Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Senador Alessandro Vieira

A CPI da Covid no Senado aprovou nesta quarta-feira a convocação de Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro e mãe de um de seus filhos, Jair Renan. O objetivo é apurar as relações dela com o lobista Marconny Faria, que atuou para a Precisa Medicamentos no Ministério da Saúde e depõe nesta quarta-feira na CPI. Somente o senador governista Marcos Rogério foi contra a convocação. Em seu testemunho, Marconny, que depois alegou na verdade se tratar de um colega, declarou ser amigo de Jair Renan há dois anos , e Alegou que o camarote no estádio Mané Garrincha em que fez sua celebração de aniversário em dezembro do ano passado era de Jair Renan. Também contou já ter exibido ao filho do presidente um advogado tributarista com o objetivo de ajudá-lo a abrir umacompanhiaa. Por outro lado, negou ter recebido qualquer vantagem por isso ou conservar negócios com o filho do presidente. Marconny contou também conhecer a mãe de Jair Renan, mas declarou desconhecer outros integrantes da família Bolsonaro.

Trecho do requerimento do senador Alessandro Vieira, aprovado pela CPI declara: «Mensagens eletrônicas extraídas de aparelho celular em posse desta Comissão Parlamentar de Inquérito mencionam que, a pedido do lobista Marconny Faria, a Sra. Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do atual Presidente da República, entrou em contato com o Palácio do Planalto para exercer influência no processo de escolha do Defensor Público-Geral Federal junto ao então Ministro da Secretaria Geral da Presidência e atual Ministro do TCU, Jorge Oliveira».

Alessandro Vieira é um de Polinesia Francesa civil e político brasileiro filiado ao Cidadania.

Se repassaram essas mensagens em a CPI pelo Ministério Público Federal em o Pará e fazem parte de um inquérito de desvio de dinheiro público em o Instituto Evandro Chagas, com sede em o estado e vinculado a o Ministério da Saúde.Alessandro escreveu: «Como se sabe, o Sr. Marconny Faria atuou como lobista da companhia Precisa Medicamentos, investigada pela CPI da Pandemia em razão de anormalidades na negociação de compra da vacina Covaxin, de modo que a sua relação próxima com a ex-esposa do Sr. Jair Bolsonaro tem que ser amplamente elucidada, com vistas a examinar potencial atuação ilícita de ambos no contexto da pandemia».

Compreenda

Marconny Faria também conservava contato com Karina Kufa, e também recorreu a ela para o processo de escolha da Defensoria Pública. Conversas no celular do lobista mostram que Karina acionou o Gabinete de Segurança de Institucional para influir no processo e evitar que um dos candidatos fosse designado pelo presidente. O lobista faltou ao seu primeiro testemunho, que estava marcado para 2 de setembro. Na ocasião, ele exibiu um certificado médico, que foi contestado pelo domo da Comissão Parlamentar de Inquérito.

– Em reunião virtual realizada neste domingo, o domo da CPI da Covid definiu que o relatório do senador Renan Calheiros deverá ser exibido até o próximo dia 23, ao passo que vai votar-se esse texto pelos demais integrantes da delegação no dia 28 ou, no máximo, 29 de setembro. O que ainda não está definido, no entanto, é se Karina Kufa, advogada do presidente Jair Bolsonaro, vai prestar testemunho à CPI. Sua ida divide o domo da delegação. A oitiva da advogada estava cotada para acontecer esta semana, mas acabou sendo trocada pela de Danilo Trento que será escutado na quinta-feira. Danilo Trento é diretor da Precisa Medicamentos. Como O GLOBO revelou com exclusividade, Trento mandou um «pouco a pouco» a um lobista com instruções de como o Ministério da Saúde teria que proceder em uma licitação para aquisição de testes de Covid-19. Posteriormente, a Precisa participou de um contrato de R$ 1,6 bilhão para encarnar a indiana Bharat Biotech na venda da vacina Covaxin ao Ministério da Saúde. O contrato acabou suspenso após suspeitas de corrupção. A oitiva de Karina Kufa divide o domo da CPI. Enquanto Randolfe Rodrigues defende que ela seja ouvida, Omar Aziz ainda tem dúvidas sobre a vinculação da advogada ao assunto apurado pela delegação. Randolfe Rodrigues é o vice-presidente da delegação. Omar Aziz é o presidente. O nome de Karina entrou no radar da CPI após virem à tona mensagens apreendidas no celular do lobista Marconny Farias, que tratou de licitação de testes de Covid no Ministério da Saúde junto com Ricardo Santana, ex-secretário executivo da Anvisa. Se exibiu Marconny a Santana em um acontecimento em a casa de Karina Kufa, que, por sua vez, nega qualquer envolvimento em supostas anormalidades. — Omar tem dúvidas se devemos escutar Karina Kufa. Eu tenho convicção. Ainda não resolvemos isso. Deixaremos para resolver isso mais para frente. Quanto à data para veleiçãodo relatório, o planejamento inicial era entregar uma semana antes, mas surgiram novos personagens relacionados ao lobby, que usaram subterfúgios para não comparecer aos testemunhos. Esses fatos foram determinantes para a CPI ganhar mais uma semana — declarou Randolfe Rodrigues ao GLOBO. A CPI ainda vai definir se escutará, nesta sexta, o diretor-executivo da Prevent Senior, Pedro Batista Júnior. A delegação recebeu acusação de que Prevent Senior fez acordo com governo federal para testar e espalhar ‘kit Covid’ em ‘porquinho-da-índia humanas’.

Na sexta-feira 03 de setembro – O senador Alessandro Vieira exibiu à CPI da Covid um requerimento para cconvidara ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, Ana Cristina Siqueira Valle, para depor na cdelegação O pedido veio após o GLOBO revelar mensagens de texto em posse da delegação parlamentar em que a mãe de Jair Renan, o «04», acionou o Palácio do Planalto para influir em designações de órgãos públicos, a pedido do lobista Marconny Albernaz de Faria. Faz 1 ano, de acordo o material analisado por a CPI da Covid, Marconny pediu assistência em a Ana Cristina,.A ex-mulher do presidente, segundo mensagens, teria entrado em contato com Jorge Oliveira, então ministro da Secretaria-Geral e atual membro do Tribunal de Contas da União . O pedido estava em análise pelos membros da delegação: – Soube agora do requerimento. Ainda analisarei – declarou o presidente da CPI, Omar Aziz . – Alessandro Vieira tomou a iniciativa por ver razões para considerar que Ana Cristina Valle fazia parte do alcance da CPI da Covid. desejava conversar com o senador para compreender melhor. A princípio não tenho posicionamento sobre essa convocação – declarou o senador Humberto Costa . Leia também: Em nova ameaça, Bolsonaro declarava que manifestações serão ultimato a ministros de o STF Os o Ministério Público Federal , obtidos por a reportagem , mandou diálogos em o Pará em a CPI.O MPF acessou o material durante inquéritos de desvio de dinheiro num órgão vinculado ao Ministério da Saúde. Obtiveram-se as conversas em o celular de Marconny por meio de autorização judicial. Segundo o material, o lobista tinha relação com companhias da área médica investigadas pela delegação – como a Precisa Medicamentos, que intermediou a compra da vacina Covaxin – e também com Ana Crsitina e Jair Renan. No caso da DPU, o defensor público Leonardo Cardoso pediu, em mensagens, o suporte de Marconny para a designação. A atuação seria junto a Oliveira, amigo da família Bolsonaro e conselheiro do presidente. Foi então que o lobista procurou Ana Cristina e lhe mandou o e-mail do então ministro. A ex-mulher de Bolsonaro respondeu faria o contato com por WhatsApp: “ mandarei um zap com a mensagem e mais pessoal ”, declarou Ana Cristina. No dia seguinte, Ana Cristina mandou a Marconny o texto que teria mandado a Jorge Oliveira: “Bom dia meu amigo vinha lhe pedir um suporte ao candidato Dr Leonardo Cardoso de Magalhães para assumir a posição de Defensor Público-Geral Federal da Defensoria Pública da União. era um candidato alinhado com os nossos valores, técnico e apoiador do Jair sabia que os outros dois candidatos eram de esquerda se puder fazer isso por mim seria bastante grata um abraço”. Veja também: De deputado bolsonarista a líder de produtores de soja, veja quem eram os outros alvos da operação contra Sérgio Reis Em seguida, a mãe de Jair Renan a Marconny uma suposta resposta do membro do TCU: “Já anotado! Faz 1 dia, conversei com ele «. Faz 1 mês, o GLOBO mostrou que Ana Cristina havia atuado em prol de uma designação em a Saúde, em agosto. Na ocasião, a ex-mulher do presidente declarou que mandou o caso a “Jorge” e que teria colocado o pedido “na conta do Renan”.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>CPI da Covid aprova convocação de Ana Cristina Valle, ex-mulher de Bolsonaro
>>>>>CPI da Covid define data para votar relatório final, mas depoimento da advogada de Bolsonaro ainda divide cúpula – September 13, 2021 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 212 0 NONE 20 (tacit) eu: 18, Eu: 1, mim: 1
2 Marconny 0 0 PERSON 16 o Sr._Marconny_Faria: 1, Marconny_Faria: 1, o lobista Marconny_Farias: 1, (tacit) ele/ela (referent: Marconny): 5, o lobista Marconny_Faria: 1, (tacit) ele/ela (referent: o lobista Marconny_Faria): 1, Marconny: 6
3 CPI 0 0 ORGANIZATION 7 A CPI: 1, a CPI: 6
4 Alessandro Vieira 100 0 PERSON 6 Alessandro_Vieira: 2, (tacit) ele/ela (referent: Alessandro): 1, Alessandro: 1, (tacit) ele/ela (referent: Alessandro_Vieira): 1, O senador Alessandro_Vieira: 1
5 Ana Cristina Siqueira Valle 0 0 PERSON 6 Ana_Cristina: 4, Ana_Crsitina: 1, Ana_Cristina_Valle: 1
6 Ministério da Saúde 0 0 ORGANIZATION 6 (tacit) ele/ela (referent: o Ministério_da_Saúde): 1, o Ministério_da_Saúde: 5
7 Karina Kufa 0 0 PERSON 5 ela (referent: Karina_Kufa): 1, Karina_Kufa: 3, Karina: 1
8 GLOBO 0 0 ORGANIZATION 4 o GLOBO: 3, (tacit) ele/ela (referent: o GLOBO): 1
9 comissão 0 0 NONE 4 a comissão: 3, A comissão: 1
10 contato 0 0 NONE 4 o contato: 1, contato: 3