Por: SentiLecto

Treinador do Sporting comentou a influência da celebração iminente do Sporting na Liga NOS na preparação do jogo com o Boavista e garante: «Os jogadores deram bons sinais».Programa das celebrações do Sporting: «Eu não faço a mínima ideia sobre qual é o programa das celebrações, mas não sou eu que mandarei os jogadores para a cama, se ganhar o campeonato. Desde que apareçam aqui para jogar, podem fazer o que desejarem. É inimaginável ser de outra maneira, mas respeitando as equipas que estão a combater, como o Boavista. Não nos interessa o programa das celebrações, devemo focar-nos no Boavista, para amanha fazermos um grande jogo.»Sporting candidato ao título em 2021/22? «Ainda agora fui candidato a este, não apressaremos as coisas. Provavelmente vai ser jogo a jogo. Um de cada vez, se é um dia de cada vez, então um campeonato… Ainda não somos campeões, isso deve estar na cabeça dos jgoadores, que devem ter a noção que ainda falta. Agora, da mesma maneira que tínhamos 3% de probabilidades de ganhar, poderá ser a porcentagem de perder o campeonato. Não estaríamos na posição em que estamos hoje, se não acreditássemos que tudo é possível.»Preparação da celebração por parte do clube: «Se tentasse falar com os jogadores pessoalmente ou fizesse mais uma palestra, só estaria a fazer pior. Foi tudo preparado da mesma maneira, não tive uma palestra a mais, uma conversa individual que fosse. O que fazemos é treinar da mesma forma, exigir o máximo deles, estarem concentrados no treino, nas palestrass… Fizeram uma semana bastante boa, deram bons sinais. E o Sporting não preparasse, em relação à preparação da fcelebração até nós ficaríamos ofendidos s.Mas acaminharaí um autocarro a passear não quer dizer que vá haver fcelebração Sabem que devemo ganhar um jogo e isso terá de ocorrer. Mas ficaríamos ofendidos se o Sporting não preparasse nada. Acho bem que os jogadores pensem assim. Deram bons sinais, estão preparados, só pensam no jogo.»

Tabata e Tiago Tomás continuam em tratamento.O Sporting satisfez este domingo mais uma sessão de treino com vista à receção de terça-feira ao Boavista, referente à 32.ª jornada e que pode dar o título aos leões, em caso de triunfo .Pedro Porro, que no sábado voltou registou evolução, conservou o regime de treino condicionado. Já Tabata e Tiago Tomás continuam a fazer tratamento e estão de fora das alternativas de Rúben Amorim.O plantel do Sporting volta a treinar na segunda-feira, às 10h00, seguindo-se depois a conferência de ijornalismode antevisão à partida, pelas 18h30, no Estádio José Alvalade.Quando faltam dois pontos para a confirmação do mesmo, treinador do Sporting assume candidatura ao título.Sobre o possível título: «Se chegássemos a este ponto, com três pontos em jogo que nos dessem o título, somos candidatos ao título, obviamente. Somos candidatos a vencer todos os jogos. Finalmente, ao longo de várias semanas, o Boavista jogará um encontro com a pressão do outro lado. Precisam dos pontos para a manutenção, mas a pressão está do nosso lado. Pelos jogadores do Boavista, com a característica que têm, e o treinador [Jesualdo Ferreira], que vai ser a pessoa em campo com mais experiência nesta espécie de jogos, vai ser um jogo bastante difícil. Esqueceremos tudo o resto, serão mais duas horas de agonia.»Como se sentar-se com o título tão perto? «Sinto-me da mesma forma, a responsabilidade é sempre igual, não interessa se somos candidatos ao não. O Sporting é um clube com regulamento bastante grande. Estamos a três pontos de ganhar um campeonato que não se ganha há muito tempo. Ainda não somos campeões, vai ser bastante difícil. Em relação a ser no sofá ou no campo… Sou em defesa de ser campeão. Quanto mais cedo melhor, não ligo bastante a isso.»Adil Rami após o empate caseiro, 1-1, com o Tondela, abordou o jogo com o Sporting na próxima jornada da Liga NOS, que pode valer o título ao símbolo leonino. Adil Rami é central do Boavista.Equipa jovem: «É difícil, fizemos um bom jogo, com personalidade, atitude, mas devemo estar positivos até ao final. Temos característica e também coração, mas há uma coisa que não se pode mudar: temos uma equipa muito jovem e em cada jogo aprendemos mais. Não temos muita experiência e pagamos por isso.»Jogo com o Sporting: «O que eu devo fazer é tentar ter um discurso positivo. Vamos ao Sporting, no futebol tudo pode ocorrer. Vamos padecer mas vamos combater até ao final. Acredito sempre que faremos um bom resultado no Sporting, sou um competidor e vou combater até ao final.»Boavista tentará bom resultado em Alvalade? «É um momento complicado. Será um jogo complicado, mas para eles também. Na minha carreira ganhei dois títulos e sei que para eles será um jogo de muito stress, temos de compreender isso. Vamos combater primeiro para o nosso Boavista. Se ganharem, a mim é-me igual que eles sejam campeões ou não. Tenho que pensar primeiro no Boavista e na nossa situação.»O que falta ao Boavista? «Falta-nos o trabalho individual para parar de oferecer algo em todos os jogos. Em cada jogo damos algo à equipa adversária e isso é difícil de aceitar. Temos consciência que é difícil, mas combatemo com coração e hoje provamo isso, mas hoje não foi suficiente.»

Na quarta-feira 21 de abril empate a dois golos frente ao Belenenses em jogo da ronda 28 da Liga NOS.O líder Sporting empatou frente ao Belenenses 2-2, em jogo da 28.ª jornada da Liga NOS, com os leões a evitarem a primeira derrota no campeonato já no fase de descontos.No estádio José Alvalade, o avançado de Colombia Cassierra marcou os dois golos do Belenenses, aos 13 e 54, com João Mário a desperdiçar um penálti para o Sporting aos 42.Foi já perto do final que o Sporting conseguiu chegar ao empate, com um golo de Coates, aos 83, e outro de Jovane Cabral, aos 90+6, de grande penalidade.Com este empate, o Sporting, que ainda não perdeu no campeonato, estava na liderança do campeonato com 70 pontos, mas podia ver o FC Porto, segundo com 63, aproximar-se, pois somente entrava em campo na receção ao V. Guimarães.Já o Belenenses, que adicionou o terceiro jogo seguido sem perder, estava em 11.º lugar, com 31 pontos.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Se o Sporting não preparasse, amorim e a possível celebração do título: «Ficaríamos ofendidos «
>>>>>Porro ainda condicionado na preparação do Sporting para o Boavista – (ojogo-pt)
>>>>>Rúben Amorim: «Obviamente somos candidatos ao título. Quanto mais cedo, melhor…» – (ojogo-pt)
>>>>>»Sporting? Ganhei dois títulos e sei que vai ser um jogo de stress para eles» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 310 187 NONE 36 (tacit) nós: 31, nós: 1, nos: 4
2 eu 195 0 NONE 26 Eu: 1, (tacit) eu: 19, eu: 3, mim: 1, me: 2
3 Sporting 50 0 ORGANIZATION 14 o Sporting: 9, Sporting: 1, O líder Sporting: 1, (tacit) ele/ela (referent: O Sporting): 1, O Sporting: 2
4 jogo 160 50 NONE 13 um jogo complicado: 1, jogo: 5, um jogo muito difícil: 1, o jogo: 2, Jogo: 1, um bom jogo: 1, o terceiro jogo seguido: 1, um grande jogo: 1
5 o Boavista 0 0 PLACE 12 (tacit) ele/ela (referent: nosso Boavista): 1, (tacit) ele/ela (referent: Boavista): 1, Boavista: 1, o Boavista: 8, nosso Boavista: 1
6 título 40 0 NONE 8 o título: 7, o possível título: 1
7 campeonato 0 0 NONE 5 um campeonato: 2, o campeonato: 3
8 final 0 0 NONE 5 o final: 3, final: 2
9 jogadores 0 0 NONE 5 os jogadores: 4, Os jogadores: 1
10 pontos 0 0 NONE 5 70 pontos: 1, os pontos: 1, dois pontos: 1, três pontos: 2