Por: SentiLecto

Estes são links externos e vão abrir numa nova janela

Michel Aoun alegou que uma substância chamada nitrato de amônio, utilizada como fertilizante e em materiais explosivos, pode ter provocado a mega-explosão que deixou dezenas de mortos e milhares de feridos em Beirute, capital do país. Michel Aoun é o presidente líbico.

De acordo com a agência de notícias AFP, fontes ligadas à área de segurança aalegamque há dezenas de feridos.Mais informações em instantes.

Aoun alegou ser «inadmissível» que 2.750 toneladas do composto fossem estocadas em um depósito, sem a segurança necessária.

Um inquérito está em andamento para encontrar o gatilho exato da explosão. O Conselho Supremo de Defesa do Líbano alegou que os culpados enfrentarão a «penalização máxima» possível.

Hassan Diab alegou que o depósito onde o nitrato de amônio estava armazenado existia desde 2014 Hassan Diab é o primeiro-ministro do país., e que as autoridades vão investigar a situação de o local.

Mas o que é nitrato de amônio e como ele pode provocar uma explosão tão devastadora?

«O nitrato de amônio é um dos fertilizantes mais utilizados na agricultura no mundo completo. Explica Reinaldo Bazito, professor de o Instituto de Química da Universidade de São Paulo, se o utiliza também em a fabricação de explosivos «.

A substância pode ser usada na produção de explosivos e bombas.

Bazito declara: «Ele é um explosivo extremamente potente».

Estoca-se o nitrato de amônio segundo o professor, normalmente em grandes quantidades, pois a substância atende a uma grande procura da agricultura por fertilizantes.

Explica: «Ele é importante porque fornece uma necessidade básica das plantas, que são os nutrientes NPK, sigla para nitrogênio, fósforo e potássio».

Bazito alega que o fertilizante não exibe grandes riscos se armazenado de forma segura.

«Ele não estoura sozinho. É preciso um gatilho bastante grande para que uma explosão aconteça. No caso do Líbano, se for isso que ocorreu, acredito que a explosão pode ter sido provocada pelo incêndio que estava acontecendo antes», explica.

Uma forte explosão atingiu a capital líbica, Beirute, nesta terça-feira .Segundo os relatos, ela aconteceu na área portuária da cidade. Vídeos mostram uma enorme nuvem em formato de cogumelo sendo formada após a explosão, além de uma enorme devastação.

Para armazenar o elemento de forma segura, declara Bazito, «são necessárias cautelas contra incêndio.»

«Os armazéns precisam ser feitos de tal forma que não haja acúmulo de nitrato de amônio. É preciso garantir que não haja ‘pontos quentes’ no material estocado, evitando a decomposição térmica», alega.

Para Luiz Carlos Dias, professor do instituto de química da Universidade de Campinas , armazenar o produto em casa não provoca grandes riscos, a menos que ele seja exposto a altas temperaturas.

«É necessária uma combustão para acontecer a explosão. Se havia uma grande quantidade do produto armazenado, uma temperatura acima de 300 graus pode o tornar explosivo. Um incêndio atinge essa temperatura facilmente», alega.

Já Bazito declara que seguir a legislação e cautelas básicas bastam para estocar o produto sem correr riscos.

«Ele é um material seguro se armazenado de forma adaptada, conforme a legislação e regras relevantes, para evitar incêndios e explosão em caso de incêndio. É pequeno, proporcionalmente», alega, embora haja casos de explosões, o número de acidentes em relação à quantidade de vezes que ele é uusadoe transportado no mundo.O nitrato de amônio já provocou algumas explosões trágicas.

Uma delas aconteceu no estado de America do Texas, em 16 de abril de 1947. Depois que um incêndio em um navio provocou a explosão de cerca de 2.000 toneladas de nitrato de amônio, na ocasião, 581 pessoas faleceram. Considerou-se o caso uma de as mais potentes explosões não-nucleares de a história.

Faz 25 anos, dois extremistas de America utilizaram a mesma substância, estocada em uma van, para estourar parte de um edifício em a cidade de Oklahoma em os Estados Unidos, também, em 1995. No total, 168 pessoas faleceram e 680 ficaram feridas.

O atentado, cometido por Timothy McVeigh e seu cúmplice, Terry Nichols, foi um dos mais traumáticos da história dos Estados Unidos.

«Terroristas mesclam com óleo e estouram utilizando um detonador. Quando se combinou o nitrato de amônio, foi assim em Oklahoma com com nitrometano. E também durante um ataque em Oslo «, alegou Luiz Carlos Dias, da Unicamp.

Faz 5 anos, equívocos em a armazenagem de nitrato de amônio também provocaram explosões em a cidade de Tianjin, em a China, matando 173 pessoas, em 2015.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no ? Inscreva-se no nosso canal!

Final de YouTube post de BBC News Brasil

Final de YouTube post 3 de BBC News Brasil

Fonte: BBCBrasil-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: China, United States, Norway, Lebanon

Cities: Tianjin, Oslo

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>O que é nitrato de amônio, principal ‘suspeito’ de ter provocado megaexplosão em Beirute
>>>>>Megaexplosão lança ‘nuvem cogumelo’ no céu de Beirute, no Líbano – August 04, 2020 (BBCBrasil-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Reinaldo Bazito 80 0 PERSON 8 (tacit) ele/ela (referent: Bazito): 1, Bazito: 4, Reinaldo_Bazito: 1, Ele (referent: Bazito): 2
2 explosão 80 45 NONE 7 uma explosão tão devastadora: 1, a explosão: 3, Uma forte explosão: 1, uma explosão: 1, explosão: 1
3 incêndio 0 0 NONE 5 Um incêndio: 1, incêndio: 1, o incêndio: 2, um incêndio: 1
4 o nitrato de amônio 0 0 NONE 5 o nitrato de amônio: 3, O nitrato de amônio: 2
5 substância 0 0 NONE 4 a substância: 1, substância: 1, uma substância chamada: 1, A substância: 1
6 pessoas 0 210 NONE 3 581 pessoas: 1, 173 pessoas: 1, 168 pessoas: 1
7 Michel Aoun 0 0 PERSON 3 Aoun: 2, Michel_Aoun (apposition: O presidente de o Líbano): 1
8 mega-explosão 0 240 NONE 2 a mega-explosão: 2
9 explosivos 0 160 NONE 2 materiais explosivos: 1, explosivos: 1
10 explosões 0 90 NONE 2 algumas explosões trágicas: 1, explosões: 1