Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Nello Pagani (winnaar 125cc) in de bocht, Bestanddeelnr 903-4796

Cancelo mostra como se faz no treino antes do Portugal-IsraelUm «odor» do que espera Portugal: Hungria joga com casa cheiaSó falta o ataque: os nomes já eleitos para o onze do ano da Liga NOSVeja em ação Duván Vergara, progredido que o Benfica segue com atençãoManchester United aposta forte no mercado e vai estar com estes craques na miraNo Twitter oficial do MotoGP, que ora espreite, vale a pena, foram divulgadas novas imagens da festa de Miguel Oliveira no Grande Prémio da Catalunha, prova que o português da KTM venceu no último domingo.

Miguel Oliveira «cumprido» com dia de testes em Barcelona, um dia depois da fantástica triunfo no GP da CatalunhaMiguel Oliveira teve hoje um «bom dia de trabalho» nos testes realizados no circuito de Barcelona, em Espanha, onde no domingo conquistou o primeiro triunfo da temporada em MotoGP.O piloto de Almada realizou o nono melhor tempo entre os 23 pilotos em pista num dia em que o objetivo «não era o de fazer voltas rápidas», concluindo a 0,636s do mais rápido, o espanhol Maverick Viñales .Em declarações realizadas numa conferência de jornalismo virtual após a sessão, Miguel Oliveira escondeu o jogo, escusando-se a pormenorizar quais os componentes hoje testados, apesar da insistência dos jornalistas.»Foi um teste produtivo. Testámos vários componentes, mas não é possível saber quais. O objetivo era dar a nossa resposta à fábrica para decidir o cpercursoa seguir no resto do ano», explicou à agência Lusa.Ainda assim, o piloto da KTM considerou ter sido «aceitavelmente rápido», ao concluir o dia com o tempo de 1.40,036, cerca de um segundo mais lento do que o tempo realizado na qualificação para a corrida de domingo, mas ao nível dos tempos realizados nos treinos livres do GP da Catalunha, que no passado fim de semana se disputou neste mesmo traçado de Montmeló.»O nível de aderência não é bastante alto. É difícil de perceber diferenças, quando chega um braço oscilante ou o quadro. À tarde focámo-nos naquilo que poderíamos atingir com este pacote. Numa segunda-feira é difícil perceber o que podemos melhorar, porque as condições de aderência são diferentes. Ganhamos numas áreas e perdemos noutras», precisou o piloto luso.Oliveira declarou ainda que «houve algumas coisas que foram testadas para haver um termo de comparação».»A maior parte das coisas já tinham sido testadas pelo [espanhol] Dani Pedrosa [piloto de testes da KTM], e agora foi para confirmar e dar a nossa opinião», explicou, revelando que o que gostou mais «foi mesmo da corrida» de domingo, que concluiu com a seu primeiro triunfo da temporada.Com este resultado, o piloto de Lusaka subiu ao sétimo lugar do campeonato.

Na sábado 29 de maio Declarações do português após a qualificação para o Grande Prémio de Itália em MotoGP.O piloto de Portugal Miguel Oliveira acreditava que podia conseguir um «bom resultado» no Grande Prémio de Itália de MotoGP, sexta prova da temporada, depois de ter sido o sétimo mais rápido na sessão de qualificação.O piloto de Almada sentia ter «um ritmo muito promissor» para a corrida de domingo. «Se era para vencer ou ficar no top 5 só saberíamos [domingo]. Um bom resultado seria concluir dentro do top 5», enfatizou Miguel Oliveira.O piloto de Portugal sentar-se que este «foi o dia» em que esteve «mais forte». «Falhar a segunda linha por tão pouco [0,002s] era frustrante, mas a mota portou-se bem e esperava uma boa corrida», iniciou por declarar.O piloto de Lusaka da KTM ainda não selecionou o pneu a utilizar, explicando que a escolha » dependerá da temperatura», mas sempre admitiu que «o duro à frente e estavaa funcionar bem».Para esta prova, a KTM proporcionou um novo quadro [chassis] ao piloto de Portugal e mais velocidade de ponta na sua RC16. «A velocidade extra era decisiva para ultrapassar e defender a posição nas retas», vincou Oliveira, que esperava «os obstáculos de sempre».»Corremos depois da prova de Moto2 e a pista tem menos borracha. Com o calor e os cones de ar, era mais fácil sobreaquecer os pneus», explicou à agência Lusa, na conferência de ijornalismovirtual desta tarde.Miguel Oliveira deixou ainda um vocábulo de incentivo ao suíço Jason Dupasquier, piloto de Moto3 de ascendência de Portugalde Portugal que padeceu um violento acidente no final da sessão de qualificação daquela categoria. «Foi uma queda um pouco assustadora. Não temos notícias de nada, mas esperava que corra tudo pelo melhor», deduziu.Miguel Oliveira conseguiu o seu melhor resultado do ano em qualificação, partindo da sétima posição da grelha para esta sexta prova da temporada.

MotoGP ou Moto Grand Prix é a categoria principal do Campeonato Mundial de Motovelocidade e um dos mais antigos campeonatos do mundo de desportos motorizados – o primeiro ano de competição teve lugar em 1949.

João Pedro Cavaco Cancelo é um futebolista de Portugalde Portugal que atua como lateral-direito e lateral-esquerdo.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal, Hungary

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Os abraços, a afeição e o grito de triunfo: novas imagens de Miguel Oliveira na Catalunha
>>>>>Miguel Oliveira: «A maior parte das coisas já tinham sido testadas pelo Dani Pedrosa» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Miguel Oliveira 160 0 PERSON 10 Oliveira: 3, Miguel_Oliveira satisfeito: 1, Miguel_Oliveira: 5, (tacit) ele/ela (referent: Miguel_Oliveira): 1
2 nós 10 0 NONE 7 (tacit) nós: 7
3 eu 0 70 NONE 6 (tacit) eu: 6
4 era 35 160 NONE 5 era decisiva: 1, era mais fácil: 1, era: 2, era frustrante: 1
5 corrida 80 0 NONE 4 uma boa corrida: 1, a corrida: 3
6 piloto 80 0 NONE 4 o piloto português: 1, O piloto português: 2, o piloto luso: 1
7 resultado 163 0 NONE 3 este resultado: 1, um bom resultado: 1, Um bom resultado: 1
8 prova 0 0 NONE 3 prova: 2, esta prova: 1
9 piloto de moto3 de ascendência portuguesa 0 150 NONE 2 piloto de Moto3 de ascendência portuguesa: 2
10 o Grande_Prémio_da_Catalunha 180 0 PLACE 2 o Grande_Prémio_da_Catalunha: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Grande_Prémio_da_Catalunha): 1