Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Generic football

Há décadas, a revista France Football, organizadora da Bola de Ouro, e a Fifa, que iniciou sua premiação em 1991, enquanto a Bola de Ouro já era entregue desde os anos 50, que comanda o The Best, dividem a importância no que tange a premiações de melhores jogadores do mundo. Em 2022, a primeira concluiu com Lionel Messi eleito melhor jogador do ano passado. Mas a concorrência ferrenha com Robert Lewandowski pode fazer com que a premiação da entidade que comanda o futebol global , marcada para hoje, a partir das 15h, “discorde” da publicação de Francia, num acontecimento raro na história.

Bola de Ouro é uma premiação instituído pela revista Placar, com o objetivo de honrar o melhor jogador do Campeonato Brasileiro de Futebol, criada em 1973, na quarta edição do prêmio Bola de Prata .

France Football é uma prestigiosa revista de Francia bi-semanal sobre futebol global, com cobertura especial sobre os principais campeonatos europeus.

Desde as premiações relativas ao ano de 2004, quando a Bola de Ouro ficou com o ucraniano Andriy Shevchenko e o prêmio da Fifa — na época, chamado de Jogador do Ano — foi para Ronaldinho Gaúcho, embora seus critérios variem, os prêmios conservam os mesmos vitoriosos. Vale recordar que entre 2010 e 2016 as premiações chegaram a se fundir, sob o nome “Fifa Ballon D’or”. Concluíram com ganhadores diferentes em sete chances, desde que passaram a coexistir. Além de Ronaldinho, outro brasileiro ficou sem a dobradinha: Romário perdeu a Bola de Ouro para Hristo Stoichkov em 1994.

— Cada vez mais a Europa é o centro do jogo, onde os melhores se confirmam. Ser dominante na Europa significa ter uma espécie de carimbo, de chancela de melhor do mundo. Mesmo a France Football premiando o ano do calendário e a Fifa, a temporada europeia, tudo o que ocorre entre primavera e verão europeu conclui sendo decisivo, seja a reta final da Champions ou performances espectaculares em Copa do Mundo e Euro— assinala Carlos Eduardo Mansur, colunista do GLOBO.

Faz 2 meses, Pep Guardiola defendeu a escolha em a sétima Bola de Ouro de Messi : Pep Guardiola é técnico de o Manchester City, em novembro.

— Quando Messi ganha, jamais é injusto. Claro que se Lewy ganhasse, com as temporadas que teve nos dois últimos anos, os gols , sua característica, também seria justo.

Já Jurgen Klopp, do Liverpool,defendeu o de Polonia.

O contrato salaciano expira no verão de 2023 mas Jurgen Klopp está confiante em que as negociações culminem na renovação.»Assinar um grande contrato não é o mesmo que adquiri um smartphone, onde é só preciso assinar uma coisa e está feito. Não acho que haja problema algum, são negociações normais. Há muitas coisas que se devem ter em consideração», alegou o treinador livoniano.Mohamed Salah com 16 golos, cruza a quinta temporada ao serviço dos reds. Mohamed Salah é atual melhor marcador da Premier League. Na conta total desta época, já indicou 23 golos e nove assistências em 26 jogos até ao momento.

Faz 15 dias, o Paris Saint-Germain anunciou, em este domingo, 2, que quatro jogadores de o elenco testaram positivo para a Covid-19, em o domingo 02 de janeiro; entre eles, o atacante argentino Lionel Messi. De acordo com o comunicado divulgado pelo clube de Francia, o quarteto já estava isolado e quando não transmitir mais a enfermidade, só voltará aos treinos. conforme mencionava o protocolo.

— É sempre possível premiar Messi por sua carreira e pelo jogador que é, mas se o complica não dar o prêmio a Lewa desta vez de compreender.

Para Mansur, há argumentos fortes tanto por Messi quanto por Lewa. Mas o fase de análise , que engloba a histórica Copa América conquistada pelo argentino, pode fazer a diferença.

Votaram na premiação da Fifa capitães e técnicos de seleções, jornalistas e fãs. Entre as mulheres, Alexia Putellas, do Barcelona, ganhadora da Bola de Ouro,é a favorita na disputa com a companheira de clube Jennifer Hermoso e Sam Kerr .

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: United Kingdom, Spain

Cities: Liverpool, Barcelona

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Messi x Lewandowski e Salah correndo por fora: The Best pode ‘discordar’ da Bola de Ouro pela primeira vez desde 2004
>>>>>Renovação de Salah não tira o sono a Klopp: «Assinar um contrato não é o mesmo que comprar um smartphone…» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Lionel Messi 0 80 PERSON 5 Messi: 2, o atacante argentino Lionel_Messi: 1, (tacit) ele (referent: Messi): 1, Lionel_Messi: 1
2 Pep Guardiola 40 0 PERSON 3 Pep_Guardiola (apposition: técnico de o Manchester_City): 1, (tacit) ele/ela (referent: Pep_Guardiola): 2
3 eu 13 0 NONE 3 (tacit) eu: 3
4 Bola de Ouro 0 0 ORGANIZATION 3 (tacit) ele/ela (referent: a Bola_de_Ouro): 1, a Bola_de_Ouro: 2
5 France Football 0 0 ORGANIZATION 3 a revista France_Football: 1, a France_Football: 1, (tacit) ele/ela (referent: a France_Football): 1
6 Jurgen Klopp 0 0 PERSON 3 Jurgen_Klopp de o Liverpool: 1, Jurgen_Klopp: 2
7 a premiação de a entidade 0 16 NONE 2 a premiação de a entidade: 2
8 Fifa 200 0 ORGANIZATION 2 a Fifa a premiações de melhores jogadores de o mundo: 2
9 France Football 170 0 PERSON 2 France_Football: 1, (tacit) ele/ela (referent: France_Football): 1
10 Salah Mohamed 100 0 PERSON 2 Mohamed_Salah (apposition: atual melhor marcador de a Premier_League): 1, (tacit) ele/ela (referent: Mohamed_Salah): 1