Por: SentiLecto

Minuto 33 da final da Taça da Liga: Carlos Carvalhal, treinador bragançano, e Rúben Amorim veem o cartão vermelho depois de se envolverem numa troca de «bocas». Rúben Amorim é técnico do Sporting. Tiago Martins não perdoou e deu ordem de expulsão a ambos. Veja tudo no vídeo abaixo.

Carlos Carvalhal, treinador bragançana, depois da triunfo na meia-final da Taça da Liga, por 2-1, frente ao BenficaOs 100 anos: «Desejávamo bastante ganhar este jogo. O clube completou 100 anos há dias e desejávamo bastante dar esta prenda aos nossos adeptos, que infelizmente hoje não puderam estar presentes».Sobre o jogo: «Foi um jogo difícil perante uma equipa de top, das melhores no nosso contexto. Mas fizemos um grande jogo. Cheguei ao fim com a sensação de que ganhámos bem. Na primeira parte houve chances de um lado e de outro; na segunda parte, tirando uns dez minutos, jamais perdemos o controlo do jogo e conseguimos fazer o segundo golo, mandando pelo meio duas bolas ao poste. Justificámos o triunfo».Sobre Weigl: «Complicou-nos um pouco ter sido um terceiro médio. Ficámos um pouco surpreendidos, mas ao vermos a constituição da equipa do Benfica percebemos logo que isso poderia ocorrer. Falei antes com os jogadores sobre isso e, por isso, foi importante a ação do Fransérgio, a fazer de ponta de arremessa quando tínhamos a bola e depois de médio quando não a tínhamos, de modo a equilibrar. Foi por aí que equilibrámos o jogo, atuando com grande segurança».Sobre Paulinho: «O Paulinho vem de uma aparagem… Não sabíamos se estaria disponível para este jogo, mas ele declarou-me hoje que gostaria de estar pelo menos no banco e que se fosse necessário até entraria. Tinha essa vontade. Depois de dois treinos de readaptação, entrou bastante bem e nós estamos bastante satisfeitos com a conduta dele e dos outros».Sobre a final: «Vamo-nos preparar da melhor maneira para o jogo de sábado. Faremos a recuperação e já estamos habituados a isso. Gostaríamos de ter mais um dia para descansar, mas apostaremos tudo para vencer a Taça da Liga. Viemos para Leiria com hotel marcado até sábado, a pensar nisso. Faremos tudo o que estiver ao nosso escopo para ganhar. Não tem nada a ver com o Braga, mas desejo também mandar um abraço aos meus jogadores do Rio Ave na época passada, que mereciam estar nesta final four».Treinador conquistou a primeira edição da Taça da Liga e do outro lado estava o Sporting. Sandro recorda-se de «palestra emotiva».Se a Taça da Liga já não tem segredos para o Braga, com dois troféus arrecadados e ainda uma terceira ida à final , Carlos Carvalhal também não acaminhalonge desse cenário.Antes da final da Taça da Liga com o Sporting, Carlos Carvalhal voltou a desvalorizar os boatinhos sobre uma eventual saída do avançado.Sobre o interesse do Sporting em Paulinho: «Essa questão já faz parte do anedotário nacional, já ninguém liga. Faz-me recordar um jogador que no verão não veio para um determinado clube e encheu páginas de jornais.»Condição física de Paulinho: «Ele está disponível e está convidado. Amanhã [sábado] vai estar melhor do que no jogo com o Benfica.»Final com o Sporting: «Preparámo-nos bem e conhecemos bem o oponente. Temos a pretensão de vencer. O jogo do campeonato com o Sporting [derrota por 2-0] não vale absolutamente nada. O Sporting joga bem, tem um bom treinador e o Braga vai exibi uma equipa com característica e a esgrimir argumentos para vencer o jogo.»Diferenças em relação à derrota no campeonato : «Em relação ao jogo de Alvalade estamos mais equilibrados agora, porque temos mais oalternativas Estamos obviamente mais equilibrados, quando partimos para um jogo com todos os jogadores disponíveis.»

Na quarta-feira 06 de janeiro treinador bragançano esperava voltar aas vitórias frente ao Marítimo e mostrava-se cumprido com a impressão que a equipa tem deixadoSem tempo a perder, o Braga recebia já o Marítimo e vai tentar voltar aos vitórias depois da derrota em Alvalade, na última jornada. Carlos Carvalhal antevia obstáculos.»Não há um jogo fácil. As equipas têm bons jogadores e bons treinadores, como era o caso do Marítimo. Encontrou o percurso nos últimos jogos, tem conseguido resultados e estava à espera de um jogo difícil, frente a uma equipa boa e mbastantebem orientada», aassinalouo treinador, certo de que o Braga v vaiapresentar-se «mbastantefocado e com muita vontade de vencer o jogo».A equipa de Brasil continuava com um calendário bastante apertado, mas a dar uma boa resposta em todas as frentes, de acordo com Carvalhal. » ficava cumprido pelo registo e pelava característica de jogo que era ressaltada pela maior parte das pessoas, que declaravam que o Braga jogava bastante bem e que era das melhores equipas a jogar na I Liga. estávamo a trabalhar para que ocorram triunfos e para que haja também o lado qualitativo, da valorização dos jogadores. estávamo bem posicionados em diversas frentes.»Sobre as ausências com que se discutia, não havendo ainda a informação se o quarteto de jogadores atingido pela covid-19 podia estar disponível, o treinador preferia realçar que o quadro favorecia o aparecimento de outros desportistas. «Eu não lamentava ausências. era com os jogadores que estavam disponíveis que tínhamo que ganhar jogos. entraremos em mais um ciclo de jogos abominável, com um grupo pequeno e em que temos vindo a recrutar jogadores na equipa B e nos sub-23; o mesmo vai ocorrer amanhã. A equipa estava solidava e isso era bastante importante para conseguir ganhar.»

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Braga

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Veja o momento em que Carlos Carvalhal e Rúben Amorim são expulsos
>>>>>Carvalhal após vencer o Benfica: » Viemos para Leiria com hotel marcado até sábado» – January 20, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Carvalhal sobre surto de covid-19 no Benfica: «Estamos preparados para ir a jogo» – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Jorge Jesus testa negativo e vai estar no Braga-Benfica – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Exclusivo Salvador revela desejo a O JOGO: «Espero poder renovar com Carvalhal em breve» – (ojogo-pt)
>>>>>Exclusivo Carlos Carvalhal, o pioneiro da Taça da Liga: «Ele tem essa mania…» – (ojogo-pt)
>>>>>»Paulinho? Faz-me lembrar um jogador que não veio para um determinado clube…» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 448 0 NONE 34 nos: 2, nós: 1, (tacit) nós: 31
2 eu 60 0 NONE 11 (tacit) eu: 8, me: 2, Eu: 1
3 Paulinho 108 0 PERSON 10 Paulinho: 2, (tacit) ele/ela (referent: O Paulinho): 3, Ele (referent: Paulinho): 1, O Paulinho: 1, ele (referent: O Paulinho): 1, (tacit) ele/ela (referent: Paulinho): 2
4 jogo 85 50 NONE 9 um jogo: 1, o jogo: 4, um jogo fácil: 1, um grande jogo: 1, um jogo difícil: 1, este jogo: 1
5 Sporting 80 0 ORGANIZATION 6 o Sporting: 4, (tacit) ele/ela (referent: O Sporting): 1, O Sporting: 1
6 Carlos Carvalhal 0 40 PERSON 4 Carlos_Carvalhal: 3, Carlos_Carvalhal treinador de o Braga depois de a vitória em a meia-final de a Taça_da_Liga por 2-1 frente a o BenficaOs 100 anos: 1
7 equipa 140 0 NONE 4 uma equipa: 1, uma equipa boa: 1, A equipa bracarense: 1, A equipa: 1
8 treinador 60 0 NONE 3 o treinador: 2, Treinador: 1
9 era 0 0 NONE 3 era evidenciada: 1, era: 1, era muito importante: 1
10 final 0 0 NONE 3 Final: 1, a final: 2