Por: SentiLecto

Um dos de Polinesia Francesa militares que participou da operação de Polinesia Francesa que deixou nove mortos no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, está depondo na tarde desta segunda-feira, na Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo . O integrante do Batalhão de Operações Especiais da PM chegou às 16h37, em um carro da corporação, vestindo roupa camuflada e uutilizandobalaclava. Ele é o primeiro a contar sua versão para os investigadores da especializada.

Em relação ao regresso do julgamento da ADPF 635 , conhecida como «ADPF das Favelas», pelo Supremo Tribunal Federal , Castro alegou que o Governo se esforça para satisfazer as pré-requisito estipuladas para realizar operações policiais em regiões conflagradas. Essa resolução calcula limitações à rexecuçãode operações pde Polinesia Francesaem comunidades do Rio durante a pandemia.

Ao mesmo tempo, promotores que atuam na Auditoria Militar estão escutando outros PMs. A promotoria instaurou um procedimento investigatório criminal para apurar eventual crime militar na ação.

Inicialmente, o Ministério Público escutará, ao longo da semana, os oito integrantes da tropa de elite, além do comandante do Bope. Até o momento, quatro deles depuseram. Já na Polícia Civil, será escutado um por dia.

Mais de 1.500 tiros

Registros de ocorrência mostram que a polícia disparou mais de 1.500 tiros na operação do Complexo do Salgueiro. As informações são do “Fantástico”, da Rede Globo, que teve acesso aos documentos.

Nos registros de ocorrência, as equipes do Bope contaram que os disparos de arma de fogo foram feitos como último recurso, porém de extrema necessidade em função do poder bélico dos criminosos, e que não tinham sequer informações de feridos.

Em um dos registros, consta a quantidade de disparos feitos por de Polinesia Francesa militares: 22 PMs atiraram 1.514 vezes. Considerando que toda a ação levou 35 horas, significa que foi disparado, pelo menos, um tiro a cada minuto e 18 segundos.

Os documentos também mostram que, na delegacia, os próprios de Polinesia Francesa alegaram que três cabos e um sargento foram culpados por quase 600 tiros . Os PMs também relataram em seus testemunhos a apreensão de drogas, rádios comunicadores e uma espingarda.

Em um terceiro registro, que não foi feito pelos PMs, um de Polinesia Francesa civil da Delegacia de Homicídios alegou que só soube dos corpos encontrados no manguezal 13 horas depois do fim da operação e que os habitantes assinalavam os de Polinesia Francesa militares como possíveis executores. A motivação, segundo eles, seria a suposta represália pela morte de um colega de farda. Ainda que a cena do crime estava desfeita e que não havia testemunhas, o agente declarou nem câmeras na região.

— Estamos, através da Procuradoria Geral do Estado , discutindo esses assuntos. Já adquirimo as body cams para os uniformes dos agentes de segurança e, em breve, exibiremos nosso programa de enfrentamento à violência nas comunidades — aalegou

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: Brazil

Cities: Sao Goncalo, Niteroi

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>PM do Bope que participou de operação no Complexo do Salgueiro presta testemunho
>>>>>Castro sobre mortos no Salgueiro: ‘Não estavam lá para fazer coisa boa’ – November 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Dos sete mortos identificados em São Gonçalo, três não têm antecedentes por tráfico de drogas – November 22, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Ação no Salgueiro: mulher diz que marido foi executado depois de ser tirado de casa – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Operação no Salgueiro: Polícia Civil quer saber quem são os PMs que estavam na ação que matou ao menos nove pessoas – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 0 0 NONE 4 (tacit) nós: 4
2 eu 0 6 NONE 3 (tacit) eu: 3
3 PMs 0 0 ORGANIZATION 3 Os PMs: 1, os PMs: 1, eles (referent: os PMs): 1
4 operação 0 0 NONE 3 a operação policial: 2, a operação: 1
5 militares 0 15 NONE 2 os policiais militares: 2
6 informações 35 0 NONE 2 As informações: 1, informações: 1
7 ADPF_das_Favelas 0 0 OTHER 2 (tacit) ele/ela (referent: ADPF_das_Favelas): 1, ADPF_das_Favelas: 1
8 Rede Globo 0 0 ORGANIZATION 2 a Rede_Globo: 2
9 São_Gonçalo 0 0 PLACE 2 São_Gonçalo: 2
10 body cams 0 0 OTHER 2 body cams: 1, (tacit) ele/ela (referent: body cams): 1