Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Valdemar Costa Neto 7 de Junho de 2005

— O ex-deputado Valdemar Costa Neto participou nesta terça-feira da posse da nova ministra da Secretaria de Governo em uma cerimônia no Palácio do Planalto. O ex-deputado Valdemar Costa Neto é o presidente do PL. A posse da nova ministra da Secretaria de Governo é a deputada federal Flávia Arruda . Corrupção passiva condenou Valdemar e lavagem de dinheiro no caso do mensalão. Fechou-se A cerimônia em o jornalismo.Uma fotografia do acontecimento, publicada pelo líder do governo na Câmara, Ricardo Barros , mostra que Valdemar se sentar-se ao lado das principais autoridades presentes: o presidente Jair Bolsonaro Arthur Lira O presidente Jair Bolsonaro é o vice-presidente Hamilton Mourão. , e o ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, que também tomou posse nesta terça. Na semana passada, após a escolha de Flávia, Valdemar já havia visitado Bolsonaro, que segundo interlocutores de Valdemar, tratou-se de uma visita de cortesia estimulada pela indicação da deputada do partido aa posição, no Palácio da Alvorada. Se o condenou o ex-deputado a sete anos e dez meses de prisão. Faz 5 anos, ele recebeu um indulto de o Supremo Tribunal Federal, em 2016 após satisfazer cerca de dois anos e meio de a pena. A designação de Flávia Arruda marcou mais uma etapa da aproximação de Bolsonaro como Centrão, bloco de partidos que ele criticava na campanha eleitoral. Enquanto o PP ganhou a presidência da Câmara, o Republicanos ocupa desde fevereiro do Ministério da Cidadania, com João Roma , com o suporte de Bolsonaro.

— O governo do presidente Jair Bolsonaro adotou como prática nas últimas semanas fazer acontecimentos fechados para a posse de novos ministros. O modelo foi inaugurado na chegada de Marcelo Queiroga ao Ministério da Saúde, há duas semanas, e continuou com os ministros que assumiram após a reforma ministerial feita na semana passada. Marcadas para esta terça-feira, a posse deles aconteceria primeiro em um acontecimento aberto; depois, em cerimônia fechada, mas com transmissão. Por fim, foi anunciado que o acontecimento não vai ter transmissão. A prática acontece em meio ao pior momento da pandemia de Covid-19 no Brasil. Entretanto, após ter reduzido sua presença em acontecimentos oficiais, Bolsonaro participou na segunda-feira da entrega de imóveis no Distrito Federal. Na quarta-feira, tem compromissos calculados em três estados diferentes. Faz 1 mês, Marcelo Queiroga tomou posse como ministro de a Saúde, uma semana após ter sido anunciado em o posição, em o dia 23 de março. A posse aconteceu em uma cerimônia reservada no Palácio do Planalto, sem divulgação prévia àoijornalismo e antes mesmo da designação ter sido publicada no Diário Oficial da União . Enquanto André Mendonça tomou posse na Advocacia-Geral da União, na semana passada, um dia após o anúncio da reforma ministerial, Anderson Torres tomou posse no Ministério da Justiça. Se divulgaram as cerimônias também só posteriormente. Na segunda-feira, o governo federal anunciou para esta terça uma cerimônia de posse de sete ministros, incluindo os que tiveram cerimônias reservadas. Inicialmente, o acontecimento seria aberto e aconteceria no Salão Nobre do Planalto. Se o anunciou em seguida, que a cerimônia aconteceria em a Sala de Audiência e seria fechada, mas com transmissão. Na manhã desta terça, no entanto, no horário marcado para o começo, foi informado que não haveria transmissão. Também tomariam posse Luiz Eduardo Ramos , Walter Braga Netto , Carlos Alberto França e Flávia Arruda . Tradicionalmente, mesmo durante a pandemia, as posse de novos ministros acontecem em acontecimentos abertos no Planalto, que contam com dezenas de convidados. Em geral tanto o ministro que se despede da posição quanto o que assume discursam, além do presidente. Faz 2 meses, a última posse em este formato foi a de Onyx Lorenzoni em a Secretaria-Geral e de João Roma em o Ministério da Cidadania.

Na segunda-feira 29 de março pressionado pelo Congresso, o presidente Jair Bolsonaro fez a sua primeira reforma ministerial após mais de dois anos de governo. De uma única vez, fez seis mudanças em alguns dos seus principais ministérios e sacramentou a entrada do Centrão no Palácio do Planalto.

Valdemar Costa Neto é um gerente de companhias e político brasileiro, filiado ao Partido Liberal .

Flávia Carolina Peres, mais conhecida como Flávia Arruda é uma empresária, advogada e política de Brasil, filiada ao Partido Liberal.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Brazil

Cities: Alvorada

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Condenado no mensalão participa de posse de nova ministra do governo Bolsonaro
>>>>>Governo Bolsonaro adota modelo de posse reservada para novos ministros – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 posse 0 0 NONE 6 A posse: 1, posse: 4, A última posse: 1
2 Bolsonaro 0 60 ORGANIZATION 5 visitado Bolsonaro: 2, ele (referent: visitado Bolsonaro): 2, (tacit) ele (referent: visitado Bolsonaro): 1
3 Valdemar 0 60 PERSON 5 Valdemar: 3, o ex-deputado Valdemar_Costa_Neto (apposition: O presidente de o PL): 1, Valdemar_Costa_Neto: 1
4 Jair Bolsonaro 0 30 PERSON 4 Bolsonaro: 1, o presidente Jair_Bolsonaro: 1, o presidente Jair_Bolsonaro (apposition: o vice-presidente Hamilton_Mourão, o presidente de a Câmara): 1, (tacit) ele/ela (referent: Bolsonaro): 1
5 posse Luiz_Eduardo_Ramos Walter_Braga_Netto Carlos_Alberto_França e Flávia_Arruda 0 0 PERSON 4 posse Luiz_Eduardo_Ramos Walter_Braga_Netto Carlos_Alberto_França e Flávia_Arruda: 1, (tacit) eles/elas (referent: posse Luiz_Eduardo_Ramos Walter_Braga_Netto Carlos_Alberto_França e Flávia_Arruda): 3
6 transmissão 0 0 NONE 4 transmissão: 4
7 evento 80 0 NONE 3 um evento aberto: 1, o evento: 2
8 cargo 0 0 NONE 3 o cargo: 3
9 cerimônia 0 0 NONE 3 uma cerimônia reservada: 1, cerimônia fechada: 1, uma cerimônia: 1
10 o Palácio_do_Planalto 0 0 PLACE 3 o Palácio_do_Planalto: 3