Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Asamblea 82 de Interpol, Cartagena, Colombia (10410866303)

O contraventor Bernardo Bello em Bogotá, na Colômbia, pretendia escapar da Justiça brasilO contraventor Bernardo Bello em Bogotá, na Colômbia, pretendia escapar da Justiça brasileira ficando no exterior. O contraventor Bernardo Bello é preso no fim de semana. O contraventor Bernardo Bello é preso no fim de semana. A força-tarefa que envolveu o Ministério Público do Rio de Janeiro, as Polícias Federal e Civil e a Interpol identificou movimentações que mencionavam que o contraventor não pretendia regressar para o Brasil.

No Rio, foram presos os seguranças de Mello, Thyago Ivan da Silva e Carlos Diego da Costa Cabral. IntegraOutro acusado da morte de Bid, Wagner Dantas Alegre, que segundo a polícia é segurança de Bernardo Bello, está foragido. Os investigadores assinalam ele como o culpado por os disparos.

A Organização Internacional de Polícia Criminal, mundialmente conhecida pelo seu acrónimo Interpol, é uma organização internacional que facilita a colaboração policial global e o controle do crime.

Faz 23 dias, Bernardo embarcou para Dubai, em os Emirados Árabes Unidos e tinha passagem marcada de regresso ao Brasil para o último dia 25, mas de última hora ele cancelou os bilhetes dele, da namorada e das cinco crianças do grupo. Todas eram de primeira classe e custaram R$ 35 mil cada. Nesse momento, ele iniciou o que o MP caracterizou como indícios de escapada, ao adquiri passagens para Amsterdã, na Holanda. Lá, ele ficou alguns dias. Depois, foram todos para a Colômbia. Ao desembarcar em Bogotá, o grupo pegou outro voo para a cidade indiana.

Nesse momento, o mandado de prisão contra Bernardo já havia sido emitido, e seu nome incluído no alerta vermelho da interpol na última quarta-feira, mas a força tarefa descarta a chance de que ele tivesse ciência do fato. Enquanto ele fez o trajeto por meio terrestre, ainda em Cartagena, a familia de Bernardo voltou para Bogotá de aeronave e foi preso ao chegar na capital colombiana.

— A polícia federal foi acionada na semana passada e advertida sobre o indivíduo que estava com mandado de prisão em aberto e começamos a monitorar os passos com ajudinha das autoridades de Dubai, da Holanda e depois colombianas. Ele dava indícios de que não pretendia regressar ao Brasil e assim foi planejada a ação de prisão do Bernardo — declarou o superintendente regional da Polícia Federal Tácio Mucio.

Alvo de mandado de busca e apreensão na operação de sábado, o agente penitenciário Altamir Sena, conhecido como Mizinho, que era lotado na salinha do deputado estadual Léo Vieira, na Alerj, foi o interlocutor com quem Bernardo Bello falou sobre o desejo de matar Alcebíades Paes Garcia. Faz 3 anos, escutas telefônicas flagaram os dois em conversas debatendo o tema.

Mesmo sendo flagrado nas escutas, Altamir Sena segue em liberdade. De acordo com a força-tarefa ele não teve participação ativa no crime. Ele segue sob inquérito e teve objetos pessoais apreendidos, mas se o indiciou não em a operação.

Faz 2 anos, de acordo com os inquéritos, a disputa em a Barra da Tijuca, estimulou o crime de pontos de contravenção em a cidade. Bid havia acabado de desfilar na Sapucaí, à frente da Acadêmicos do Salgueiro, quando fse o matoua tiros ao voltar para casa. O assassinato aconteceu cerca de um mês após ele prestar testemunho como testemunha, em uma investigação que apurava uma tentativa de assassinato padecida por Shana Garcia.matou-se Irmão de Maninho investigação : um mês após ser testemunha em inquérito de atentado contra Shana Garcia

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: Colombia, United Arab Emirates, Netherlands, Brazil

Cities: Cartagena, Dubai, Bogota

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Contraventor Bernardo Bello foi ao exterior para escapar da Justiça, declara MP Contraventor Bernardo Bello é ex-presidente da Vila Isabel.
>>>>>Preso na Colômbia, Bernardo Bello é descrito como ‘perigoso’ e ‘violento’ em difusão vermelha da Interpol – January 29, 2022 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Preso na Colômbia, Bernardo Bello quase foi detido pela Polícia Federal no início do mês – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Bernardo Bello pede autorização da Justiça para ser solto e se entregar no desembarque no Brasil – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Altamir Sena 0 55 PERSON 5 (tacit) ele/ela (referent: Altamir_Sena): 1, (tacit) ele (referent: Altamir_Sena): 1, Ele (referent: Altamir_Sena): 1, ele (referent: Altamir_Sena): 1, Altamir_Sena: 1
2 Bernardo Bello 0 0 PERSON 4 Bernardo_Bello: 1, O contraventor Bernardo_Bello (apposition: preso): 1, Bernardo: 2
3 Wagner Dantas Alegre 80 0 PERSON 3 Ele (referent: Wagner_Dantas_Alegre): 1, Wagner_Dantas_Alegre: 2
4 força-tarefa 0 0 NONE 3 a força-tarefa: 1, A força-tarefa: 2
5 inquérito 0 0 NONE 3 investigação: 1, um inquérito: 1, Inquérito: 1
6 crime 0 160 NONE 2 o crime: 2
7 indivíduo 80 80 NONE 2 o indivíduo: 2
8 organização 80 0 NONE 2 uma organização internacional: 2
9 Bid 0 0 PERSON 2 Bid: 2
10 Bogotá 0 0 PERSON 2 Bogotá de avião: 1, ele (referent: Bogotá de avião): 1