Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Astrahassleentrance

Mais 10 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford estão sendo negociadas pela Fundação Oswaldo Cruz com o Instituto Serum, da Índia, e têm que chegar ao Brasil em fevereiro. Confirmou-se a informação em a CNN por Suresh Jadhav, um de os diretores-executivo de o instituto.

AstraZeneca Plc é um conglomerado farmacêutico anglo-sueco instituído em 6 de abril de 1999 pela fusão da empresa de Suecia Astra AB e da britânica Zeneca Group.

Segundo o diretor, a prioridade indiana são os países vizinhos e outros que não tiveram acesso à vacina, mas tem que levar uma semana para que as novas doses cheguem ao Brasil, no mais demorar até fevereiro, quando essa necessidade for suprida.

Diplomatas do Itamaraty avaliam que o canal de diálogo com o país e com a China está «obstruído» em função do alinhamento brasileiro aos Estados Unidos em tratativas sobre patentes na Organização Mundial do Comércio , como reportou O Globo.

Na terça-feira 05 de janeiro a Fundação Oswaldo Cruz divulgou que a importação da vacina contra Covid-19 desenvolvida pela Oxford/AstraZeneca e produzida pelo Instituto Serum, na Índia, custaria US$ 5,25 a dose. Com isso, as 2 milhões de vacinas prontas que serão encomendadas custaria cerca de R$ 59,4 milhões — o valor incluía, além da compra, os preços com a operação , armazenagem e transporte das vacinas.

Jadhav alegou que as negociações estão em um estágio progredido e envolvem questões de distribuição e transporte. O pedido foi feito na semana passada, mas a Fiocruz já havia comunicado o Instituto Serum sobre o interesse há cerca de 15 dias, e conserva contato diário com o setor de exportação, segundo o diretor.

A Fiocruz alegou em nota, nesta segunda-feira , que tem negociado doses prontas complementares com o Instituto Serum, além dos 2 milhões de vacinas entregues ao Programa Nacional de Imunizações no sábado , mas não especificou quantidades ou datas.

«A negociação segue em andamento e ainda não há um quantitativo acertado. O processo conta com o suporte do governo indiano e da AstraZeneca, que vem cooperando em todo o esforço de antecipação das vacinas frente àosdobstáculosaalfandegáriospara exportação do IFA na China», informou a Fundação.

Com relação ao IFA, Ingrediente Farmacêutico Ativo necessário para a fabricação de doses da vacina, a Fiocruz afirmou que no acordo com a AstraZeneca está previsto o envio de 14 lotes de insumos para a produção de 7,5 milhões de doses, com intervalo de duas semanas entre cada remessa. Para janeiro, a previsão era de receber dois lotes.

Faz 1 mês, o Brasil firmou, via Fiocruz, um acordo com o Serum Institute of India para o envio de dois milhões de doses prontas de o imunizante de a AstraZeneca, em a margem de o acordo que o país selou com a farmacêutica britânica que calcula a produção nacional,, em dezembro.A intenção era agilizar a imunização do país, e a utilização emergencial do aporte de doses recebeu autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária .

A Fiocruz declarou que há uma sinalização de envio da carga no dia 8 de fevereiro, mas ainda sem confirmação, «já que a permissão para exportação, a ser concedida pelas autoridades chinesas, segue pendente».

Depois de serem descarregados, os imunizantes foram levados em caminhões escoltados por policiais federais à Fiocruz, que fica a aproximadamente sete quilômetros da Base Aérea do Galeão.— A preocupação com a chegada do IFA está nos consumindo. A perspectiva é de receber por volta do dia 8 de fevereiro, mas ainda não temos uma data definida. Essa questão passa por muitas etapas e não sabemos quanto tempo pode levar. A expectativa era que fosse um fase mais curto — alegou Nísia Trindade.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: India, China, Brazil

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Mais 10 milhões de doses da vacina de Oxford têm que chegar ao Brasil em fevereiro, declara executivo
>>>>>Incêndio afeta fábrica de vacinas indiana responsável por doses destinadas ao Brasil – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Fiocruz libera doses da vacina de Oxford/AstraZeneca na tarde deste sábado – January 23, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Vacinas de Oxford chegam ao aeroporto do Rio – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Covid-19: vacinas de Oxford chegam ao aeroporto do Rio – (Extraoglobo-pt)
>>>>>‘Quando vacinarmos 70% da população poderemos comemorar’, diz Margareth Dalcolmo após receber imunizante de Oxford – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 2 0 NONE 4 (tacit) eu: 4
2 Fiocruz 0 0 ORGANIZATION 4 a Fiocruz: 1, A Fiocruz: 2, (tacit) ele/ela (referent: A Fiocruz): 1
3 Instituto Serum 0 0 ORGANIZATION 4 o Instituto_Serum: 4
4 doses 0 0 NONE 4 doses prontas adicionais: 1, as novas doses: 1, doses: 2
5 AstraZeneca 80 0 ORGANIZATION 3 a AstraZeneca: 3
6 nós 0 0 NONE 3 (tacit) nós: 2, nos: 1
7 o Brasil 0 0 PLACE 3 o Brasil: 3
8 expectativa 100 0 NONE 2 A expectativa era: 2
9 acordo 60 0 NONE 2 um acordo: 1, o acordo: 1
10 esta 50 0 NONE 2 esta: 2