Por: SentiLecto

Faz 3 meses, obra tinha como finalidade receber o Grande Prémio do Brasil, a, mas obrigaria ao abate de milhares de árvores na zona da Floresta de CamboataO executivo municipal do Rio de Janeiro desistiu oficialmente da construção de um novo circuito de Fórmula 1 numa antiga base militar da cidade de Brasil devido a críticas proferidas por ambientalistas em relação à obra.»Estamos oficialmente a desistir da construção do Circuito Internacional do Rio», alegou esta terça-feira, à Imprensa bde Brasil Eduardo Cavaliere, vereador do ambiente da câmara do Rio Janeiro, sobre o cancelamento do projeto.Calculada para ser levada a cabo na Floresta de Camboata, situada na zona oeste da cidade de Brasil, próxima ao Parque Olímpico de Deodoro, a obra exigiria o abate de 160 hectares de vegetação tropical , pelo que foi «chumbado» pela classe dos ambientalistas.A zona florestal mencionada «abriga 146 espécies de plantas, 14 delas ameaçadas de extinção, e 150 espécies de passaritos e 19 de mamíferos», segundo o documento dividido por Eduardo Cavaliere.Além dos profissionais que se dedicam ao estudo de efeitos ambientais, também o piloto britânico Lewis Hamilton se opôs publicamente à criação da pista de alta velocidade, que havia sido apoiada pelo atual presidente bde BrasilJair Bolsonaro.A intenção era sediar o Grande Prémio do Brasil, agendado para o próximo dia 7 de novembro de 20201, numa nova pista. Gorada a chance, a etapa brasileira do Campeonato do Mundo de F1 vai realizar-se no Autódromo de Interlagos, como ocorre desde 1990Esta pista localizada na cidade de São Paulo foi construída, no século passado, em homenagem ao antigo piloto brasileiro da modalidade de motores.

O circuito de Fórmula 1 serviria para trocar o Interlagos, em São Paulo, onde ocorre o Grande Prémio do Brasil.A prefeitura do Rio de Janeiro anunciou esta segunda-feira que pediu o arquivamento do polémico projeto de construção do circuito de Fórmula 1 que trocaria o Interlagos, em São Paulo, onde ocorre o Grande Prémio do Brasil.Faz 1 mês, o projeto gerou polémica porque envolvia a demolição de 160 hectares de floresta tropical, ou cerca de 180 mil árvores, em a zona Oeste do Rio próximo a o Parque Olímpico de Deodoro que acolheu as provas de canoagem slalom e BMX em os Jogos Olímpicos de 2016., que acolheu as provas de canoagem slalom e BMX nos Jogos Olímpicos de 2016.Faz 2 meses, a F1 estendeu o contrato com Interlagos até 2025, em dezembro passado. Faz 1 mês, posteriormente, o novo prefeito de o Rio Eduardo Paes, que assumiu a autarquia em 01 de janeiro último, pediu o arquivamento de o projeto que fazia parte de os planos de o seu antecessor,, Marcello Crivella, e do Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.»Dia importantíssimo na defesa dura do Meio Ambiente. Faz 1 mês, sob resolução de o prefeito, Eduardo Paes, mandei a o Instituto Estadual do Ambiente o pedido de arquivamento de o processo de permissão prévia, desistindo oficialmente de a construção de o Autódromo Internacional do Rio de Janeiro, em a Floresta do Camboatá em Deodoro «, anunciou em a rede social Twitter o secretário municipal de o Meio Ambiente, Eduardo Cavalier.»Tivemo que recuperar os espaços verdes, e não arruinei-los», advogou a prefeitura, quedesejarinstituirr uma área protegida no local.O Inea já havia emitido um parecer desfavorável à construção de um autódromo no local em causa.A imensa Floresta Camboatá «abriga 146 espécies de plantas, 14 delas ameaçadas de extinção, e 150 espécies de passaritos e 19 de mamíferos», segundo o documento mandado por Eduardo Cavaliere.O grupo Rio Motorsports, que, em maio de 2019, ganhou a licitação para construir e gerenciar o autódromo, aguardava a permissão ambiental para progredir com o projeto. Jair Bolsonaro garantiu na ocasião que o GP do Brasil ocorreria no Rio de Janeiro em 2020.Faz 3 meses, já João Doria anunciou que o GP do Brasil de F1 ocorreria em o circuito de Interlagos até 2025. João Doria é o adversário político de Bolsonaro.Faz 1 mês, sete vezes campeão global de F1 Lewis Hamilton, um fervoroso defensor de o ambiente, declarou que era contra o projeto de construção de um novo circuito em o Rio de Janeiro, em outubro o.

Sir Lewis Carl Davidson Hamilton Mbe é um automobilista britânico.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Rio de Janeiro desiste da construção de autódromo por críticas de ambientalistas
>>>>>Rio de Janeiro pede arquivamento do polémico projeto de construção do circuito de F1 – February 01, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 25 0 NONE 4 (tacit) eu: 4
2 o Grande_Prémio_do_Brasil 0 0 OTHER 4 o Grande_Prémio_do_Brasil: 2, (tacit) ele/ela (referent: o Grande_Prémio_do_Brasil): 2
3 Eduardo Paes 0 0 PERSON 3 Eduardo_Paes: 3
4 Jair Bolsonaro 0 0 PERSON 3 Jair_Bolsonaro: 3
5 o Parque_Olímpico_de_Deodoro 0 0 PLACE 3 o Parque_Olímpico_de_Deodoro: 3
6 o Rio 0 0 PLACE 3 o Rio: 3
7 obra 0 0 NONE 3 Obra: 1, a obra: 2
8 projeto 0 70 NONE 2 O projeto: 1, o projeto: 1
9 146 espécies de plantas 0 0 NONE 2 146 espécies de plantas: 2
10 Interlagos 0 0 PLACE 2 o Interlagos: 1, Interlagos: 1