro_Proença: 3, (tacit) ele/ela (referent: Proença): 1, Proença: 2
4 Sónia Carneiro 0 0 PERSON 6 Sónia_Carneiro: 3, Sónia_Carneiro (apposition: ex-diretora executiva): 2, trabalhoSónia Carneiro: 1
5 futebol 120 0 NONE 5 o futebol: 2, o futebol profissional português: 1, o futebol profissional: 1, futebol: 1
6 graças a o seu papel agregador em áreas relevantes a compromisso entre os emblemas mais poderosos 1000 0 NONE 4 Graças a o seu papel agregador em áreas relevantes a compromisso entre os emblemas mais poderosos: 4
7 integridade 320 0 NONE 4 a integridade: 1, integridade: 3
8 JOGO 0 0 ORGANIZATION 4 O JOGO: 1, (tacit) ele/ela (referent: O JOGO): 3
9 Liga Portugal 0 0 ORGANIZATION 4 A Liga_Portugal: 1, a Liga_Portugal: 2, (tacit) ele/ela (referent: a Liga_Portugal): 1
10 organismo 0 0 NONE 4 o organismo: 4