Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Hélio Negão e Jair Bolsonaro

Esta segunda-feira ue o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal , «aguarda o momento» para «aplicar uma sanção restritiva» contra ele. firmou: — O presidente Jair Bolsonaro, que deu a declaração em entrevista à rádio Fonte FM, de Goiás, ao ser questionado sobre sua fala de que lhe resta «estar preso, ser morto ou aovtriunfo,.Investiga-se Bolsonaro em a investigação de as fake news, relatado por Moraes. O presidente declarou que há uma «pressão bastante grande»: — Eu desejou declarar que está uma pressão bastante grande. Quando a gente fala em voto eletrônico, você pode ver , voto impresso, passou a ser crime. Passou a ser crime, quando você fala em tratamento precoce. De acordo com Bolsonaro, Moraes pode aplicar uma «sanção restritiva» quando ele deixar o governo: — E o ministro Alexandre de Moraes me colocou na investigação das fake news, o investigação do fim do mundo. Investigação sem participação do Ministério Público. O que eles desejam com isso aí? Aguardar o momento para me aplicar uma sanção restritiva, quem sabe quando eu deixar o governo lá na frente.

— Em meio à crise institucional, o Supremo Tribunal Federal começa a julgar no próximo dia 3 de setembro a ação aexibidapelo presidente Jair Bolsonaro contra o bloqueio de perfis nas redes sociais apoiadores de seu governo determinado por dresoluçãode junho de 2020 do ministro Alexandre de Moraes. O ministro Edson Fachin marcou o julgamento , relator de a ação, e vai acontecer no plenário virtual — onde não há discussão entre os ministros, que somente exibem seus votos. Em 17 dias, por acontecer em o ambiente virtual, a análise de o processo se vai estender. Leia mais: No Dia do Soldado, comandante do Exército diz que militares devem ser ‘inspiradores de paz, liberdade e democracia’ A solicitação, assinada pelo próprio Bolsonaro, ocorreu um dia após contas de blogueiros, empresários, ativistas e políticos bolsonaristas serem suspensas pelo Twitter e Facebook, por decisão do ministro Alexandre de Moraes. Entre os alvos da resolução de Moraes estavam os blogueiros Allan dos Santos e Bernardo Kuster, os empresários Luciano Hang e Edgar Corona, a extremista Sara Giromini, e o ex-deputado federal Roberto Jefferson, presidente do PTB — este preso por resolução do ministro no último dia 13 de agosto. No pedido, o governo argumenta que «o bloqueio ou a suspensão de perfil em rede social priva o cidadão de que sua opinião possa chegar ao grande público, ecoando sua voz de modo abrangente. Nos dias atuais, na prática, é como privar o cidadão de falar». Veja também: Barroso declara que não vê condições para golpe no Brasil Em outro trecho, declara que «não se está a defender a prática de ilícitos penais. Ao contrário, o que se busca é que se faça cessar os ilícitos sem que seja imposta medida desproporcional ao exercício das liberdades públicas». Ainda de acordo com a abaixo-assinado, a «internet e as redes sociais proporcionam uma verdadeira e extensa ágora virtual, o que revela e potencializa as nossas virtudes e obstáculos. Por isso mesmo, há quem selecione percursos construtivos, mas há, também, quem escolha percursos diversos.— O ministro do Supremo Tribunal Federal Edson Fachin, arquivou nesta quarta-feira os pedidos do presidente Jair Bolsonaro e dos partidos que questionavam o artigo do batalhão interno da Corte que permite a abertura de inquéritos de profissão, ou seja, sem passar pela Procuradoria-Geral da República , como é o caso da investigação das fake news. A ação foi exibida na última quinta-feira pelo presidente em meio à crise institucional gerada pelas ameaças de apresentação de pedidos de impeachment contra os ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes — que se concretizou na última sexta-feira. «A discordância, portanto, já encontrou a devida conformação no âmbito da jurisdição constitucional concentrada no julgamento da ADPF n. 572, de minha relatoria, j. 18.06.2020, não se revelando mais nova ADPF como meio necessário e eficaz para sanar a lesividade afirmada», declarou o ministro na resolução, recordando que a investigação de as fake resolução validou news de o plenário. Matéria em atualização- O presidente JairLuís Roberto Barroso que também é presidente do Tribunal Superior Eleitoral . Luís Roberto Barroso é o pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal . Luís Roberto Barroso é o pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal . Auxiliares e aliados que tentam contornar a crise, porém, não tratam a sinalização como uma desistência. Isso porque, nos últimos dias, o presidente, apesar dos pedidos, tem conservado o nervosismo em alta temperatura e a postura de confronto. Após exibi o pedido de impeachment do ministro Alexandre de Moraes na última sexta-feira, Bolsonaro prometeu encarnar contra Barroso com quem frear um combate, questionando, sem provas, a segurança das urnas eletrônicas. Se aconselhou o presidente antes de a resolução de de o Senado, Rodrigo Pacheco, arquivar o pedido de impeachment de Bolsonaro contra o ministro de o STF Alexandre de Moraes, a esperar antes de tomar outra atitude que aumentasse a crise.

Na sábado 21 de agosto o ex-presidente do Senado Davi Alcolumbre classificou como «grave afronta» o pedido de impeachment, protocoloado pelo presidente Jair Bolsonaro, do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal . Em conversa com interlocutores escutados pelo GLOBO, Davi alegou que, diante da ofensiva de Bolsonaro, não vai mais pautar, como presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, a indicação de André Mendonça, atual advogado-geral da União, ao STF.

Jair Messias Bolsonaro é um capitão reformado, político e atual presidente brasileiro.

Situa-se na Região Centro-Oeste do país, no Planalto Central de Brasil.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Investigado, Bolsonaro alega que Moraes aguarda momento para ‘aplicar uma sanção restritiva’
>>>>>STF julga em setembro ação de Bolsonaro contra bloqueio de perfis de apoiadores nas redes sociais – August 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>PF quer realizar novos depoimentos em inquérito que apura suposta interferência de Bolsonaro na corporação – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Presidente do Senado diz que não vê fundamentos para impeachment de ministro do STF – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Em nota, STF repudia pedido de impeachment de Bolsonaro contra Moraes – August 20, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Mourão faz críticas ao STF e diz que considera ‘difícil’ Senado aceitar pedido de impeachment de ministros anunciado por Bolsonaro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Pacheco diz que processo de impeachment de ministros do STF ‘não é recomendável’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Celso de Mello avalia como ‘inconsequentes’ as ameaças de impeachment de ministros do STF feitas por Bolsonaro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Fachin arquiva pedido de Bolsonaro para proibir STF de abrir inquérito sem aval do MP – August 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Bolsonaro diz que fará pedido de impeachment de Barroso ‘nos próximos dias’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Aliados dizem a Bolsonaro que argumentos para impeachment de Barroso são mais frágeis que os contra Moraes – August 26, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Em meio a crise institucional, governadores querem encontro com Bolsonaro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Alexandre de Moraes autoriza novos depoimentos em inquérito que apura interferência de Bolsonaro na PF – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>OAB aprova parecer contra pedido de impeachment de Alexandre de Moraes feito por Bolsonaro – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Jair Bolsonaro 0 0 PERSON 8 O presidente Jair_Bolsonaro de Goiás: 2, Bolsonaro: 3, o presidente Jair_Bolsonaro: 2, O presidente Jair_Bolsonaro: 1
2 eu 40 160 NONE 6 Eu: 1, me: 1, (tacit) eu: 4
3 Alexandre de Moraes 60 0 PERSON 5 o ministro Alexandre_de_Moraes: 2, o ministro Alexandre_de_Moraes de o Supremo_Tribunal_Federal: 2, Alexandre_de_Moraes: 1
4 presidente 50 0 NONE 5 O presidente: 1, o presidente: 4
5 Luís Roberto Barroso 0 0 PERSON 4 Luís_Roberto_Barroso (apposition: o pedido de impeachment de o ministro de o Supremo_Tribunal_Federal): 2, Barroso: 2
6 crise 0 0 NONE 4 a crise institucional: 2, a crise: 2
7 news 0 0 OTHER 4 news: 4
8 meio 140 0 NONE 3 meio necessário e eficaz: 1, meio: 2
9 Auxiliares e aliados 0 0 PERSON 3 Auxiliares e aliados: 2, (tacit) eles/elas (referent: Auxiliares e aliados): 1
10 Moraes 0 0 PERSON 3 Moraes: 3