Por: SentiLecto

O Iraque interrompeu a permissão da agência de notícias Reuters após publicação de reportagem declarando que o número de casos confirmados de Covid-19 no país era maior do que o relatado oficialmente. O regulador de mídia iraquiano que «, alegou a agência em comunicado, alegou que estava revogando a permissão da Reuters por três meses e impôs multa de 25 milhões de dinares pelo que declarou ser violação das normas de transmissão da mídia. Em uma carta à Reuters, a Comissão de Comunicações e Mídia informou que tomou a medida «porque esse atemaestá oacontecendonas circunstâncias atuais que têm sérias repercussões na saúde e segurança da sociedade».

A Reuters declarou lamentar a resolução das autoridades de Iran e que conserva a reportagem, que se baseou em várias fontes médicas e políticas bem posicionadas, e que incluiu completamente a posição iraquiana.

Faz 12 dias, a reportagem de a Reuters mencionou três médicos envolvidos em o processo de testes, um funcionário de o Ministério da Saúde e uma autoridade política de alto escalão declarando que o Iraque tinha milhares de casos confirmados de Covid-19, muitas vezes mais do que os 772 divulgados publicamente em aquele momento.

– O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira que o número de casos confirmados do novo coronavírus no país subiu para 19.638 e que o número de mortos atingiu 1.057. O número de mortos atribuído pelo ministério ao vírus aumentou em 116 nesta sexta-feia em relação ao informado na véspera, confirmando tendência verificada desde terça-feira de mais de 100 óbitos registrados por dia. O número de novas infecções confirmadas subiram em 1.781, abaixo das 1.930 de quinta-feira e das 2.210 de quarta-feira. Até quinta-feira, o Brasil havia realizado quase 63 mil testes de detecção do novo coronavírus e tinha cerca de 127 mil casos pendentes de verificação, segundo dados do ministério, que rebateu críticas ao procedimento de testagem e declarou que o trabalho é satisfatório na comparação com os demais países. O ministério informou na ocasião que o Brasil já tinha recebido até quinta-feira 905 mil testes entre rápidos e os de RT-PCR, de um total esperado de mais de 9 milhões a serem entregues até julho. Ao todo, a meta do ministério é obter 22,9 milhões de testes. Segundo o boletim desta sexta-feira, São Paulo segue sendo o Estado com maior número de casos confirmados e mortos no país: 8.216 e 540, respectivamente. Em seguida, o Rio de Janeiro aparece com 2.464 casos e 147 mortos. O Ceará é o terceiro Estado mais afetado, com 1.478 infecções confirmadas e 58 mortos.- O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira que o número de casos confirmados do novo coronavírus no país subiu para 19.638 e que o número de mortos atingiu 1.056. O número de mortos atribuído pelo ministério ao vírus aumentou em 115 nesta sexta-feia em relação ao informado na véspera, confirmando tendência verificada desde terça-feira de mais de 100 óbitos registrados por dia. O número de novas infecções confirmadas subiu em 1.781, abaixo das 1.930 de quinta-feira e das 2.210 de quarta-feira. Até quinta-feira, o Brasil havia realizado quase 63 mil testes de detecção do novo coronavírus e tinha cerca de 127 mil casos pendentes de verificação, segundo dados do ministério, que rebateu críticas ao procedimento de testagem e declarou que o trabalho é satisfatório na comparação com os demais países. O ministério informou na ocasião que o Brasil já tinha recebido até quinta-feira 905 mil testes entre rápidos e os de RT-PCR, de um total esperado de mais de 9 milhões a serem entregues até julho. Ao todo, a meta do ministério é obter 22,9 milhões de testes. Segundo o boletim desta sexta-feira, São Paulo segue sendo o Estado com maior número de casos confirmados e mortos no país: 8.216 e 540, respectivamente. Em seguida, o Rio de Janeiro aparece com 2.464 casos e 147 mortos. O Ceará é o terceiro Estado mais afetado, com 1.478 infecções confirmadas e 58 mortos.

Faz 12 dias, se atualizou a reportagem para incluir uma negativa de um porta-voz de o Ministério da Saúde, mandada por mensagem de texto.

Faz 1 dia, o Iraque registrou 1.378 casos de Covid-19, incluindo 78 mortes, segundo o Ministério da Saúde, até 13 de abril.

Por outro lado, de acordo com as informações desta quarta-feira, o país contabiliza 1.795 casos de infecção pelo novo coronavírus. No total, 365 pessoas receberam alta desde o começo da propagação do patógeno.Hoje a secretária de Acesso na Saúde sobre os 14.850 exames realizados até o momento no território, o que encarna de %10 a %20 do nível recomendado pela Organização Mundial de Saúde declarou: «A Argentina está trabalhando forte para testar de maneira eficiente». A Saúde é carla Vizzotti.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Iraque interrompe Reuters por 3 meses por reportagem sobre casos de coronavírus
>>>>>Argentina chega a 69 mortes em decorrência do novo coronavírus – (EfeGeneric)
>>>>>Brasil tem 1.057 mortes por Covid-19 e casos chegam a 19.638, diz ministério – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Brasil tem 1.056 mortes por Covid-19 e casos chegam a 19.638, diz ministério – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Reuters 0 0 ORGANIZATION 9 a Reuters: 1, Reuters: 1, (tacit) ele/ela (referent: Reuters): 5, A Reuters: 1, (tacit) ele/ela (referent: A Reuters): 1
2 país 0 0 NONE 6 o país era: 1, o país: 5
3 esta 0 0 NONE 5 esta: 5
4 o número de mortos 0 280 NONE 4 o número de mortos: 2, O número de mortos: 2
5 mortos 0 280 NONE 4 58 mortos: 2, 147 mortos: 2
6 o Estado 0 0 PLACE 4 o Estado: 2, o terceiro Estado: 2
7 o Iraque 0 0 PLACE 4 o Iraque: 2, (tacit) ele/ela (referent: o Iraque): 1, O Iraque: 1
8 reportagem 35 0 NONE 3 A reportagem: 1, a reportagem: 2
9 Ministério da Saúde 0 0 ORGANIZATION 3 O Ministério_da_Saúde: 2, o Ministério_da_Saúde: 1
10 casos 0 0 NONE 3 2.464 casos: 2, 1.378 casos de Covid-19: 1

Por SentiLecto by NaturalTech

https://natural.do/tecnonews Based on SentiLecto’s cutting-edge technology by NaturalTech, TecnoNews offers immediate insights on thousands of news for Spanish and Portuguese press. TecnoNews’s features are specifically designed to understand the evolution of events and their underlying relationships. Moreover, with TecnoNews it is easy to publish brand new content by merging and enriching different coverages from various media outlets. These Natural Language Generation capabilities, which are an emerging technological trend in the field of Robo-Journalism, are ideal for SEO and SEM campaigns. SentiLecto by NaturalTech